Entre para a nossa lista e receba conteúdos exclusivos, sem censura e com prioridade!

ela

FF A MULHER

A foto de minha nudez, registrada pelo cultuado fotógrafo da Playboy, JR Duran, poderia estar aí por vaidade ou para atrair público ao site FF.
Pense o que quiser.
Mas antes, olhe bem.
Deixa-te penetrar pela imagem.
E perceba o que sente, o que te provoca.

Quando eu recebi a foto em mãos, do diretor da série “(fdp)” da HBO, Adriano Civitta, pensei:
“Quem é essa mulher, Fernanda?”

ver-mais

logo-cat

TERAPIA GESTALT – TRANSPESSOAL

logo-cat

VULVOSCOPIA FF – TERAPIA PARA MULHERES

FF Personas na mídia


Fernanda Franceschetto, fotografada pelo fotógrafo da Playboy, JR Duran durante as filmagens da série da HBO, “(fdp)”, em que FF como atriz, interpretou o papel da bandeirinha de futebol, Vitória.

A experiência traz um profundo insight: o confronto interno entre duas Fernandas. A mulher livre, que sente prazer e alegria em ser quem ela é - e por isso, natural e poderosamente sexual e divina; e a mulher refém da construção da imagem para atender as expectativas do olhar do outro em um brutal mundo patriarcal.

FF Personas na mídia


Destaque da revista VIP, como uma das musas do teatro contemporâneo por sua estreia na peça FEBRE, de Marcos Azevedo; e em entrevista polêmica sobre saída do jornalismo e assédio sexual.

A estreia de FF, como a personagem Clitóris-Mestra, também foi escolhida entre as melhores cenas dos 25 anos do Teatro Brasileiro, por Lenise Pinheiro, da Folha de SP, em seu “ Fotografia de Palco”.
A brutal personagem feminina leva FF ao abismo de sua sombra.

FF Personas na mídia


Aos 22 anos FF realiza o sonho de ser repórter na TV Globo em São Paulo, depois de insistir para não ser a moça do tempo. Estreia ao vivo, em horário nobre, no Festival da Música Brasileira.

Aos 25, torna-se refém da violência na Amazônia ao fazer uma reportagem investigativa para a TV Record e depois, torna-se apresentadora do Fala Brasil, ao lado de Alexandre Giachetto, inovando o telejornalismo brasileiro na época.

FF VOCAÇÕES DE VIDA

Compartilho aqui os caminhos que escolhi – e fui escolhida – para evoluir como ser humano nesta Vida.

VULVOSCOPIA FF 

Vulvoscopia é experimentar o autêntico poder feminino a partir da integração “ sexualidade – espiritualidade” como um canal para a realização íntima e a totalidade do ser:
corpo – vulva – vagina – útero – coração – consciência – ser
O objetivo é a tomada de consciência da mulher ao experimentar-se como realmente É; mais além da autoimagem, do ego, da ideia fixa e limitada que tem sobre si, como consequência do poder cultural e da desconexão com seu corpo como guia e templo sagrado.

ver-mais

FF A TRILHA

Acompanharás aqui as três grandes fases da autotransformação FF. Os títulos referem-se igualmente às três últimas capas da neurose em gestalt-terapia; e também ao processo de transformação em tradições espirituais.

FF renascimento

2011 – 2017

Este período retrata a explosão de vida, o encontro com a emoção e o ser genuíno, o renascimento da mulher FF a partir da entrega ao seu corpo e alma; a descoberta como fêmea sexual- sagrada, mística moderna, terapeuta e mãe de Laila, nascida em parto normal e pélvico.

FF morte

2004 – 2010

O período de morte ou implosão, retrata o encontro de FF com os aspectos mortos dentro de si, a partir do divórcio e da transformação pelo teatro; e também à experiências místicas de deslocamento do corpo e de proximidade com a morte física.

FF agonia

1996 – 2003

Situações de injustiça, assédio sexual e violência sofrida como jornalista de TV fazem FF viver em constante agonia apesar de seguir tendo sucesso na mídia; seu ego está apegado ao reconhecimento externo, para evitar os riscos de crescimento a partir da frustração.

FF BLOG

Salve, Irmandade! Aqui estarei nua para vocês, desde a alma! Comunicação honesta e direta! Sejam bem- vindos!

há de se buscar o êxtase sem vergonha e sem performance

14 de agosto de 2020

há de se buscar o êxtase sem vergonha e sem performance

Há de se buscar o êxtase, mulher. Sem um pingo de vergonha na cara ou no corpo. Esquecer os papéis que pensamos que precisamos desempenhar, especialmente o da sedutora. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Atuar, fingir, performar só serve pra fortalecer nosso ego ao sentirmos poder sobre o outro. O que torna-se um ciclo vicioso e acaba nos afastando do estado de presença onde habita nossa autêntica força erótica, a força sábia e orgânica que nos leva ao êxtase. Lembre-se: não é a outra pessoa que te faz ter orgasmos. Ninguém tem esse poder. É a profunda conexão contigo mesma que te conduz ao g.o.z.a.r quando consegues te entregar ao sentir vulva-vagina-coração. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Para que inventar uma personagem, sustentar uma máscara, quando o poder que há em ti está justamente em radicalizar a nudez de corpo e alma? E deixar-se amar assim, única e incomparável? ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ . . . Te deixo esta provocação, torcendo pra que tenhas coragem de experimentar a mulher que tu és, em toda tua potência natural….

Leia mais

a alma é a guardiã do amor que há em nós

13 de agosto de 2020

a alma é a guardiã do amor que há em nós

Amar a si mesma é a nudez radical ainda não experimentada. Há um corpo virgem a ser descoberto, uma nova terra a tua espera. O ser-fêmea, um território que a cultura patriarcal não conseguiu devastar. O espaço onde habita nossa versão mais selvagem, potente e livre: a alma. Quando a reconhecemos, a alma nos guia de volta ao amor próprio que perdemos em meio a tantas batalhas, sofrimentos, traumas e abusos. A alma é a guardiã do amor que há em nós. E é também por ela que nos abrimos à sexualidade profunda pela primeira vez. A experiência do êxtase é a experiência do amor, um estado de união entre o prazer…

Leia mais

o corpo da mulher é a nossa primeira Terra

13 de agosto de 2020

o corpo da mulher é a nossa primeira Terra

Somos seres orientados ao prazer. Desde o útero das fêmeas-mães às tetas e ao corpo quente da mulher que é a nossa primeira terra, registramos o sentido do prazer em todas as nossas células. E não precisamos de compreensão intelectual para termos consciência instintiva que o sentido de prazer é o sentido do amor (teorizado na palavra). Complica-se tudo a medida que vamos crescendo e sendo afastados dos corpos de nossas mães (pais / cuidadores) através de inconscientes e cruéis processos de domesticação do instinto. Traumas que nos fazem cair do paraíso e chegar à outras terras, à outros corpos onde a dor se propaga como vírus até ser “normalizada” nos relacionamentos. Estamos em tempos de encarar a dor, deixarmos de fingir que não a sentimos, por medo de não sermos acolhidos. Vamos com coragem dar-nos conta que a dor é o alimento de nossas sombras e máscaras em condutas culturais-patriarcais. A luz sempre seguirá o prazer, a alegria e a gratidão de estarmos vivos. Através do corpo nos comunicamos com a alma. Quando gozamos,…

Leia mais

não há censura que me fará desistir de ajudar as mulheres a despertarem!

13 de agosto de 2020

não há censura que me fará desistir de ajudar as mulheres a despertarem!

Censura: foi excluído o meu post mostrando o corpo de uma mulher segurando um papel com a seguinte frase: “ESSE É O LUGAR QUE CHAMO DE MINHA CASA”. Escrevi o texto sobre meu servir ao despertar das mulheres(e homens), ao AMOR e a expansão da consciência. Um texto que foi super curtido e comentado por várias pessoas, no instagram. Para que censurar? Se você está chegando agora no meu site e mídias sociais e não sente que está preparado para o que tenho a dizer, basta voltar ao seu lugar! Seguirei fazendo meu trabalho e agora repito por aqui o texto censurado:…

Leia mais

toda mulher detecta o que outra sente em algum grau

13 de agosto de 2020

toda mulher detecta o que outra sente em algum grau

Nossos corpos femininos se reconhecem uns nos outros pelo instinto, mais do que pela razão ou emoção. O faro da fêmea selvagem, que apesar da opressão do sistema machista/ patriarcal, ainda resiste e habita nossas entranhas, detecta o que a outra mulher está vivenciando em algum grau. Na dor ou no prazer. É natural. Vamos apurar esta percepção, este espelhamento de sombra e luz. Vamos nos ajudar. Vamos parar de competir e julgar…

Leia mais

o orgasmo nasce da total abertura, de nenhuma forma de censura

13 de agosto de 2020

o orgasmo nasce da total abertura, de nenhuma forma de censura

Nova censura contra FF no instagram! Desta vez o post censurado foi o que eu escrevi para o dia simbólico do orgasmo, no 31 de julho. Na imagem um casal de pessoas negras absolutamente unidas como uma escultura viva do amor, na integração total entre corpo e alma. Pois assim também experimento a plenitude do orgasmo na fusão absoluta da carne e na transcendência do espírito. O orgasmo nasce da total abertura, ou seja, de nenhuma forma de censura. O orgasmo nasce na travessia interna de todas as crenças limitantes que nos impedem à entrega e ao êxtase pleno. O…

Leia mais

no caminho da intimidade todos somos aprendizes

13 de agosto de 2020

no caminho da intimidade todos somos aprendizes

Não existe um lugar a se chegar e a se acomodar quando se trata de sexo, amor e relacionamentos com consciência. No caminho da intimidade todos somos aprendizes. Não importa idade, gênero ou orientação sexual. Até mesmo o grau de experiência e conhecimento não garantem segurança contra frustrações e dores afetivas das quais a mente e o ego tentam se proteger de qualquer maneira. A intimidade é um processo vivo, uma sequência surpreendente de metamorfoses no corpo e na alma. É a saída total da zona de conforto, seja para os que estão paralisados pelo medo de não sentirem conexão e prazer seja para os que se acham evoluídos, gozantes e livres. A intimidade é um processo de humildade, onde precisamos nos abrir uma e outra vez ao SENTIR. Um sentir que muda perante os momentos e as relações na vida. Assim como não podemos entrar num mesmo rio duas vezes, pois a água que se entra já modificou, nosso SER também se renova a cada vivência, a cada encontro. Tenhamos coragem para aprender a penetrar em nós mesmos e nos outros, como sendo sempre uma primeira vez. . . . E eu sigo aqui para ajudar a…

Leia mais

nos braços de um pai que não atuou desde o machismo patriarcal

13 de agosto de 2020

nos braços de um pai que não atuou desde o machismo patriarcal

Na foto, Fernanda nos braços de um pai que não atuou desde o machismo do patriarcado. Fui a primeira filha. A desbravadora. A que fez todos os caminhos opostos aos dele. A que criou e segue criando revoluções de mente, corpo e alma, esteja onde estiver. A filha libertária, comunicativa, transgressora, espiritual, bela, vaidosa, intelectual, poeta, fêmea em todos os graus. Deve ter sido insuportável ser meu pai em diversos momentos. Não fosse das maiores aptidões do Mário sustentar todo tipo de desafio com o máximo de presença e neutralidade, eu não teria me tornado a mulher livre que sou. Faz poucos anos que tomei consciência dos inúmeros esforços de meu pai para que eu pudesse existir no mundo sendo exatamente quem sou, em todas as fases de minha vida. Como pai, jamais me castrou, reprimiu, controlou ou subestimou. Pelo contrário, mesmo em ideias e ações muito transgressoras encontrava sua maneira de aceitar. Perante os desafios e dores que eu vivia, era quase sempre escuta ativa e silêncio acolhedor. Assim me devolvia para dentro de mim uma e outra vez, sem me dar respostas prontas nem dizer que caminho tomar. Era como me dar o troco da…

Leia mais

a intimidade é um processo inseparável da investigação sobre si mesma

13 de agosto de 2020

a intimidade é um processo inseparável da investigação sobre si mesma

A intimidade é um processo inseparável da investigação sobre si mesma. É a partir do autoconhecimento profundo que poderás fazer a ponte para o encontro com outra pessoa de maneira mais autêntica, livre, prazeirosa e plena. Não te reprima, não tenha pudores de começar este aprendizado abrindo-te para ti, literalmente. Teu momento é o presente, é o aqui e agora. Tenha coragem para começar o…

Leia mais

é a mulher selvagem que carrega nosso corpo de dor

13 de agosto de 2020

é a mulher selvagem que carrega nosso corpo de dor

É a mulher selvagem que carrega o nosso corpo de dor. Ela é a força irracional que nos impulsiona a seguir além, mesmo quando ainda choramos as feridas abertas do passado. Ela é a fera anímica que habita nossas entranhas e fareja os relações-territórios onde nos aprisionamos. A mulher selvagem é a guia do puro instinto sexual e sabe quando estamos a caminho de uma experiência de…

Leia mais

estou aqui para te contagiar a amar a ti mesma

13 de agosto de 2020

estou aqui para te contagiar a amar a ti mesma

Estou aqui pra te contagiar a abrir o alma e as pernas para aprender a amar a ti mesma. O trabalho interior com a biografia profunda na intimidade poderá te libertar da mulher que tu não és: a que foi construída pela cultura patriarcal e tornou-se refém da aprovação alheia, a que tem medo de impor limites e dizer não, a que sente culpa em ter prazer, gozar e merecer felicidade e abundância, a que sente vergonha em expressar plenamente os dons e a potência brilhante que há em si. Quando tomares consciência da conexão que existe entre o que guardas de sofrimento em teu coração e os bloqueios em tua sexualidade através da vulva, vagina e útero, uma nova possibilidade de fluxo de vida se apresentará. Um estado de flow, um fluir na transformação íntima,…

Leia mais

agonia da performance x conexão com o ser

31 de julho de 2020

agonia da performance x conexão com o ser

Há uma espécie de véu que separa a vontade de receber prazer do abrir-se autenticamente para isso acontecer. O condicionamento mental nos leva imediatamente a performar, a atender a expectativa que a outro tem sobre nós. Uma ideia louca de que: “precisamos mostrar tudo o que sabemos para impressionar e agradar”. Performar é fazer sexo sem estar em real conexão consigo e/ou com a outra pessoa, gerando um estado de ansiedade e…

Leia mais

nossos corpos serão sentidos, tocados e amados

31 de julho de 2020

nossos corpos serão sentidos, tocados e amados

Sonho e trabalho pelo dia em que nossos corpos serão sentidos, amados e honrados como moradas de nossas almas. Sonho e trabalho pelo dia em que não haverá medo, culpa ou vergonha que impeçam a intimidade profunda de ser vivida em plena expressão de potência, afeto e liberdade. Sonho e trabalho pelo dia em que a entrega ao outro será oferenda, ato de coragem e fé na guiança do sábio instinto em fluxo imprevisível, em transbordar de sensações e emoções que atravessarão as individualidades em suor, saliva, gemidos, sussurros, palavras, gritos, choros, gozo e gargalhadas mútuas. Sonho e trabalho pelo dia em que as águas do êxtase descongelarão as pelves e os escudos forjados na raiva acumulada por frustrações, dores e violências íntimas através de relações imaturas, abusivas, opressoras ou simplesmente vazias, solitárias, mortas, monótonas, tristes, sem prazer. Sonho e trabalho pelo dia em que todas as dores nos levarão ao novo parto de seres que querem viver a intimidade de verdade, na morada de seus corpos e no batismo sagrado de seus espíritos indomáveis….

Leia mais

mova-se em direção ao prazer

29 de julho de 2020

mova-se em direção ao prazer

Não importa se o sexo é real ou imaginário neste momento de quarentena: permita teu corpo fluir na energia erótica, mover-se em direção ao prazer em conexão com teu estado de PRESENÇA. Não desperdice nenhuma faísca de tesão que pode despertar e fazer crescer teu fogo, aumentar tua libido-energia-força vital. Se você está a sós com você mesma/o, não tenha vergonha nem culpa de desfrutar o presente que os deuses nos deram: a imaginação. Esteja com o corpo plenamente aberto e atento para as sensações incríveis que as fantasias podem proporcionar. Se estás com alguém, permita que o sexo se expanda para uma reconexão da intimidade. Experimentem olhar-se nos olhos por demorados momentos. Se abracem muito. Aprofundem o vínculo. Acolham-se. Comecem a romper com os padrões automáticos e recebam o tempo de sobra como provocação para evoluir na relação de vocês. E, na criatividade íntima! Vai pra cama, vai! E de novo, insisto: desliga o celular!!! Texto de Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu imagem: @carlotaguerreiro . . . ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ A vagina é o tema III do Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu. Um método de trabalho…

Leia mais

a integração feminino-masculino dentro e fora de nós

29 de julho de 2020

a integração feminino-masculino dentro e fora de nós

É urgente ampliar o olhar sobre o feminino e sobre o masculino. Esta é a polaridade que sustenta a vida e a condição humana, independente da forma física que manifestemos ou da orientação sexual. Já é hora de vencermos juntos a ignorância individual que nos separa, nos julga, nos categoriza e diminui o valor de nossas existências fazendo com que nos sintamos perdidos em vidas incompletas, vazias e sem sentido. A integração íntima feminino-masculino é o mais desafiador trabalho de libertação para o autoconhecimento e despertar para qualquer indivíduo que quer – e tem o direito inato –…

Leia mais

um corpo com traumas acumulados não se abre por inteiro

29 de julho de 2020

um corpo com traumas acumulados não se abre por inteiro

Não penses que rejeitar a dor que sentes em teu coração te tornará uma mulher forte. Ao contrário: a dor não reconhecida, expressada, compreendida e resignificada vai bloquear a evolução do vínculo afetivo e o prazer nas tuas relações, inclusive o potencial orgástico que há em ti. Um corpo com traumas acumulados não se abre por inteiro. Protege-se através do…

Leia mais

vamos derrubar o mito central da cultura patriarcal?

29 de julho de 2020

vamos derrubar o mito central da cultura patriarcal?

Vamos derrubar o mito central da nossa cultura patriarcal? A ideia do sexo falocêntrico, ou seja, o sexo direcionado à penetração, ao prazer e ao gozo do pênis; e o corpo feminino apenas como veículo para tal. Nós mulheres (e homens que querem despertar) precisamos ter coragem para romper este tabu justamente através do aprendizado sobre nossa sexualidade, nos tocarmos com amor e consciência e conhecermos o que nos dá prazer e não termos vergonha de começar um encontro sexual com atitude e transparência, honestidade sobre o que gostamos e não gostamos, ou seja, criando comunicação autêntica, empática e respeitosa. De forma alguma podemos ficar reféns de que nos tratem como buracos,…

Leia mais

FF responde ao leitor, no tema: desejo/fantasia

29 de julho de 2020

FF responde ao leitor, no tema: desejo/fantasia

” Boa noite, Fernanda…Sou homen e seu seguidor e gosto muito da liberdade com a qual fala sobre sexo. Uma mulher como você que é desejada/ fantasiada por muitos se sente ofendida ou “ feliz” por isso? Abraço” FF responde: De maneira alguma me sinto ofendida pela ideia de que homens tenham desejo ou criem fantasias comigo. Respeito a liberdade de cada um fazer o que bem entende com seus impulsos e força erótica. É o campo do outro, não meu. Não julgo nem reprimo. Tampouco fico “feliz” pois meu ego (bem gasto pela caminhada de trabalho interior) não precisa mais desse tipo de reconhecimento. Mas não serei hipocrita em negar o imenso poder que reside em ser desejada/ fantasiada sexualmente. E isso foi comum durante minha biografia e de certa forma me causou muito mais danos do que celebrações. Profissionalmente sofri muito na época como jornalista, repórter e apresentadora de TV; e há mais de dez anos quando não se falava sobre assédio sexual abertamente, eu já dava a cara a tapa em entrevista…

Leia mais

o feminino absoluto rompe a mente patriarcal

24 de julho de 2020

o feminino absoluto rompe a mente patriarcal

O feminino absoluto rompe a mente patriarcal. Vai além do corpo de uma mulher. É a alma feminina coletiva, o arquétipo da potência máxima geradora da vida em integração com a vulnerabilidade radical de quem vive em corpo cuja natureza é ABERTURA. O feminino abre-se. E seguirá abrindo-se e protestando em diversos e necessários níveis. Não admitirá qualquer forma de violência. Seja íntima, individual ou coletiva. O feminino é ação de CURA, dentro e fora de cada corpo. Iremos seguir “levantando as saias” para reverenciar o poder e a beleza que nos compõem como faziam diversas culturas da antiguidade seja para espantar demônios ou para festejar entre muitas gargalhadas a impotência do mal perante o AMOR PELA VIDA que corre em nossas entranhas. Texto de Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF: A jornada íntima…

Leia mais

o medo, a culpa e a vergonha em nossos corpos

24 de julho de 2020

o medo, a culpa e a vergonha em nossos corpos

Cada corpo carrega suas dores e traumas. Assim como todas as omissões que precisou fazer para conseguir sobreviver e seguir adiante. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ E é por carregar tantos registros de dor dentro de si que a grande maioria das mulheres acaba sofrendo de “amnésia pélvica”, ou seja, de um profundo esquecimento, congelamento, desconexão com a própria pelve, com a zona de potência máxima, instintiva, sexual e vital. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ O medo, a culpa e vergonha são bloqueios emocionais que estão somatizados em nossa pelve, por termos sido tão oprimidas em nosso instinto feminino natural, sexual. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Estes bloqueios emocionais desequilibram energeticamente os…

Leia mais

a intimidade altera a superfície ordinária do sexo

24 de julho de 2020

a intimidade altera a superfície ordinária do sexo

A intimidade altera a superfície previsível do sexo. É quando realmente nos despimos de tudo o que pensamos ser ou queremos parecer frente a outra pessoa. É quando ficamos nus para VER dentro dos olhos e SENTIR no coração a coragem para arrancar máscara, identidade e ego. É ser arrebatado pela potência do êxtase que brota na ENTREGA MÚTUA. É fluir na penetração da carne que levita em amor pelo espírito que a sustenta. É a insubstituível COMUNHÃO. Texto de Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu ⠀⠀⠀⠀ . . . O coração é o tema V do Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu. Um método de trabalho de FF para o autoconhecimento feminino profundo que integra psicoterapia, sexualidade e espiritualidade em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Informações completas na sessão VULVOSCOPIA FF AQUI NO SITE FF! CONSULTAS ONLINE E OUTROS TEMAS DE TEU INTERESSE,…

Leia mais

a vulva é o maior desafio para a mulher (re)conhecer a si mesma

22 de julho de 2020

a vulva é o maior desafio para a mulher (re)conhecer a si mesma

A vulva é o maior desafio para a mulher começar a (re)conhecer a si mesma, a se amar, a despertar o autoerotismo essencial e revolucionário. Desde crianças fomos censuradas na investigação natural do auto toque, na alegria espontânea de ficarmos nuas, de nos cheirarmos, de experimentar nossos fluidos, de estarmos livres e felizes na deliciosa descoberta do prazer em nossos corpos. Fechar e fechar e fechar as pernas e não mais tocar em nós mesmas foi nos distanciando de uma…

Leia mais

coragem para saltar corpo a dentro!

22 de julho de 2020

coragem para saltar corpo a dentro!

Coragem para fechar os olhos e SALTAR corpo a dentro! Nada é mais desafiador e transformador do que decidir se encarar, se escutar e SUSTENTAR O ESTADO DE PRESENÇA NO AGORA VENHA O QUE VIER! PARAR e RESPIRAR é assustador e libertador, ao mesmo tempo! Abre a porta do aqui e agora para ESTAR AÍ, PARA TI. SEM FAZER coisa alguma. Sem criar expectativa. Sem desejo por resultado ou busca do tipo: “ meditar em paz de espírito”, isso é autoengano! Quem entra em si através do silêncio e do foco no estado de presença encontra os próprios demônios em festa! Uma intensa coreografia mental – emocional avassaladora. Abrir-se para observar e reconhecer este baile sombrio dos aspectos negados…

Leia mais

desliga o celular, liga o modo vulva

22 de julho de 2020

desliga o celular, liga o modo vulva

Desliga o celular. Liga o modo vulva. Experimenta em algum momento, deixar de alimentar as pulsões negativas da mente baixando para teu corpo, para a presença plena no aqui e agora. Respira tua intimidade sagrada e profunda sem cobrança, sem pressão, sem planos, sem expectativas. Apenas leva o estado de atenção da consciência para a tua vulva. Cada vez que teus pensamentos te desconectarem, volta a focar na respiração, leva uma e outra vez a consciência para a tua vulva. Permita que ela te guie através da respiração e deixa-te levar por movimentos espontâneos, autênticos, intuitivos, instintivos. E abre tua garganta, liberta o som que vem das entranhas, sem vergonha nem censura! Há tempo para tocar-te a cada agora como longa e primeira vez. Te permita! Te ama! Tua alma necessita da luz do prazer em ser a mulher que tu és ligada! Texto de Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu Foto: @alina.gross . . . A vulva…

Leia mais

servindo ao amor e à evolução da consciência

22 de julho de 2020

servindo ao amor e à evolução da consciência

“ aquele que tem a vocação de curar almas, não se apoia em teorias nem técnicas e sim em sua experiência pessoal do caminho interior e de sua criatividade. Quando o terapeuta já amadureceu o suficiente, a ajuda chega ao paciente através do simples encontro”. Palavras do indicado ao Nobel da Paz em 2015, Dr Claudio Naranjo, psiquiatra e mestre espiritual, ícone mundial da Gestalt-Terapia e Eneagrama. Um mestre iluminado que reconheceu profundamente minha jornada de autotransformação como ser humano (e mulher) e incentivou meu caminho como Psicoterapeuta gestalt através de minha criação Vulvoscopia FF: a serviço da verdade, da autenticidade e da sexualidade. Sem tabus e pelo aprofundamento do feminismo na consciência sobre si, na biografia particular e incomparável de cada mulher. Estou aqui para ti, por todas e todos nós ! Para servir ao Amor, a integração da sexualidade-espiritualidade e pela evolução da consciência! Em meu site FF vc pode ver o vídeo completo feito pelo…

Leia mais

como pode ser tão desafiador amar a si mesma?

22 de julho de 2020

como pode ser tão desafiador amar a si mesma?

Como pode ser tão desafiador amar a si mesma? Reflete sobre a pergunta que faço, com serenidade e silêncio. Pausa durante a experiência que proponho, os discursos e críticas sobre a mulher que és ou te cobras para ser. Abre desde o coração, um espaço-tempo para escutar com vontade e disposição o que teu corpo-alma querem e precisam te revelar. Experimenta estar contigo. E para de esperar um salvador ou salvadora que saberá te amar como mereces e te conduzir à intimidade e felicidade que sonhas. Isso não existe. Começa a aprender como TE AMAR (para genuinamente amar outra pessoa e ser amada). E o primeiro passo para isso é DECIDIR TE CONHECER. Não…

Leia mais

a intimidade altera a superfície ordinária do sexo

22 de julho de 2020

a intimidade altera a superfície ordinária do sexo

A intimidade altera a superfície previsível do sexo. É quando realmente nos despimos de tudo o que pensamos ser ou queremos parecer frente a outra pessoa. É quando ficamos nus para VER dentro dos olhos e SENTIR no coração a coragem para arrancar máscara, identidade e ego. É ser arrebatado pela potência do êxtase que brota na ENTREGA MÚTUA. É fluir na penetração da carne que levita em amor pelo espírito que a…

Leia mais

Assista a Palestra de FF – A jornada íntima sem tabu – online SER MULHER!

22 de julho de 2020

Assista a Palestra de FF – A jornada íntima sem tabu – online SER MULHER!

É com muita alegria que te convido ao SERMULHER – Primeiro Seminário de Coletivos de Mulheres do Brasil – um evento incrível feito por mulheres e para mulheres, 100% online neste momento e em 2021 ao vivo, em grande e maravilhoso local em Porto Alegre! Eu serei uma das palestrantes do SERMULHER, com a apresentação do Vulvoscopia FF: “ A jornada íntima sem tabu”, em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-Ser. O Vulvoscopia FF é minha criação VIVA e método terapêutico para servir às mulheres, ao autoconhecimento feminino profundo, ao despertar integral na libertação dos tabus do patriarcado, integrando sexualidade, espiritualidade e psicoterapia!!! São mais de 30 palestrantes mulheres trazendo muito conhecimento prático para a crise que estamos vivendo, em vários âmbitos de nossas vidas! Além de muitas surpresas, entretenimento, atrações artísticas, música, dança e arte! O evento será entre os dias 12-16 de agosto e os ingressos podem ser adquiridos através do HOTMART, no link: https://cutt.ly/3uAxrV7 Espero vocês, plena de amor e coragem para contagiar e transformar teu SERMULHER! VAMOS JUNTAS NESTE EVENTO!!! ESPERO…

Leia mais

que o amor nos possua

16 de julho de 2020

que o amor nos possua

Que este não saber o que vai acontecer nos leve ainda mais além. Até pelo menos o momento em que o AMOR terá nos possuído de tal forma que experimentaremos o fim da ilusão de separação entre nós. As paredes serão derrubadas e veremos os olhos uns dos outros como raios de luz, revelando e desnudando os corpos dos seres divinos que somos sem vergonha. Não estaremos mais aprisionados em carcaças culturais e inconscientes de personagens individualistas, solitários e insensibilizados por traumas e dores de biografias sufocadas e dominadas pelo MEDO de não nos sentirmos AMADOS COMO SOMOS. Que possamos afirmar a cada agora a coragem para recomeçarmos a aprender a amar a nós mesmos e a sermos amados, para penetrarmos uns nos outros por amor, para ouvirmos uns aos…

Leia mais

agradeço a vida recebida sendo um canal para o amor

16 de julho de 2020

agradeço a vida recebida sendo um canal para o amor

Quando vi esta foto não pensei duas vezes e logo a tomei para mim. Eles nem sabem disso. Não sei nem se lembram da foto. Mas não me contive. Vi estes seres livres, apaixonados, alegres e companheiros usando roupas praticamente iguais, naturalmente sensuais, e me apaixonei pelo casal. Quem diria que meus…

Leia mais

o que se passa bem lá dentro chega à flor da pele

16 de julho de 2020

o que se passa bem lá dentro chega à flor da pele

Tudo o que se passa bem lá dentro, nas raízes de nossas entranhas, coração e mente chega à flor da pele, que só espera uma chance, um toque, um sopro para se abrir. Ser receptiva às necessidades profundas de afeto e acolhida é um ato de coragem e de amor próprio. Não vamos ignorar mais a voz de…

Leia mais

o amor está no entre

16 de julho de 2020

o amor está no entre

O AMOR está no ENTRE. Entre eu e tu. Entre tu e eu. Entre corpo e alma. ENTRE a existência do outro e a nossa própria existência. Texto de Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF: A Jornada Íntima foto:@annebarlinckhoff

Leia mais

mergulha no teu instinto e confia

16 de julho de 2020

mergulha no teu instinto e confia

Mergulha no teu instinto e CONFIA. Não há crença que sobreviva em corpo que goza. Batizado na liberdade do SENTIR. Obediente às escrituras sagradas da pele viva no agora. Fiel seguidor de seu deus, de seu sexo sagrado. Não há paraíso perdido para um corpo não domesticado. Aproveita momentos do final de semana para desligar o celular e FLUIR na entrega ao AUTOEROTISMO ou na comunhão erótica com outra pessoa!!! Experimenta, arrisca, desconstrói e te abre para NÃO CONTROLAR, DEIXA TEU CORPO TE GUIAR! Texto de Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu .⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Foto: FF no paraíso

Leia mais

te provoco a recuperar a fé e o amor por ti

16 de julho de 2020

te provoco a recuperar a fé e o amor por ti

Como psicoterapeuta sou corajosa provocadora: penetro profundamente a alma de uma mulher para que ela SINTA que MERECE ter PRAZER na VIDA sendo EXATAMENTE QUEM ELA É; e isso inclui a sexualidade, mas vai muito, muito além. A provoco a sentir que não precisa estar refém de ninguém – muito menos de abusadores psicológicos (disfarçados de gente que evita entrar em contato com as emoções) – por medo de enfrentar que não está sabendo se auto-valorizar e sair fora. A provoco a sentir que não precisa se adequar e muito menos se diminuir para manter a outra pessoa interessada nela e se contentar com migalhas de ter apenas um bom sexo ou uma companhia bacana de vez em quando. A provoco a sentir que não precisa separar a vulva de seu coração por medo de que a outra pessoa não acolha a imensa vontade de amar que há naturalmente dentro dela. A provoco a sentir que não precisa buscar segurança na outra pessoa para conseguir se soltar na cama. A provoco a sentir que não precisa voltar a ser passiva por temer que o…

Leia mais

Abre-te para despertar a mulher que tu és!

16 de julho de 2020

Abre-te para despertar a mulher que tu és!

Salve, corpo bendito! Toca-te! Benze a tua pele. Ora no prazer de sentir-te VIVA! Em nome da pelve, da vulva e do espírito erótico, A B R E – T E para despertar a mulher que tu és! Exorciza a morte – disfarçada em medo de viver, culpa por não ser perfeita e vergonha de ser autêntica – que te impede de conhecer o êxtase de ser tu e gozar integralmente como mereces! D E S N U D A – T E! A liberdade te levará ao êxtase. Que teu inverno comece na aceitação das mudanças necessárias a tua r-evolução! E que sejas fortalecida pela L U Z corajosa que há dentro de ti e que alinhará a tua consciência ao teu coração e a tua vulva maravilhosa! Respira e confia no aqui e agora! Sigo contigo, em FÉ, CORAGEM E AMOR! Texto de Fernanda Franceschetto…

Leia mais

tenha coragem de sair do previsível, da superficial

16 de julho de 2020

tenha coragem de sair do previsível, da superficial

Entre diversos estímulos que podem proporcionar prazer momentâneo ou a experiência da escolha pela entrega profunda ao outro/a, não duvide! Tenha coragem de sair do previsível, da superfície, do tesão passageiro para A B R I R – S E ao desconhecido. O estado de abertura é o erotismo vivo e consciente, exatamente o contrário de quando estamos famintos e desesperados para sentir prazer. Abrir-se é decidir romper a máscara e ficar nua/nu de verdade. É deixar de pensar em si mesmo/a. É abandonar o objetivo do próprio gozo. É respeitar e reverenciar o corpo-templo do outro/a. É receber o toque sem ansiedade, expectativa ou crítica. É deixar-se guiar e ser guia na dança imprevisível do amor em estado de presença plena no aqui e agora. Texto de Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu ⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Leia mais

a vulva não é uma parte, nem a entrada de um buraco

16 de julho de 2020

a vulva não é uma parte, nem a entrada de um buraco

A castração da vulva será sempre a castração da mulher por inteira. A vulva não é uma parte, nem a entrada de um buraco. A vulva é a mulher, a abertura de um universo único com infinitas possibilidades de experimentações e vias de acesso tanto ao paraíso dos êxtases e alegrias quanto ao inferno das dores e violências. A negação da imagem da vulva e o desconhecimento do prazer feminino é a consequência mais cruel do patriarcado, que castrou a todas nós através…

Leia mais

todas as relações que vivemos constituem o nosso corpo

16 de julho de 2020

todas as relações que vivemos constituem o nosso corpo

Todas as relações que vivemos constituem o nosso corpo, estão ao alcance da nossa pele. Ao tocar a nós mesmos ou sermos tocados por outros, penetramos este tecido vivo, esta grande escultura afetiva, repleta de memórias. Resistimos a intimidade por temer o que pode vir à tona do passado para a vivência do agora. Certamente surgirão lugares de dor e desconforto, que precisam sair, ser expressados, para esvaziar-nos e abrir espaço para o prazer e o amor genuíno. Mas a pergunta é: como comunicar a verdade do que se está sentindo, experimentando, na intimidade? Primeiro: iniciar um movimento de entrega ao teu próprio corpo, ao autoexame, à entrada no agora, apurando teus sentidos, aprendendo a respirar, a te escutar, a te tocar, a te sentir. Atravessando o endurecimento íntimo pelos ritmos da vida em que não houve tempo para estar em contato com as próprias…

Leia mais

ao penetrar teu corpo, descobrirás uma nova vida

16 de julho de 2020

ao penetrar teu corpo, descobrirás uma nova vida

O CORPO É a tua existência. É a tua terra. É a tua morada. É a tua biografia É o teu guia. É o teu agora. É o teu presente. É a tua sabedoria. Quando aprenderes a penetrar teu corpo, em pleno estado de presença e atenção, descobrirás uma nova vida. Aproveita as pausas e VIVA o teu CORPO. Desliga o celular para estar em tua carne, em teu ser, em teu sexo sagrado. E lembre-se:nossos corpos estão aqui nesta terra para serem sentidos, vividos, experimentados, tocados. Não usados. Se assim o permites ou o fazes – o que dá na mesma – investiga o que estás sentindo por ti. Olha com coragem para as tuas relações íntimas. São retratos imediatos da tua sombra e da tua luz: do amor ou da falta de…

Leia mais

a gratidão transforma

16 de julho de 2020

a gratidão transforma

A gratidão é um caminho à transcendência e à virtude da sabedoria. Não como dogma a um poder superior ou prática mágica para resolver os problemas da vida. E sim como ato de escuta, comunicação e reconhecimento do outro aqui nesta Terra. Enquanto agimos e pensamos de maneira autorreferente – infantil e egoica – de que o mundo existe para nos servir, estaremos ingratos, reclamando da vida, da situação atual e das pessoas. Afinal, o inferno é a crise, são todos os outros, e não eu. Quando começamos a ampliar a consciência para nossos atos, palavras e omissões nos…

Leia mais

a mulher forte larga a armadura para que a alma respire

16 de julho de 2020

a mulher forte larga a armadura para que a alma respire

A mulher forte aprendeu a viver com o coração aberto. Largou a armadura para que a alma respire. Confia na vulnerabilidade, sabe quem é. Não depende da aprovação de ninguém. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ A mulher forte aprendeu a ter escuta atenta de si, dos outros, do mundo. Ouve além da palavra, do discurso, da sedução, da manipulação, da retórica. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ A mulher forte identifica e aceita o sentimento que vive por trás de cada expressão. A mulher forte aprendeu a experimentar o próprio corpo com total interesse. Está presente em cada gesto, cada movimento, cada ação. A mulher forte sabe que seu corpo não mente. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ A mulher forte aprendeu a vencer o medo de olhar nos olhos: sinceramente, abertamente, corajosamente. Sendo quem é, aprendeu a deixar-se ver, a deixar-se amar. A mulher forte aprendeu a viver na fonte de luz que habita seu ser. Não há trevas que a façam duvidar de que está no seu caminho. Texto de Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF: A…

Leia mais

não há espiritualidade que não seja terrena

16 de julho de 2020

não há espiritualidade que não seja terrena

Não há espiritualidade que não seja terrena, na carne tomada por corajosa e plena presença. A embriaguez do êxtase – aspecto transcendente/ divino de nossa existência – torna-se autoengano e fuga se não canalizada como potência para enfrentar nossas sombras e para servir uns aos outros. Somos muito mais sombras do que luzes. Enquanto não aprendermos a dançar e a encarar os passos íntimos e negados de nossa própria…

Leia mais

resgata o prazer absoluto de ser quem tu és

16 de julho de 2020

resgata o prazer absoluto de ser quem tu és

Por baixo de todas as capas da personalidade, há um instinto selvagem que sobrevive e anseia pela libertação dos tabus, das sufocantes angústias geradas pelo medo, culpa e vergonha de habitar um corpo feminino castrado em sua potência sexual pela cultura patriarcal. Coragem para te desnudar completamente e resgatar o prazer absoluto de ser quem tu és. Rasga os véus que te impedem de enxergar, sentir e confiar na biologia profunda de tuas entranhas, onde teu poder vital de animal fêmea dança com teu espírito erótico, livre e sagrado. Não duvida: tua natureza selvagem é o caminho de volta para tua alma, amor próprio e alegria de estar viva por inteira. Texto de Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem…

Leia mais

entrego à luz o tabu vivido pela imensa maioria das mulheres

16 de julho de 2020

entrego à luz o tabu vivido pela imensa maioria das mulheres

Entrego à luz o tabu vivido pela imensa maioria das mulheres de nossos tempos: a própria vulva. O símbolo máximo da vida, da potência criadora e criativa, da sabedoria intuitiva e vivencial, do êxtase livre e natural, da autorrealização individual e espiritual, do amor incondicional à terra e às criaturas foi mutilado pelo sistema patriarcal. Proponho um choque instintivo e contagioso de consciência, um relembrar urgente, um recordar imediato da obviedade criadora, da toda poderosa natureza feminina, um despertar radical do pesadelo que castrou a mulher em sua genitalidade-sexualidade, usando-a como buraco para um sem fim de impulsos doentios e desvirtuados de machos e fêmeas embriagados pela ignorância cultural. Só há um caminho: a vontade como potência para a própria transformação. Dar-se conta da negação e abandono de si mesma, abrir-se para expressar e confiar na acolhida…

Leia mais

te transforma em autoamor e autocompaixão

16 de julho de 2020

te transforma em autoamor e autocompaixão

Experimenta penetrar o corpo e silenciar a voracidade das vozes mentais, desejosas por resultados imediatos a cada fazer do dia. Fecha os olhos, respira, acolhe a turbulência gerada na carne pelas nuvens de pensamentos sem fim. Permite a cabeça cair das alturas e aterrissar no território seguro, na totalidade concreta e imediata da tua existência: a pele. Respira e…

Leia mais

nem o mais doloroso relacionamento extermina a vontade de voltar a amar

16 de julho de 2020

nem o mais doloroso relacionamento extermina a vontade de voltar a amar

Nossa natureza amante está sempre disponível. Vive dentro de nós. Nem o mais doloroso relacionamento consegue exterminar a vontade de voltar a amar. A cabeça resiste, teme, duvida, desacredita, boicota. O coração nunca. A potência erótica – vital – nos impulsiona a seguir. A não desistir. A nos abrirmos uma e outra vez. Não podemos paralisar a natureza que quer – e precisa – amar. Coragem para enfrentar, trabalhar e fazer o luto dos relacionamentos que seguem nos impedindo a novamente nos entregar. Texto de Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu . . . O coração é o tema V da Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu. Um método de trabalho para o autoconhecimento feminino profundo que integra psicoterapia, sexualidade e espiritualidade em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. Mais informações aqui no site FF, confira! ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Leia mais

o único pecado nesta vida é não libertar a mulher que tu és

16 de julho de 2020

o único pecado nesta vida é não libertar a mulher que tu és

Resgata o paraíso perdido através da coragem de experimentar a sexualidade como TE AMAR de corpo e alma. Rompe os tabus que te impedem de vivenciar o autoconhecimento íntimo. Encontra a Eva que há em ti: não a culpada por comer o fruto da desobediência à ordem patriarcal e responsável pela queda do paraíso, mas sim a que liberta a si mesma e ao outro/a para ir além do mundo conhecido e seguro, para sentir prazer e descobrir o que é viver na própria pele, com as próprias regras, partilhando íntima e plenamente a existência humana. Desperta: o único pecado nesta vida é não libertar a mulher que tu és. Texto de Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ . . . ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ A vulva é o tema II da Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu. Um método de trabalho para o autoconhecimento feminino…

Leia mais

o êxtase escolhe um corpo de alma nua

16 de julho de 2020

o êxtase escolhe um corpo de alma nua

O êxtase escolhe um corpo vulnerável, aberto, sem tensão, sem medo, sem expectativa, sem controle, sem rejeição. O êxtase escolhe um corpo atento ao SENTIR no momento presente, fiel À PRESENÇA no AQUI E AGORA. O êxtase escolhe um corpo que não duvida das sensações de prazer e deixa-se guiar por elas. O êxtase escolhe um corpo não reprimido por crenças mentais negativas, exigentes e cruéis. O êxtase escolhe um corpo LIVRE de máscaras, personagens e jogos de dominação-submissão. O êxtase escolhe um corpo de ALMA NUA. Texto de Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu . . . O corpo é o tema I do Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu. Um método de trabalho para o autoconhecimento…

Leia mais

solta a biografia de frustrações sexuais e afetivas de teu passado

16 de julho de 2020

solta a biografia de frustrações sexuais e afetivas de teu passado

Solta a biografia de frustrações sexuais e afetivas do teu passado e não te deixa aprisionar pelo medo ou ansiedade quanto ao futuro. Aprende a estar na tua Presença, o único caminho possível para resgatar o amor próprio que perdeste. Escolhe te olhar, te escutar, te acolher, te sentir, te tocar. Escolhe despertar teu corpo-templo com as três chaves divinas: respiração, som e movimento. Tua vulva, – separada de ti pelo sistema patriarcal em que foste criada, domesticada e oprimida – teus seios, ânus e toda tua pele, estão a tua espera, para te ensinar o caminho de volta ao paraíso, ao amor por ti sem tabu. Te experimenta. Te diverte. Te liberta. Sem pressão. Com disposição, paciência e delicadeza. Não há objetivo nem conquista a ser feita. Há um chamado a ser atendido: voltar a tua casa mais íntima, tua alma, através do…

Leia mais

que a potência erótica-instintiva rompa a maldição do sexo sem presença

16 de julho de 2020

que a potência erótica-instintiva rompa a maldição do sexo sem presença

Que nossa potência erótica- instintiva rompa a maldição do sexo sem presença, do costume de fazer por fazer, ou pior, fazer para agradar a outra pessoa. A mente é o corpo. O corpo é a mente. Não há separação. Somos um todo. Cada vez que permitimos – e até queremos – uma pe.ne.tra..ção de qualquer jeito (seja pra acabar logo porque não estamos gostando, ou porque não sabemos como agir ou porque não temos coragem de dizer que não está…

Leia mais

o sexo é o poder vital absoluto

16 de julho de 2020

o sexo é o poder vital absoluto

Sonho com o dia em que será piada termos sofrido o tabu do viver e expressar a própria sexualidade com honestidade. O sexo é o poder vital absoluto. Se ficamos aprisionadas na mentira das relações e/ou nas polaridades básicas: contenção/ repressão ou liberação/ promiscuidade deixamos de experimentar e descobrir o E S T A R nesta energia erótica, o fluir nesta força vital. Inteiras – mesmo quando acompanhadas – na consciência íntima sexual. É uma re-educação do sentir vital/erótico profundo, do eterno tempo no A G O R A, da conexão corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. Um resgate arquetípico no aqui e agora da sacerdotisa sexual livre, dos templos dedicados ao A M O R, existentes antes do patriarcado. O corpo da natureza era o próprio corpo da mulher – encarnação da Deusa. Feminilidade devastada, natureza devastada e relações sexuais devastadas são sinônimos. O sexo, natureza divina, pode e precisa ser reencarnado e experimentado na totalidade corpo-alma. Acredita no chamado íntimo para a expansão da tua consciência na integração psicoterapia-sexualidade-espiritualidade. Eu estou aqui para te dar…

Leia mais

experimentar o êxtase na queda das fronteiras do ego que nos separa

16 de julho de 2020

experimentar o êxtase na queda das fronteiras do ego que nos separa

Expor-se na intimidade, revelar-se em presença sem máscaras, em nudez autêntica, é para quem tem coragem de estar inteiro em seu próprio corpo-território. Não é mostrar-se de maneira egoista, superficial ou na defensiva. Ao contrário. Quem se despe na liberdade interior de assumir-se imperfeitamente humano, olha para a outra pessoa desde uma empatia radical: sabe que o ser que está em sua frente é um outro corpo-território único, tão autônomo e digno quanto o seu, com identidade incomparável, habitando uma existência tão desafiadora, solitária e sagrada quanto a sua. Entregar-se ao…

Leia mais

na raiz de tuas entranhas, tuas asas te esperam

16 de julho de 2020

na raiz de tuas entranhas, tuas asas te esperam

Se procuras o êxtase mulher, é a ti mesma que está buscando. Na raiz de tuas entranhas, despida de todas as máscaras, tuas asas te esperam. Texto de Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu . . . Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu. Um método de trabalho para o autoconhecimento feminino profundo que integra psicoterapia, sexualidade e espiritualidade em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Veja as informações completas sobre o Vulvoscopia FF aqui no site FF!!! Foto: FF por @ronaldoamboni ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Leia mais

amar é um ato de coragem

16 de julho de 2020

amar é um ato de coragem

Amar é um ato de coragem. É romper a couraça que nos protege do medo de sofrer. É desafiar nosso tempo de encontros líquidos e superficiais, em que a maioria busca alívio imediato à solidão, escondendo a necessidade profundamente humana de criar vínculos, pregando discursos que promovem cada vez mais separação e alimentando o patriarcado: que sustenta-se justamente na fragmentação e não na unidade. Permita-se abrir o peito. Não só para lutar. Mas também para olhar dentro de ti. Investiga se o que estás falando da boca pra fora é…

Leia mais

coragem para sair da violência íntima silenciosamente vivida

16 de julho de 2020

coragem para sair da violência íntima silenciosamente vivida

Coragem para trabalhar internamente e aprender a sair das dores, dos traumas, dos bloqueios, da violência íntima – silenciosamente vivida. Cada uma sabe o grau de opressão que ainda se permite viver, mesmo que externamente faça discursos muito bem embasados e seriamente defendidos. De nada adianta usar a voz para sustentar ideais…

Leia mais

não dá pra passar a vida inteira aprisionada no corpo sem descobrir que é um templo

16 de julho de 2020

não dá pra passar a vida inteira aprisionada no corpo sem descobrir que é um templo

A autocensura é a prisão existencial a qual todas estamos limitadas por medo de não sermos perfeitas perante o julgamento alheio, ao crítico “olhar” do mundo sobre nós. O olhar cego de uma ignorância cultural que nos intimida desde a infância, nos domesticando e comparando para atender aos “padrões de sucesso”, sejam eles físicos, comportamentais, emocionais ou cognitivos. Não somos valorizadas por nossa existência e virtudes humanas em…

Leia mais

Relacionamentos românticos e Psicologia Positiva com FF

2 de junho de 2020

 

FERNANDA FRANCESCHETTO E SUA MISSÃO DE AJUDAR AS PESSOAS EM SEUS RELACIONAMENTOS ROMÂNTICOS! E pensar que o caminho de despertar e autotransformação feminina de Fernanda Franceschetto começou com a pergunta de sua avó Nayr: “ Você é feliz, minha neta?”, frase que mudou a sua vida e que ela conta como isso aconteceu neste primeiro video da série: “Como ajudar as pessoas em seus relacionamentos românticos através da Psicologia Positiva?”; resultado das investigações em sua pós-graduação em Psicologia Positiva com os fundadores deste movimento internacional de vanguarda da Psicologia contemporânea (Martin Seligman, C.Mihaly, entre outros). Os estudos científicos e os trabalhos em sua pós graduação, diz FF, possibilitaram o aprofundamento em sua autotransformação humana e profissional para que possa como Comunicadora Social, Jornalista e Psicoterapeuta Gestalt, ampliar o conhecimento ao público em geral sobre a ciência da Psicologia Positiva aplicada à relacionamentos românticos e atender às pessoas que buscam ajuda individual e para casal no…

Leia mais

Sirvo, vejo e atendo cada mulher como um Ser divino

19 de maio de 2020

Sirvo, vejo e atendo cada mulher como um Ser divino

Ajudar uma mulher a ser livre e a experimentar sua potência existencial máxima, na integração da sexualidade com a espiritualidade é mais que missão pra mim. É honra. Vejo a cada uma como um Ser divino, que precisa aprender a relembrar de sua natureza pura, instintiva e essencial. É como se eu as falasse ao ouvido enquanto dormem, vivendo num pesadelo íntimo-emocional-racional. Elas começam a abrir os olhos e a ouvir pois minha voz sai…

Leia mais

sonhamos em ser salvos pela intimidade

11 de maio de 2020

sonhamos em ser salvos pela intimidade

Nos perguntamos quem poderia nos abraçar agora como precisamos e queremos. Jamais experimentamos a solidão de maneira tão impositiva e inescapável. Na grande pausa do mundo movido a dinheiro, sexo e poder passamos a sonhar em ser salvos pela intimidade; o temido e desconhecido território mútuo da carne onde as almas estão presentes, e que não tivemos tempo de nos dedicar a conhecer profundamente. A hora chegou. Confiemos. Aprenderemos a estar íntimos de nós mesmos e dos outros, venha o que vier. Sentiremos e partilharemos a vida desde o mais simples e absoluto impulso de sobrevivência: amar e sermos amados, especialmente nos tabus de nossas vulnerabilidades. Autora: Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Leia mais

transar é fácil, radical é a nudez vertiginosa da intimidade

11 de maio de 2020

transar é fácil, radical é a nudez vertiginosa da intimidade

Muitas vezes em minha vida precisei de acolhimento, de ternura, de uma coxa para deitar a cabeça e ser acariciada, de chorar sem vergonha e profundamente; de ser apoiada pelo outro em plena abertura, segurança, silêncio e serenidade. As raras vezes que pude fazer isto e ser tratada desta maneira me levaram a transformar a potência de minha sexualidade para um outro nível: a autêntica intimidade. Na época eu não entendia que minha necessidade neurótica de mostrar-me forte e autossuficiente perante toda crise, me…

Leia mais

autotransformação e êxtase na invocação da maternidade

11 de maio de 2020

autotransformação e êxtase na invocação da maternidade

A autotransformação como mulher foi determinante em meu processo como mãe. Invoquei a maternidade de maneira consciente. Estava pronta para entregar-me completamente à outra vida humana. Criei um mantra interno: “agora me sinto mulher inteira para conceber, gerar, parir, nutrir e acompanhar a vida de um outro ser humano.” O Universo traz o homem. Torno-me a guia na profundidade do encontro sexual. O movimento pela unidade corpo – alma. O êxtase na integração macho – fêmea. A…

Leia mais

o sentido da vida é amar

11 de maio de 2020

o sentido da vida é amar

“ Este vai ser o melhor dia das mães que você já teve”, dizia às vésperas deste domingo, Laila em seus recém feitos 6 anos. Ao abrir a porta de meu quarto pela manhã, saltitava e dizia emocionada: “surpresaaa! Café da manhã na cama para ti hoje, mamãe! E eu fiz um cartão onde escrevi “ eu te amo” (a vovó me ajudou!) e tem presente! Vai mamãe, se encosta na cama pra tomar café! Tem banana com aveia, ovinhos mexidos e bolinho integral! Tudo o que você mais gosta!” Enquanto eu sorria e a abraçava, encantada com sua alegria em me festejar, internamente eu entrava num estado alterado de consciência, um estado de graça, onde a existência alcança o pleno sentido: sentir-me absolutamente amada. É deste amor, vindo da total pureza e inocência da criança, que tenho forças para enfrentar este mundo, venha o que vier. É deste amor que transformo o cansaço brutal de quem trabalha sem parar para que ela tenha a vida cuidada desde a plena atenção e responsabilidade por a ter parido e guiar sua caminhada nesta Terra. É deste amor que minha fé se alimenta e vira ação para revolucionar o sistema doentio/egoísta/patriarcal…

Leia mais

a vivência da liberdade e do amor genuíno por si mesma

29 de abril de 2020

a vivência da liberdade e do amor genuíno por si mesma

Ser livre é ser naturalmente inteira e imperfeita, selvagem de corpo e alma, não domesticada. O aprisionamento e a repressão acontecem quando somos submetidas (submissas) ao olhar do outro sobre nós, seja por julgamento, expectativa ou aprovação. A vivência da liberdade e do amor genuíno por si mesma é um processo de trabalho interior a ser feito, é um caminho para tornar-se consciente: atravessar os bloqueios do medo, da culpa e da vergonha e romper com um sistema de crenças machista/patriarcal que desde a infância nos direciona a neurose da perfeição. Absorvemos a ideia insana de que sendo perfeitas seremos amadas e por isso estamos sempre reféns do atender ao outro antes de sermos honestas com nossas próprias entranhas, necessidades e desejos. Basta. Já é hora de conhecer e…

Leia mais

Vulvoscopia FF: a alma é vista por olhos nus

29 de abril de 2020

Vulvoscopia FF: a alma é vista por olhos nus

Quando decidires sentir teu próprio corpo entregado à solitude, irás reencontrar a fonte do Ser de Amor, que está aí, dentro, esperando por ti. Experimenta atravessar o maior dos tabus: sentir a ti mesma como tu és, por inteira em teu corpo e vulva sem depender de recursos externos. Decida estar a sós contigo por alguns momentos, até que o evitar desta jornada íntima de iniciação se torne prática necessária para teu centramento, potência vital e amor próprio. Tua natureza essencial sabe o caminho de volta à origem. Pois não deixaste jamais de ser um Ser de Amor. Em tua caminhada nesta terra, incontáveis traumas te fizeram esquecer da origem, caíste do paraíso do Ser e desde então vives carregada de dores conscientes ou inconscientes que te bloqueiam o êxtase em viver plenamente sendo quem tu és: fonte de beleza, prazer, alegria,…

Leia mais

deixa a fêmea sair do corpo que se tornou jaula

29 de abril de 2020

deixa a fêmea sair do corpo que se tornou jaula

Tenha coragem para escutar a fêmea que ficou sem voz, amordaçada pela pressão externa de quem vivia no mundo que não podia parar. Deixa a fêmea sair do corpo que se tornou jaula, insensível ao mundo interior e essencial, à conexão dos três centros: vital/sexual + emocional + mental. Abre teu corpo. Abre o desejo por ti, aqui e agora. Abre as pernas. Sem culpa, vergonha ou medo. Respira. Escuta o que a fêmea precisa te dizer. Acolha. Sem julgar. Sem criticar. Sem boicotar. Sem debochar. Sem desprezar. Acolha. A cada vez que a mente voltar a silenciar a fêmea através de todos os recursos que escrevi acima, não desista. Concentra na respiração e no estado de presença e volta a abrir as pernas abertas e estar contigo, profundamente. A jornada íntima revelará a Guia que há em ti: seja ao aprisionamento ou à Libertação. Onde colocares a atenção, a energia aumentará. Foca no que te dá prazer. Acolha a dor, e segue a travessia ao prazer. O poder está em ti. Experimenta a mulher, a fêmea, que tu és. Autora: Fernanda Franceschetto…

Leia mais

sobre ser um mulherão da vulva

20 de abril de 2020

sobre ser um mulherão da vulva

Antes de julgar essa foto de FF pelo olhar de J.R.Duran, fotógrafo da Playboy, durante as filmagens da série da HBO “(fdp)”, em que FF atuou como atriz, veja a história aqui no meu site FF, na sessão FF Mulher! Pergunta do seguidor do Instagram a FF: “ Rainha, posso te fazer uma pergunta? Acho que alguns seguidores homens já devem ter te chamado de mulherão da porra, como vc vê isso e se vc…

Leia mais

o duelo entre a santa e a puta

20 de abril de 2020

o duelo entre a santa e a puta

FF responde a pergunta de uma seguidora no Instagram: “ Peço licença para te perguntar, acabei de ler um livro, o lado sombra, fico me perguntando, sou uma santa na família, como lidar com a puta, que continua uma vida as escondidas com um homem casado? Isso me culpa, inconsciente, porque ao mesmo tempo que quero, minha alma não se sente feliz… Muitos anos reprimida”. Querida Deusa, pode entrar, não precisa pedir licença. É uma honra poder te servir. Estou…

Leia mais

amor próprio é a saída do labirinto

20 de abril de 2020

amor próprio é a saída do labirinto

Aprender a amar a si é o único caminho para amar ao outro/a sem nos perdermos de nós mesmas/os. Amor próprio integral(corpo, mente, espírito) é a saída para os labirintos de frustrações e dores que se repetem nas relações afetivas/íntimas e depende da coragem em começar e comprometer-se a um processo de autoconhecimento profundo. Não perca mais tempo. A hora é agora. Escute o que…

Leia mais

teu corpo te espera

16 de abril de 2020

teu corpo te espera

Para te olhar e refletir: não deixe que tua sexualidade seja lembrada ou celebrada só quando estiveres na companhia de alguém. Começa a buscar em ti mesma um caminho diário para a conexão íntima de auto amor. Teu corpo te espera. É o guia absoluto para aprenderes na prática sobre tuas profundezas femininas. Teus seios, vulva, ânus e clitoris precisam e querem ser escutados, tocados, conhecidos, adorados. Confia na experiência de estar contigo e te descobrir, te libertar dos tabus, das prisões internas, a cada dia. Celebra tua existência como fonte erótica de amor, de espiritualidade autêntica, de potência criativa e força vital. Faça da masturbação, meditação: presença atenta no aqui e agora através de três elementos: som, respiração e movimento. Assim aprenderás a sentir e a acolher teus fluxos energéticos, especialmente prazeres, gozos, emoções e sentimentos que precisas liberar e transmutar para seguir evoluindo, te fortalecendo e confiando em ti. Quanto mais te conheças e te ames, menos dependente estarás de alguém que seja o salvador/a de tua sexualidade: “…

Leia mais

desliga o celular, liga o modo vulva

15 de abril de 2020

desliga o celular, liga o modo vulva

Desliga o celular. Liga o modo vulva. Experimenta em algum momento, deixar de alimentar as pulsões negativas da mente baixando para teu corpo, para a presença plena no aqui e agora. Respira tua intimidade sagrada e profunda sem cobrança, sem pressão, sem planos, sem expectativas. Apenas leva o estado de atenção da consciência para a tua vulva. Cada vez que teus pensamentos te desconectarem, volta a focar na respiração, leva uma e outra vez a consciência para a tua vulva. Permita que ela te guie através da respiração e deixa-te levar por movimentos espontâneos, autênticos, intuitivos, instintivos. Há tempo para tocar-te a cada agora como longa e primeira vez. Te permita! Te ama! Tua alma necessita da luz do prazer em ser a mulher que tu és ligada! Texto: Fernanda Franceschetto comunicadora social, terapeuta gestalt, jornalista, atriz, mística, mãe Criadora do Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu

Leia mais

mover-se em direção ao prazer

15 de abril de 2020

mover-se em direção ao prazer

Não importa se o sexo é real ou imaginário neste momento de quarentena: permita teu corpo fluir na energia erótica, mover-se em direção ao prazer. Não desperdice nenhuma faísca de tesão que pode despertar e fazer crescer teu fogo, aumentar tua libido-energia-força vital. Se estás com alguém, permita que o sexo se expanda para uma reconexão da intimidade. Experimentem olhar-se nos olhos por demorados momentos. Se abracem muito. Aprofundem o vínculo. Acolham-se. Comecem a romper com os padrões automáticos e recebam o tempo de sobra como provocação para evoluir na relação de vocês. Se você está a sós com você mesma/o, não tenha vergonha nem culpa de desfrutar o presente que os deuses nos deram:…

Leia mais

a quarentena e o parto de uma nova era nos relacionamentos

13 de abril de 2020

a quarentena e o parto de uma nova era nos relacionamentos

A cada dia, desde o início da quarentena, vivencio paralelos com a época em que estava grávida e com a maternidade: há uma suspensão do mundo de fora. A orientação e os sentidos voltam-se para dentro da pele, para a vida que pulsa nas tripas, para o mundo interno do mistério da vida encarnado em si e na criação/ educação de um ser humano. Cada mulher a sua maneira, desde que gera, dá à luz e acompanha a criatura em seu desenvolvimento, experimenta vários graus (positivos e/ou negativos) de isolamento social, corporal, psíquico, emocional e anímico na sociedade patriarcal/ machista que vivemos. Se as mulheres já não são respeitadas e honradas na intimidade e como profissionais, as que tem coragem hoje em dia para se tornarem mães chegam a ser ainda mais anuladas,…

Leia mais

prisões ou iluminações nesta quarentena

13 de abril de 2020

prisões ou iluminações nesta quarentena

Conseguiremos atravessar as paredes de casa quando atendermos ao chamado íntimo para entrarmos em nós mesmos. Quando enfrentarmos a resistência para entregar-nos ao mundo interno e infinito que nos habita. As mentes continuarão a gritar, desesperadas para evitar o desconhecido, gerando brutal tensão entre o ego que quer controlar e a alma que necessita viver o agora e transcender. O duelo será frequente e mais intenso a cada dia. Vencerá quem nós decidirmos alimentar.Nesta quarentena estamos desafiados à experiência de sermos prisões ou iluminações. Texto da autora: Fernanda Franceschetto Comunicadora social, psicoterapeuta gestalt, jornalista, artista, mística e mãe. Criadora do Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu. Foto: FF pelo olhar do fotógrafo @ronaldoamboni

Leia mais

fé é atitude

13 de abril de 2020

fé é atitude

Tenho aprendido nesta vida e especialmente a partir do parto pélvico de minha filha – que nasceu naturalmente de bumbum – que a fé é um estado sólido de coragem. Não é devaneio. Nem crença cega. A fé é atitude. É decidir agir contra a manifestação das forças negativas. É acolher e não fugir ou anestesiar sensações terríveis e desesperadoras produzidas pela mente. É respirar o medo da dor, em centramento no aqui e agora, até que seja transformada em confiança absoluta no momento presente. A fé é a vivência e o reconhecimento da potência divina em nossa encarnação humana. Texto da autora: Fernanda Franceschetto .⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Comunicadora, Psicoterapeuta Gestalt, Jornalista, Atriz, Mística e Mãe. Criadora do Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu Foto: FF pelo olhar do fotógrafo @ronaldoamboni ⠀⠀⠀⠀⠀

Leia mais

amar a si é aprender a dançar com a própria sombra

13 de abril de 2020

amar a si é aprender a dançar com a própria sombra

Amar a si é aprender a dançar com a própria sombra até que deixe de causar medo para tornar-se instrumento de sabedoria e liberdade. Que possamos nos entregar agora à consciência de nossas almas, conhecedoras da coreografia de transformação da dor em amor. Em nossos corações vive a única força capaz de aceitar e enfrentar estes tempos em profundo aprendizado e R-evolução essencial. Texto da autora: Fernanda Franceschetto Terapeuta Gestalt,…

Leia mais

teu corpo é aqui e agora

13 de abril de 2020

teu corpo é aqui e agora

Teu corpo é aqui e agora. Te corpo é natureza bruta e sensível. Teu corpo é escultura em carne viva. Teu corpo é rocha: te SUSTENTA na potência máxima de força para sobreviver às dores – conscientes ou inconscientes- que sofreste em tua biografia humana e que agora estão ampliadas pela quarentena. Há de ter coragem para erguer-te e olhar, tocar, chorar, abrir o peito e acolher o que necessitas curar. A expressão dos sentimentos te levará a ESVAZIAR a mente e as entranhas para um novo estado de consciência e PRESENÇA, a partir da revelação do mundo interior que te chama. Não temas. A interioridade será a descoberta de tua maior fortaleza: a essencial-espiritual. A base para construir tua nova vida, em um novo mundo. Texto: Fernanda Franceschetto Comunicadora social, Psicoterapeuta Gestalt, Jornalista, Artista, Mística e Mãe. Criadora do Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu Foto: FF pelo olhar do fotógrafo @ronaldoamboni⠀⠀⠀⠀⠀

Leia mais

crucificam a todos que experimentam amar como sentido da existência

13 de abril de 2020

crucificam a todos que experimentam amar como sentido da existência

Vulvoscopia FF – sexta santa Crucificam todos aqueles que experimentam AMAR como o sentido da existência. Mal sabem os julgadores que transcendemos toda a cruz, todo o sofrimento que nos é imposto. Aprendemos a nos libertar de algozes, independente da forma em que se apresentem. O único sangue que derramamos é o do ego crucificado. E que sangre, para seguirmos perdendo o medo da rejeição e rompendo a vaidade que nos seduz. Há de se ter extrema coragem para oferecer a vida à servir, a sustentar os braços abertos, o coração a amar incondicionalmente e a ver-se cara a cara com Deus. Sem intermediários, sem dogmas, sem religião. Em plena nudez de corpo e alma. Texto da autora: Fernanda Franceschetto Comunicadora social, Terapeuta Gestalt, Jornalista, Artista, Mística, Mãe. Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu Foto: FF pelo olhar de Iñaki Zapirain

Leia mais

que morra o patriarcado e suas lutas de poder, dentro e fora de nós

13 de abril de 2020

que morra o patriarcado e suas lutas de poder, dentro e fora de nós

Vulvoscopia FF – sábado santo Entre a morte e a ressurreição de uma nova humanidade, vivenciamos a suspensão da máquina do tempo, o vazio, a pausa profunda. É hora de olhar além na travessia da matéria. Permitir que as trevas – estados de inconsciência – sejam transfiguradas através da dor e iluminadas na consciência crística do amor. Que morra o patriarcado e suas lutas de poder, dentro e fora de cada um de nós. Que possamos nos libertar enfim para viver nosso eu essencial, na integração imanente e transcendente do feminino e do masculino, na compaixão de um só corpo e um só espírito. Texto da autora: Fernanda Franceschetto Comunicadora social, Terapeuta Gestalt, Jornalista, Artista, Mística, Mãe. Criadora do Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu Imagem da artista: Hilma F Klint

Leia mais

Passagem/ Páscoa/ Metamorfose em nossos casulos nesta quarentena

13 de abril de 2020

Neste novo vídeo da série “Intimidade – Espiritualidade: quarenta como Retiro ao Aqui e Agora”, Fernanda Franceschetto reflete sobre a Passagem/Páscoa como vivência de metamorfose profunda em nossos casulos nesta quarentena, de autotransformação corporal, mental e espiritual. FF compartilha vivências de sua própria jornada, e nos convida a acreditar na força que temos em nossos corações e na sabedoria interior para conseguirmos juntos fazer esta travessia. Fernanda Franceschetto Comunicadora social, Terapeuta Gestalt, Jornalista, Atriz, Mística, Mãe. Criadora do Vulvoscopia FF: A jornada íntima sem tabu Assine o canal no Youtube e receba os vídeos atualizados para teu autoconhecimento profundo! E compartilhe, pelo amor e evolução de todas e todos nós!

Leia mais

vencer o medo de viver a própria vida

13 de abril de 2020

vencer o medo de viver a própria vida

Vulvoscopia FF – Passagem/Páscoa Ressuscitar da morte é vencer o medo de viver a própria vida. É ter coragem para atravessar o sepulcro da dor, do julgamento e da crítica onde nos enterraram. É rebelar-se para recuperar a força do amor próprio, desde a vulnerabilidade de quem rompe a falsa armadura da perfeição para estar aberto ao risco de ser honesto, à insegurança de não ter mais o controle e à exposição total do sentir verdadeiro. É vivenciar a si em pleno êxtase de potência como fragmento único da luz divina. É ser na eternidade do agora, o que se…

Leia mais

intimidade e espiritualidade: quarentena como retiro ao aqui e agora VII

30 de março de 2020

No sétimo vídeo da série, a comunicadora, psicoterapeuta, jornalista e artista Fernanda Franceschetto fala sobre a travessia do fazer ao ser. Aborda a pressão interna de que se não estamos “ fazendo nada”, pensamos que estamos desperdiçando nosso tempo. E a partir daí as críticas e julgamentos internos que nos levam à maré de negatividade. FF orienta como podemos nos acolher neste momento. E traz a reflexão de quanto é desafiador nos tratarmos com o mesmo amor que oferecemos aos amigos ou pessoas da família que mais amamos. Fala sobre experimentarmos ir da compaixão a auto compaixão. E de nos tocarmos e aprendermos a nos oferecer amor. 🔻Fernanda Franceschetto Comunicadora, psicoterapeuta gestalt, jornalista e artista

Leia mais

intimidade e espiritualidade – quarentena como retiro ao aqui e agora VIII

30 de março de 2020

No oitavo vídeo da série, a comunicadora, psicoterapeuta gestalt, jornalista e artista, Fernanda Franceschetto fala sobre a consciência e o poder do perdão nos relacionamentos, especialmente nos mais íntimos. Pois como FF diz: Perdoar não é esquecer. A memória segue viva. E os processos emocionais profundos são ativados pelo corpo a cada lembrança, nos fazendo reviver uma e outra vez o que não está concluído dentro de nós, acionando nosso comportamento de fugir/evitar ou lutar/ retaliar. Confira essas e outras informações no vídeo 8 da série:…

Leia mais

quarentena como retiro ao aqui e agora – intimidade e espiritualidade – III

27 de março de 2020

Neste terceiro vídeo da série “ Quarentena como Retiro ao Aqui e Agora: intimidade e espiritualidade”, a comunicadora, jornalista, artista e terapeuta Fernanda Franceschetto fala sobre a pausa para o autocuidado e o auto amor. FF aborda ainda a busca das mulheres para conhecerem o próprio corpo e vulva e também responde a dúvida de um homem que pergunta se “ está louco” por se masturbar diversas vezes ao dia, mesmo estando transando com uma pessoa; além de sentir-se dependente de fantasias sexuais. FF fala ainda sobre o caminho do autoconhecimento e a sexualidade profunda, a reflexão sobre o consumo de pornografia e a necessidade que todos temos de amar e sermos amados. Fernanda Franceschetto Comunicadora, jornalista, artista e psicoterapeuta gestalt

Leia mais

quarentena como retiro ao aqui e agora: intimidade e espiritualidade – IV

27 de março de 2020

Neste quarto vídeo da série, a comunicadora, jornalista, artista e psicoterapeuta Fernanda Franceschetto, alerta aos casais sobre o risco de separações e divórcios em função do período de confinamento (na China já se registram índices recordes de divórcio com a vida aos poucos voltando a normalidade – fonte BBC). FF traz orientações importantes aos casais sobre como enfrentar esse período no Aqui e Agora, para terem a possibilidade de darem-se conta de atitudes e padrões que podem estar minando a relação e que precisam ser transformados com coragem e presença para um maior alinhamento entre o pensar-sentir-agir durante esta crise. Fernanda Franceschetto Comunicadora, jornalista, artista e psicoterapeuta

Leia mais

quarentena como retiro ao aqui e agora: intimidade e espiritualidade V

27 de março de 2020

Neste quinto vídeo da série, a comunicadora, jornalista, artista e psicoterapeuta Fernanda Franceschetto, fala que se não podemos prever nem controlar o futuro, temos sim o poder para controlar a nós mesmos, nossas ações e respostas às emoções que estamos vivendo no dia a dia desta crise. Aborda ensinamentos da Psicologia Positiva, uma abordagem científica de vanguarda na psicologia contemporânea que investiga as forças e as virtudes do ser humano para que haja seu florescimento, sua autorrealização, sua felicidade autêntica. FF diz que é desafiador pensar nesta abordagem neste momento, mas que precisamente buscar nossas forças e sabedoria interna é o que nos ajuda a cada momento na travessia das emoções negativas, especialmente do medo( reação natural e biológica de nosso instinto de sobrevivência), que precisa ser…

Leia mais

quarentena como retiro ao aqui e agora: intimidade e espiritualidade VI

27 de março de 2020

No sexto vídeo da série, a comunicadora, psicoterapeuta, jornalista e artista Fernanda Franceschetto conta um pouco da sua vida na época em que foi escolhida para ser atriz da HBO na série (fdp) e que acabou separando-se do marido por ele não aceitar que ela atuasse em cenas de nudez. A partir deste momento, FF decidiu viver sozinha, num apartamento praticamente vazio, buscando o silêncio e o afastamento da vida social para voltar a reencontrar sua essência profunda. Há dez anos o silêncio foi e segue sendo seu grande mestre. FF faz um paralelo com o momento atual, onde todos estamos sendo chamados a “ escutar” o silêncio. FF aborda o conceito de mindfulness e traz informações que podem nos ajudar a estar mais presentes no Aqui e Agora, com a gente mesmo e nas relações com as pessoas durante este período de confinamento….

Leia mais

Estar em Casa – consciência

24 de março de 2020

Estar em Casa – consciência

Vulvoscopia FF: consciência – estar em casa Ofereço esta imagem e medito para que nossas casas sejam vividas como úteros neste momento, onde nos sentiremos seguros e nutridos de fé e amor incondicional por todos os seres vivos hoje nesta terra. Que possamos viver estes tempos como a gestação de uma nova consciência de humanidade, em que todas as dores nos levarão a um parto universal dos valores humanos essenciais, há tanto atacados pelo vírus do patriarcado que vem nos dizimando em egoísmo, competição, consumo, violência, segregação, e todos os males – que parecem – intermináveis dos quais padecemos desde que fomos separados do feminino essencial, dentro e fora de nós. Entre o medo e a imprudência, estejamos no caminho do meio: a coragem. Não podemos mais…

Leia mais

Quarentena como Retiro ao Aqui Agora – intimidade e espiritualidade – I

24 de março de 2020

Neste primeiro vídeo da série, a comunicadora e terapeuta Fernanda Franceschetto fala sobre experimentar a quarentena como um retiro à intimidade e à espiritualidade, através do autoconhecimento profundo, a estarmos abertos a viver o aqui e agora, tomando consciência para não nos deixarmos afundar no medo, na ansiedade, na tensão, na angústia. Aprendendo a soltar as emoções negativas e a respirar o momento presente, a centrar no estado de presença, nos distanciando do caos mental, sentimental e físico. FF propõe que…

Leia mais

quarentena como retiro ao aqui e agora – intimidade e espiritualidade – II

24 de março de 2020

Neste segundo vídeo da série Quarentena como Retiro ao Aqui e Agora – intimidade e espiritualidade, a comunicadora, jornalista, artista e terapeuta Fernanda Franceschetto aborda o desafio de nos tornarmos íntimos para nós mesmos Fala também sobre a diferença entre intimidade/ sexualidade profunda e sexo como descarga de prazer. FF aborda o decidir/ querer estar presente no aqui e agora. E aprender desde nossos casulos nesta quarentena, como abrirmos as portas para dentro de nós, algo que na “ vida normal” geralmente não fazemos, por estarmos no automático e com varias possibilidades de fuga, especialmente de nossas emoções negativas. FF nos convida a atendermos o chamado deste momento atual, desta pausa, para tirarmos nossas máscaras, respirar e decidirmos nos tornar presentes para nós mesmos e em nossas relações. E a entrega a sabedoria profunda que existe dentro de todos nós. Fernanda Franceschetto Comunicadora, jornalista, artista e terapeuta Criadora do Vulvoscopia FF: A jornada íntima para tornar-se mulher sem tabu Atendimentos terapêuticos online: envie msg por wapp 51983037799 ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Leia mais

sangrar é aprender que a vida é um ciclo de transformação permanente

17 de março de 2020

sangrar é aprender que a vida é um ciclo de transformação permanente

Sangrar naturalmente – sem hormônios artificiais – é canalizar uma fonte misteriosa e sábia da potência feminina. É acessar um estado alterado de consciência na carne profunda, no útero, na obra-prima humana: a criação da vida. Sangrar é estar conectada com as próprias entranhas, sentimentos e alma, sem esforço. Sangrar é vivenciar a biografia íntima – e secreta – pulsando, sinalizando o novo caminho para a autorrealização. Sangrar é deixar morrer o que precisa morrer. É aceitar o fim. É render-se ao que não tem mais sentido. É soltar. É deixar ir. É confiar no fluxo. Sangrar é aprender na prática vivencial e consciente que a vida é transformação permanente. ⠀⠀⠀⠀⠀ Texto da autora: Fernanda Franceschetto Comunicadora social,…

Leia mais

o êxtase escolhe um corpo sem rejeição

17 de março de 2020

o êxtase escolhe um corpo sem rejeição

O êxtase escolhe um corpo vulnerável, aberto, sem tensão, sem medo, sem expectativa, sem controle, sem rejeição. O êxtase escolhe um corpo atento ao SENTIR no momento presente, fiel À PRESENÇA no AQUI E AGORA. O êxtase escolhe um corpo que não duvida das sensações de prazer e deixa-se guiar por elas. O êxtase escolhe um corpo não reprimido por crenças mentais negativas, exigentes e cruéis. O êxtase escolhe um corpo LIVRE de máscaras, personagens e jogos de dominação-submissão. O êxtase escolhe um corpo de ALMA NUA. Texto da Autora: Fernanda Franceschetto Comunicadora social, psicoterapeuta gestalt, tântrica, jornalista com passagens nas maiores emissoras do país como apresentadora, repórter e editora; e atriz, com último trabalho…

Leia mais

romper a maldição do sexo sem presença

17 de março de 2020

romper a maldição do sexo sem presença

Vulvoscopia FF – vagina: despertar Que nossa potência erótica- instintiva rompa a maldição do sexo sem presença, do costume de fazer por fazer, ou pior, fazer para agradar a outra pessoa. A mente é também o corpo. O corpo é também a mente. Não há separação. Somos um todo. Cada vez que permitimos – e até queremos – uma penetração de qualquer jeito (seja pra acabar logo porque não estamos gostando, ou porque não sabemos como agir ou porque não temos coragem de dizer que não está sendo bom), criamos um grave padrão tóxico e negativo em nós mesmas: a desvalorização da mulher que somos. E escondemos a raiva e o ressentimento embaixo da cama – e energeticamente, dentro do canal vaginal. ⠀⠀⠀⠀⠀ E o que falar da vivência de ficar quieta, ou fazer sons para parecer que está bom, e ser co-responsável por um abuso consentido por nós mesmas? Quem nunca? E para que seguir com isso? Basta. Mais um tabu a ser enfrentado. Isso é conduta, mesmo que inconsciente, de desamor! Vamos nos investigar profundamente, mulher. Vamos despertar. Vamos nos amar e nos valorizar. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Vamos nos libertar de condutas íntimas que reforçam o jogo…

Leia mais

amar é um ato de coragem

17 de março de 2020

amar é um ato de coragem

Vulvoscopia FF – coração: relacionamentos românticos Amar é um ato de coragem. É romper a couraça que nos protege do medo de sofrer. É desafiar nosso tempo hiper acelerado, confuso e superficial, em que a maioria tenta disfarçar a necessidade profundamente humana de estabelecer vínculos, pregando discursos que promovem a cada dia mais separação, alimentando o patriarcado (que sustenta-se justamente na fragmentação e não na unidade).⠀⠀⠀⠀ Permita-se abrir o peito. Não só para lutar. Mas também para olhar dentro de ti. Investiga se o que estás falando da boca pra fora é realmente o que estás sentindo do coração pra dentro. Experimenta soltar por um momento as teorias que carregas como boias de salvação contra o medo…

Leia mais

a nudez ainda não experimentada

17 de março de 2020

a nudez ainda não experimentada

Vulvoscopia FF: corpo Sentir-se íntima em si mesma é a nudez ainda não experimentada. Há uma nova terra a tua espera: um corpo virgem que ainda não descobriste. Um território de carne onde todos os tempos e espaços deixam de ser encruzilhada para coincidir num ponto zero, num eterno e vazio agora, numa abertura plena em que serás extinta para experimentar o êx.ta.se de estar viva. Êxtase é amor: estado pleno de paz em prazer. Não há aflição, não há desespero, não há medo, não há dúvida, não há sacrifício. Experimenta penetrar em ti. Depois disso, o outro será sempre um tu. Romperás a separação, viverás a total unidade. Texto da autora: Fernanda Franceschetto Comunicadora social, psicoterapeuta gestalt, tântrica, jornalista, ex-apresentadora de TV e repórter nas maiores emissoras do país e artista(último trabalho como atriz, exibido na HBO internacional). Criadora do Vulvoscopia FF: A jornada íntima para tornar-se mulher sem tabu, em 7 temas Um método de trabalho feminino em 7 temas, que integra sexualidade, espiritualidade e psicoterapia, dedicado a ajudar as mulheres a despertarem para o autoconhecimento profundo e se libertarem dos tabus impostos pela sociedade patriarcal, para uma vida e intimidade mais…

Leia mais

consciência – estar em casa

17 de março de 2020

consciência – estar em casa

Vulvoscopia FF: consciência – estar em casa Ofereço esta imagem e medito para que nossas casas sejam vividas como úteros neste momento, onde nos sentiremos seguros e nutridos de fé e amor incondicional por todos os seres vivos hoje nesta terra. Que possamos viver estes tempos como a gestação de uma nova consciência de humanidade, em que todas as dores nos levarão a um parto universal dos valores humanos essenciais, há tanto atacados pelo vírus do patriarcado que vem nos dizimando em egoísmo, competição, consumo, violência, segregação, e todos os males – que parecem – intermináveis dos quais padecemos desde que fomos separados do feminino essencial, dentro e fora de nós. Entre o medo e a imprudência, estejamos no caminho do meio: a coragem. Não podemos mais fugir da responsabilidade individual-coletiva pelo presente e futuro de todas e todos…

Leia mais

volta a te abrir

10 de março de 2020

volta a te abrir

Não tenha medo de voltar a te abrir. Não tenha medo de voltar a confiar. Não tenha medo de voltar a sentir. Te liberta do pessimismo. Decide trabalhar e curar tuas feridas. Abre-te à experiência. Para ti, para o outro, para FLUIR. De verdade. Na profundidade. CORAGEM!!! Texto da autora: Fernanda Franceschetto Comunicadora social, psicoterapeuta gestalt, tântrica, jornalista com passagens nas maiores emissoras de TV como apresentadora, repórter e editora e atriz, com último trabalho exibido na HBO. Criadora do Vulvoscopia FF: A jornada íntima para tornar-se mulher sem tabu .⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ imagem: @cecile_hoodie

Leia mais

8 de março – luta e nascimento de uma nova consciência coletiva

10 de março de 2020

8 de março – luta e nascimento de uma nova consciência coletiva

Neste simbólico 8 de março, decido dar voz ao que a cada dia torna-se minha potência mais autêntica: a capacidade de AMAR as pessoas e PARIR novas realidades. Tenho hoje olhos para ver as sombras e as luzes que minhas irmãs e irmãos humanos levam dentro e fora de si. A guerra santa entre o mal e o bem no território íntimo e individual de cada ser. Consigo observar…

Leia mais

entrego à luz o tabu vivido pela maioria das mulheres

10 de março de 2020

entrego à luz o tabu vivido pela maioria das mulheres

Entrego à luz o tabu vivido pela imensa maioria das mulheres de nossos tempos: a própria vulva. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀ O símbolo máximo da vida, da potência criadora e criativa, da sabedoria intuitiva e vivencial, do êxtase livre e natural, da autorrealização individual e espiritual, do amor incondicional à terra e às criaturas foi mutilado pelo sistema patriarcal. Proponho um choque instintivo e contagioso de consciência, um relembrar urgente, um recordar imediato da obviedade criadora, da toda poderosa natureza feminina, um despertar radical do pesadelo que castrou a mulher em sua genitalidade- sexualidade, usando-a como buraco para um sem fim de impulsos doentios e desvirtuados de machos e fêmeas embriagados pela ignorância cultural. Só há um caminho: a vontade como potência para a própria transformação. Dar-se conta da negação e abandono de si mesma, abrir-se para expressar e confiar na acolhida da DOR para descobrir o auto amor – e desde aí, aprender a experimentar o vínculo autêntico, prazeiroso e seguro seja como fêmea, mulher, mãe, companheira, filha, irmã, amiga. A…

Leia mais

liberta tua natureza selvagem

5 de março de 2020

liberta tua natureza selvagem

Por baixo de todas as capas da personalidade, há um instinto selvagem que sobrevive e anseia pela libertação dos tabus, das sufocantes angústias geradas pelo medo, culpa e vergonha de habitar um corpo feminino castrado em sua potência sexual pela cultura patriarcal. Coragem para te desnudar completamente e resgatar o prazer absoluto de ser quem tu és. Rasga os véus que te impedem de enxergar, sentir e confiar na biologia profunda de tuas entranhas, onde teu poder vital de animal fêmea dança com teu espírito erótico, livre e sagrado. Não duvida: tua natureza selvagem é o caminho de volta para tua alma, amor próprio e alegria de estar viva por inteira. Texto da autora: Fernanda…

Leia mais

a intimidade é um caminho a ser descoberto

5 de março de 2020

a intimidade é um caminho a ser descoberto

A intimidade é um caminho a ser descoberto. Desde os momentos mais simples que compõem o dia aos mais profundos e complexos, quando os corpos se penetram. Olhar nos olhos e sustentar a presença pode ser tão desafiador quanto escutar o desejo do outro e experimentar tocar seu corpo-alma sendo uma nova primeira vez. É necessário coragem para deixar-se guiar pela vontade de fazer do ato de amar, um ENCONTRO. Onde haverá espaço para a expressão plena de ambos e para a revelação da nudez arrebatadora: a do SER que quer fazer amor e se entrega de dentro para fora. .⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ texto da autora: Fernanda Franceschetto comunicadora social, psicoterapeuta gestalt, tântrica, jornalista com passagens nas maiores emissoras do país como apresentadora, repórter e editora, atriz com último trabalho exibido na HBO Criadora do Vulvoscopia FF: A jornada íntima para tornar-se mulher sem tabu .⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Leia mais

abençoa a tua própria força e atende ao que a vida quer de ti

5 de março de 2020

abençoa a tua própria força e atende ao que a vida quer de ti

Começa o mês de março e o ano 2020 pra valer, banhando-te na integração do Ser. Honra a coerência entre pensar-sentir-agir. Abençoa a própria força e atende ao que a vida quer de ti. Confia na presença, no aqui e agora, e vai. Sem covardia nem imprudência, mas pelo caminho do meio: a coragem. .⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ texto da autora: Fernanda Franceschetto comunicadora social, psicoterapeuta gestalt, tântrica, jornalista com passagens nas maiores emissoras do país como apresentadora, editora e repórter e atriz, com último trabalho exibido na HBO> Criadora do Vulvoscopia FF: A jornada íntima para tornar-se mulher sem tabu .⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Leia mais

o primeiro passo para começar a te amar é decidir te conhecer

5 de março de 2020

o primeiro passo para começar a te amar é decidir te conhecer

Como pode ser tão desafiador amar a si mesma? ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Reflete sobre a pergunta que faço, com serenidade e silêncio. Pausa durante a experiência que proponho, os discursos e críticas sobre a mulher que és ou te cobras para ser. Abre desde o coração, um espaço-tempo para escutar com vontade e disposição o que teu corpo-alma querem e precisam te revelar. Experimenta estar a sós contigo. Não fica à espera de um salvador ou salvadora que apareça para saber te amar e te conduzir a uma intimidade plena. Isso não existe. O primeiro passo para começar a te amar é decidir TE CONHECER. E não só a partir da mente. Precisas baixar o autoconhecimento para a pele, ventre e seios, para encontrar tua belíssima vulva e descongelar tua pélvis. Sabes o que se passa no território mais desconhecido de ti mesma? Tens ideia da profundidade das emoções e sentimentos guardados em cada uma de tuas “ partes”? A mulher que procuras desesperadamente para ser amada e livre, é a habitante de cada uma dessas partes. Ela é cada uma dessas…

Leia mais

expor-se na intimidade é derrubar as fronteiras que nos separam

5 de março de 2020

expor-se na intimidade é derrubar as fronteiras que nos separam

Expor-se na intimidade, revelar-se em presença sem máscaras, em nudez autêntica, é para quem tem coragem de estar inteiro em seu próprio corpo-território. Não é mostrar-se de maneira egoista, superficial ou na defensiva. Ao contrário. Quem se despe na liberdade interior de assumir-se imperfeitamente humano, olha para a outra pessoa desde uma empatia radical: sabe que o ser que está em sua frente é um outro corpo-território único, tão autônomo e digno quanto o seu, com identidade incomparável, habitando uma existência tão desafiadora, solitária e sagrada quanto a sua. Entregar-se ao encontro profundo dos corpos-territórios é experimentar o êxtase na queda de todas as fronteiras do ego que nos separa nos relacionamentos. Texto da autora: Fernanda Franceschetto Comunicadora social, psicoterapeuta gestalt, tântrica, jornalista(com…

Leia mais

somos inteiras em todas as nossas “partes”

28 de fevereiro de 2020

somos inteiras em todas as nossas “partes”

A vulva é o maior desafio para a mulher começar a se (re) conhecer, a se despertar, a se amar. Desde crianças fomos censuradas na investigação natural do auto toque, na alegria espontânea de ficarmos nuas, de nos cheirarmos, de experimentar nossos fluidos, de estarmos livres e felizes na deliciosa descoberta do prazer em nossos corpos. Fechar e fechar e fechar as pernas e não mais tocarmos em nós mesmas foi nos distanciando desta intimidade orgânica, saudável; fonte de autoestima, autoamor e autoconfiança. Começamos a sentir vergonha, insegurança, achar que tínhamos um problema, algo errado, algo feio entre as pernas. E fomos bloqueando mais e mais nossos impulsos eróticos/ vitais e endurecendo e endurecendo nossas pelves….

Leia mais

tabus rompidos ao sentir a vulva respeitada, admirada, amada

28 de fevereiro de 2020

tabus rompidos ao sentir a vulva respeitada, admirada, amada

Não há tabu de vergonha, culpa ou medo que resista à experiência de sentir a vulva respeitada, desejada, admirada, tocada e beijada com presença, interesse, afeto, amor. É pela vulva que a mulher inteira se abre para um encontro sexual profundo – e imprevisível. É pela vulva que a mulher inteira relaxa, confia e se liberta do condicionamento mental e machista de “ ter que servir ao outro antes de receber”. É pela vulva que a mulher sente o que mais busca: o êxtase do prazer pleno na intimidade. A vulva não é uma parte da mulher. É a mulher por inteira. Um retorno ao Paraíso nesta Terra. Texto da autora: Fernanda Franceschetto Comunicadora social, psicoterapeuta gestalt, tântrica, jornalista, artista e mãe solo Criadora do Vulvoscopia FF: A jornada íntima para tornar-se mulher sem tabu⠀⠀⠀⠀

Leia mais

em tua alma vive o autêntico erotismo

28 de fevereiro de 2020

Experimenta teu corpo como o único templo vivo nesta Terra. Liberta tuas falsas personas, solta teu carnaval de máscaras! Em tua alma vive o autêntico erotismo. Experimenta ser um só corpo, um só espírito! Experimenta ser L I V R E! Experimenta ser A M O R! Feliz Carnaval! Fernanda Franceschetto Comunicadora social, psicoterapeuta gestalt, tântrica, jornalista, artista, mãe solo Criadora do Vulvoscopia FF: A jornada íntima para tornar-se mulher

Leia mais

sou filha e serva da liberdade

28 de fevereiro de 2020

sou filha e serva da liberdade

2020 foi o nosso primeiro Carnaval na cidade. E a mamãe solo aqui, ficou mesmo com o bloco das famílias! Uma experiência única. Me diverti, cantei e dancei horrores na companhia de minha filha e amigas, especialmente no primeiro baile que fomos. Na terça, estivemos no último. E antes de chegarmos, andamos pelas ruas do bairro vestidas de Laila estrela e Nanda arco-íris! Felizes em nossa folia, caminhamos até o supermercado para comprar 1kg de alimento não perecível e compor nosso ingresso na festa. Durante o percurso, recebemos sorrisos de alegria, de encantamento e afeto, mas também olhares de reprovação, constrangimento e irritação; tanto nas ruas, quanto no super…

Leia mais

abrir-se para o receber

28 de fevereiro de 2020

abrir-se para o receber

Não haverá felicidade autêntica enquanto não aprenderes a derrubar um dos maiores tabus: o de ABRIR-SE para RECEBER. Fomos tão castradas em nossa biografia pelo sistema machista/ patriarcal que o automático para nós é sempre DAR, DAR, DAR…. Desde as práticas mais íntimas a todos os outros níveis da relação. Damos muito mais do realmente queremos, podemos e do que seria saudável para nós, tanto em nível psíquico quanto emocional, físico e anímico. E o mais doloroso e paradoxal, é que quando o que mais desejamos – que seria receber como estamos dando – acontece, surge o impasse, o constrangimento e até a culpa por estarmos “ só recebendo”. É como se não nos sentíssemos merecedoras do que a outra pessoa quer…

Leia mais

é quase loucura tornar-se mãe

19 de fevereiro de 2020

é quase loucura tornar-se mãe

Se alguns anos atrás alguém me dissesse que eu estaria plena e feliz passando a tarde com três crianças no clube, descendo no tobogã até rasgar o biquíni de tanta aventura e alegria, eu não acreditaria. Daria risada e diria à pessoa que ela não me conhecia. Sempre fui tão livre, tão livre, tão livre, que durante a maior parte da vida adulta realmente não pensei e não quis ter filhos. Estava interessada nas conquistas mais visíveis, mais palpáveis, mais socialmente “aplaudíveis”. Meu ego amava receber olhares de admiração e aplausos por onde quer que estivesse passando. Dependia sim do reconhecimento externo para ampliar minha noção de existência, autoestima e autovalorização….

Leia mais

o tabu da comunicação na intimidade

19 de fevereiro de 2020

o tabu da comunicação na intimidade

Hoje passando por uma livraria, vi um livro que prometia ser um guia para os homens saberem como atender as mulheres na intimidade. Seguramente uma bíblia sexual de salvação que muita gente procura, por mais ilusória que possa ser. Não invalido a tentativa do manual, mas desconfio de todos os modelos que tentam uniformizar uma conduta, seja lá para o que for. O conhecimento que transforma chega através da PRESENÇA, da coragem para abrir-se à experiência real, da nudez de corpo e alma, do esvaziamento da vaidade, pre-conceitos, expectativas e metas para uma relação íntima. Já passou da hora para que as pessoas que desejam genuína intimidade – o que vai muito além do transar por transar – aprendam a buscar os olhos e as palavras umas das outras. A intimidade começa através da comunicação, da vulnerabilidade, da queda dos personagens. Um homem que quer sua parceira feliz precisa ser valente para sair do modo falocêntrico de fazer sexo, centrado no próprio prazer e objetivo de gozo: precisa entender que a mulher não…

Leia mais

a transformação através do amor por si e às outras pessoas

19 de fevereiro de 2020

a transformação através do amor por si e às outras pessoas

Contemplo e sirvo ao AMOR a cada dia. Guio pessoas que querem se transformar, aprender a amar a si mesmas e a amar as outras. Para mim, a existência de cada SER é única, pura e intimamente sagrada em uma nudez que sonha, quer e merece ser livre; sem julgamentos, sem rótulos, sem roupas, sem figurinos, sem máscaras, sem performances. O anseio e a radical necessidade de relação, partilha, troca e comunhão vive em nossos corações humanos. Em nossa pele está a porta da alma para receber a sexualidade profunda. Quando beijamos e somos beijados em total entrega, acendemos o fogo da presença juntos, sinalizando o caminho ao paraíso, ao êxtase, ao espaço sem tempo, sem limite, sem volta. Ou melhor, com volta. A da transformação. Todos sabemos que jamais nos sentimos iguais depois de sermos autenticamente tocados, penetrados e amados. É o início de toda íntima revolução. Texto da autora: Fernanda Franceschetto Comunicadora, psicoterapeuta gestalt, tântrica, jornalista, artista e mãe solo Criadora do Vulvoscopia FF: A jornada íntima para tornar-se mulher sem…

Leia mais

manter as próprias regras nos desafios da intimidade

19 de fevereiro de 2020

manter as próprias regras nos desafios da intimidade

Não abrir mão do que se quer experimentar e sentir através do corpo, em plena coragem, liberdade, consciência e autorresponsabilidade é regra de ouro para sustentar o amor próprio nos desafios da intimidade. Ainda mais quando se começa a ter interesse genuíno por alguém, seja afetivo ou sexual. É muito comum, pela necessidade de ser admirada, desejada, aprovada ou aceita pelo outro – e também pelo medo da rejeição – surgir aquela amnésia instantânea e o esquecimento de tudo o que trabalhamos internamente e pregamos a nós mesmas e em nossos discursos feministas. A sexualidade é a máxima potência vital, capaz de acionar imediatamente a força da sombra cultural…

Leia mais

não sofra as mesmas dores e os mesmos erros, mulher

7 de fevereiro de 2020

não sofra as mesmas dores e os mesmos erros, mulher

A cada mulher que atendo em minha sala de trabalho como terapeuta, testemunho um desafio que é individual e coletivo: conseguir vencer as próprias condutas inconscientes em relacionamentos onde voltam a estar submissas, em algum grau. É um longo e desafiador caminho transformar os discursos e necessidades feministas em prática diária/existencial, através do corpo, da sexualidade e da intimidade…

Leia mais

sonho e trabalho pelo dia em que as mulheres viverão de verdade

7 de fevereiro de 2020

sonho e trabalho pelo dia em que as mulheres viverão de verdade

Sonho e trabalho pelo dia em que as mulheres não terão mais vergonha de sentir sua intimidade profundamente, como expressão de amor próprio, potência plena e libertação dos tabus patriarcais que anulam os desejos e impedem os êxtases femininos. Sonho e trabalho pelo dia em que a entrega ao corpo se torne oferenda, ato de coragem e fé para que as mulheres deixem-se guiar sem cabeça, sendo fluxo imprevisível e incontrolável, transbordando em sensações e emoções profundas, atravessando a superfície da pele em suor, saliva, gemidos, sussurros, palavras, gritos, choros, gozo e risadas. Sonho e trabalho pelo dia em que as águas descongelem as pelves e os escudos forjados pela raiva e medo acumulados…

Leia mais

não permita que te apaguem

7 de fevereiro de 2020

não permita que te apaguem

Mulher, estás viva para dançar em potência, prazer, autorrealização e alegria, como as labaredas fascinantes de uma forte fogueira. Não permita que te apaguem; nem o fogo, nem o calor, nem o brilho e muito menos a soberania. Atenção: é tênue a distância que separa a experiência de ser tomada pelo fogo que acende e leva a picos de prazer daquele que incendeia e te torna cinzas, em encontros que começam como paixões avassaladoras e transformam-se em relações abusivas. Não permita que as relações sigam te causando danos. Em 2012, a OMS indicou que relacionamentos abusivos são o comportamento dentro da relação íntima que causa dano fisico, sexual, psicológico; incluindo agressão física, coerção sexual, abuso psicológico e comportamentos controladores. Sim: comportamentos controladores são indicação de relação abusiva. Quem nunca passou por isso?! Basta de normalizar condutas violentas. Vamos tomar consciência e aprender a dar fim às relações abusivas, seja qual for a maneira que se apresentam. Controlar é violentar. Não podemos mais romantizar ou fingir que esquecemos condutas…

Leia mais

aprende a reencontrar o amor por ti, sem tabu

7 de fevereiro de 2020

aprende a reencontrar o amor por ti, sem tabu

A intimidade é um processo inseparável da investigação sobre si mesma. É a partir do autoconhecimento que poderás fazer a ponte para o encontro com outra pessoa de maneira mais autêntica, livre, prazeirosa e profunda. Não te reprima, não tenha pudores de começar este aprendizado, abrindo-te para ti, literalmente. Teu momento é o presente, é o aqui e agora. Solta a biografia de frustrações sexuais e afetivas do teu passado e não te deixa aprisionar pelo medo ou ansiedade quanto ao futuro. Aprende a estar na tua Presença, o único caminho possível para resgatar o amor próprio que perdeste. Escolhe te olhar, te escutar, te acolher, te sentir, te tocar. Escolhe despertar teu corpo-templo com as três chaves divinas: respiração, som e movimento. Tua vulva, – separada de ti pelo sistema patriarcal em que foste criada,…

Leia mais

fêmeas pulsantes de úteros criadores

7 de fevereiro de 2020

fêmeas pulsantes de úteros criadores

Hoje enquanto criava, escrevendo um projeto necessário e importante, meu útero pulsava, pulsava, pulsava. Fiquei surpresa e desfrutei em plena consciência deste movimento de felicidade íntima. Respirei e acompanhei o ritmo uterino. Igual ao meu coração no compasso e mais forte ao ressoar na energia do ventre. Me dei conta novamente que o útero é meu primeiro coração,…

Leia mais

ser mãe solo é a experiência mais radical de minha vida

30 de janeiro de 2020

ser mãe solo é a experiência mais radical de minha vida

Antes de nos despedirmos da praia da montanha-templo, levei Laila conhecer a casa onde sua mãe, quando grávida, fez um retiro de 40 dias, no sexto mês. Longe do amado, da família, dos amigos, da cidade, do ruído. Entregada ao silêncio e ao presente de sentir-se fêmea e deusa. Despertando com os pássaros, caminhando com as ondas, sendo alimentada pela terra, acariciada nua por sol e lua. Amando sua barriga, seios e vulva. Em fluir de êxtase diariamente. Rompendo os íntimos tabus do que é estar grávida aos moldes opressivos e cruéis da cultura machista,…

Leia mais

tocar o corpo e despertar sentimentos profundos

30 de janeiro de 2020

tocar o corpo e despertar sentimentos profundos

Em tempos tão caóticos, virtuais e ansiosos, é uma escolha resistir e decidir ser humana: guardar o telefone, postergar os próprios interesses, parar, olhar nos olhos e escutar alguém. Hoje uma mulher compartilhou sua angústia em ser amante de um homem casado há 12 anos, enquanto nossas filhas ao longe, brincavam juntas no parquinho. Cada vez mais, encontro pessoas que se abrem completamente para mim. Sinto que o estado de presença, serenidade e natural acolhida favorecem o contato mais honesto e profundo ( além das máscaras, dos personagens sociais e das “ boa educação” ). Mas creio estar na atenção, na escuta ativa ao outro, o fator principal que aciona as confissões alheias. Ela contou que após a primeira noite que não houve transa entre eles, pois estava menstruada e não queria, aconteceu uma intimidade diferente. Ela tocou seu corpo com massagens profundas e carinhosas e apenas dormiram juntos, sem nada de sexo. Depois de um tempo, ele acordou chorando muito. Ela se assustou. Jamais em 3…

Leia mais

educação sexual no sistema familiar

30 de janeiro de 2020

educação sexual no sistema familiar

Eu estava no banheiro do apartamento de meus pais na praia, tirando o esmalte das unhas com a acetona que encontrei, quando minha mãe entrou pra fazer xixi. “ Pode ficar filha”. E logo me vieram à mente, as imagens das vulvas de nossas três gerações. E comecei a refletir sobre os processos de cura na sexualidade feminina profunda que podem e precisam ocorrer dentro do sistema familiar. Felizmente minha mãe batalhou para que eu e minhas irmãs pudéssemos nos expressar livremente, sermos nós mesmas, e também falar abertamente sobre sexo quando quiséssemos. Não ter vivido em um ambiente de tabus e repressões corporais desde a infância foi uma benção; fator essencial para o desenvolvimento saudável e prazeroso de minha sexualidade. Lembrei da vez em que teimei em fazer um surpresa de aniversário para meu namorado em um motel, e meus pais não quiseram emprestar o carro e decidiram me dar carona e esperar em frente, até que o Edu chegasse, pois era longe e num local isolado. Enquanto eu preparava balões e velas lá dentro, meu pai…

Leia mais

todos sabemos o quanto é desafiador estar na própria pele

30 de janeiro de 2020

todos sabemos o quanto é desafiador estar na própria pele

A cada dia a vida me abre mais. Me sinto habitando um corpo em expansão, ampliado pela força de uma alma que AMA. Um amar contínuo e presente, que vai além da mente; que nada tem a ver com teorias, ideais românticos, paixões obsessivas e muito menos com dogmas religiosos. É um fluxo amante, de dentro pra fora, que não passa pelo radar do ego esperando sempre receber algo em troca, como funciona o mercado de “amores”. Talvez seja a humanidade que me habita e reconhece e ama a humanidade que há no outro. Me sinto intimamente semelhante às pessoas, como outras versões humanas de um existir no mesmo espaço-tempo. Contemplo as diferenças nos processos vitais, nos roteiros de vida de cada um, mas não nas emoções e sentimentos profundos que permeiam as batalhas diárias e dos quais ninguém escapa. Sirvo à derrubada dos tabus que sustentam armaduras contra nossas próprias vulnerabilidades. Todos sabemos o quanto é desafiador estar na própria pele e…

Leia mais

a vida é um parto diário, e hoje mais um dia para meu nascimento! 29/01!

30 de janeiro de 2020

a vida é um parto diário, e hoje mais um dia para meu nascimento! 29/01!

Ao ver minha mãe saindo do quarto onde minha filha dormia, voltei no tempo e pensei: é por ela, é por causa desta mulher que posso celebrar minha vida nesta terra, abrir meu novo ciclo, fazer aniversário neste 29 de janeiro. Enquanto ela se despedia, eu lembrava do meu nascimento, da terceira ida ao hospital, da cesárea por não haver dilatação e do médico conduzir a gestante de 22 anos à cirurgia. E pensei no meu processo de parir Laila, que estava…

Leia mais

nossos corpos estão nesta Terra para serem sentidos, não usados

16 de janeiro de 2020

nossos corpos estão nesta Terra para serem sentidos, não usados

Nossos corpos estão aqui nesta terra para serem sentidos, vividos, experimentados, tocados – não usados. Se assim o permites ou fazes – o que dá na mesma – investiga o que sentes por ti. Olha com coragem para tuas relações íntimas. São retratos imediatos da tua sombra e da tua luz: do amor ou da falta de amor e estima por ti mesma. Enquanto estiveres sentindo prazer de verdade – sem mentir – viva!!! Se por um só momento não estiveres feliz, PARA. Olhe para a outra pessoa e seja HONESTA. Te surpreenderás com a aceitação do outro desde tua autenticidade e te tornarás guia para um encontro sexual mais profundo e extasiante. Teu prazer é poder, mulher. Teu gozo é AMOR! .⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Autora: Fernanda Franceschetto A jornada íntima para tornar-se mulher sem tabu – Vulvoscopia FF ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Leia mais

não há salvador nem príncipe encantado na intimidade

16 de janeiro de 2020

A comunicadora, jornalista, artista, terapeuta gestalt e tântrica, Fernanda Franceschetto, aproveita a última lua cheia da década para iluminar a dúvida de um seguidor, que FF considera ser um retrato da sistema patriarcal na intimidade e que atinge a maioria dos homens ( e também a expectativa da maioria das mulheres): “ a coisa mais difícil para um homem é fazer uma mulher feliz na sua intimidade. Eu sempre fico com a sensação que não estou agradando. Essa é…

Leia mais

a mulher perfeita e o tabu da vulnerabilidade

16 de janeiro de 2020

a mulher perfeita e o tabu da vulnerabilidade

A vulnerabilidade foi um grande tabu durante quase toda a minha vida. Sempre me mostrei e me relacionei no máximo da potência, da beleza, da expressão virtuosa, apaixonante e apaixonada pela vida e pela gente com quem me relacionava. Solar, radiante, intensa, autossuficiente, livre. Curioso é que os grandes encontros românticos que vivi, terminaram em muito sofrimento e exaustão. Repeti, uma e outra vez, em diferentes níveis de inconsciência, o mesmo padrão: dava ao outro demais…

Leia mais

o verão e a nostalgia de um tempo em que não sentíamos o patriarcado

16 de janeiro de 2020

o verão e a nostalgia de um tempo em que não sentíamos o patriarcado

A chegada do verão é sempre nostálgica para mim. Hoje lembrei dos banhos coletivos com as primas na casa da avó italiana. A alegria que era voltar da praia comendo churros e seguir ao banheiro falando sem parar, tirando os biquínis com quilos de areia enquanto contávamos histórias vividas e inventadas sem fim. Uma pulsão de vida contagiante, uma libido natural e espontânea, traduzida em alegria e inocência. Durante anos passamos verões juntas, ouvindo descobertas, intimidades, influenciando umas às outras. Lembro de nossas vulvinhas sem pelos! E de quando começamos a ficar menstruadas, com direito a TPM’s compartilhadas! E a dureza do fim das férias e da nossa adolescência; a separação concreta ao…

Leia mais

o desafio no final de ano: sentir o encontro em família

16 de janeiro de 2020

A comunicadora, jornalista, artista, terapeuta gestalt, tântrica e mãe solo, Fernanda Franceschetto, fala sobre a arte do encontro, a conexão com o sentir profundo, também com a família, especialmente no período festivo de final de ano. FF aborda o desafio que é reencontrarmos as pessoas que fazem parte de nossa biografia e que despertam um misto de alegria celebrativa e evitação das sombras, no jogo de espelhamentos que existe entre os membros. FF fala do encontro como oportunidade de conexão e evolução, de tomarmos mais consciência sobre nós e os demais; além de ser um grande momento para desenvolvermos a gratidão pela vida, para olharmos nos olhos, estarmos presentes e honrarmos o mistério que nos une como família. Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF – A jornada íntima para tornar-se…

Leia mais

Natal é um ritual de (re)nascimento do AMOR

16 de janeiro de 2020

Natal é um ritual de (re)nascimento do AMOR

Natal é um ritual de (re) nascimento do AMOR. É a vinda da criança sagrada, incarnada no ventre de toda mãe que pisa sobre esta Terra e que pari sua criatura. Somos fragmentos da mesma luz que simboliza o nascimento de Jesus, o menino que faz da caminhada existencial uma via para a absoluta expansão da consciência, que a torna Crística, iluminada, transcendente às trevas da ignorância mundana que nos separa como seres e irmãos de humanidade, através do sistema patriarcal que nos divide em egoísmo e competição. Jesus torna-se Cristo ao INCARNAR o AMOR…

Leia mais

Me despeço dos 10 anos mais importantes de minha vida! Venga 2020!

16 de janeiro de 2020

Me despeço dos 10 anos mais importantes de minha vida! Venga 2020!

Me despeço dos 10 anos mais importantes de minha vida. A grande travessia do mundo superficial e patriarcal ao mergulho abissal em minhas entranhas femininas, alma e verdade. A jornada íntima para tornar-me mulher. Da sexualidade à espiritualidade, reencontrei e uni corpo e alma. Me penetrei. Me gestei. Me pari. Humana. Livre. Processo vital e mutante. Deixei morrer relações que não respeitaram a necessidade orgânica de mudar, experimentar, crescer, romper com padrões e criar novas maneiras de existir, pensar, sentir e agir….

Leia mais

que possamos juntos sonhar e agir pela evolução dos encontros

16 de janeiro de 2020

que possamos juntos sonhar e agir pela evolução dos encontros

Ainda sonhando, despertei neste primeiro dia de ano novo. Lembrando do sonho, lembrando do encontro que houve durante o sonho. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Sentia o toque amoroso e o olhar de um homem inteiro, sensível, criativo, sereno e naturalmente alegre, contagiante. Não havia sombra de machismo, insegurança, necessidade de afirmação ou superioridade, nem jogo de sedução. Ele estava aberto, vulnerável, presente, centrado, em contato com seus sentimentos. O admirei. E me senti intensamente atraída por ele assim, sendo simplesmente ele. Quanta força há neste estado de SER. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Durante o dia na praia, absorvendo a energia de maior tranquilidade e esperança no ar, ampliei a fé na transformação da mente patriarcal/machista que atinge a todos nós – independente de gênero ou orientação sexual – e que precisamos todos curar através do amor e da compaixão. Desejo que tenhamos coragem para trabalhar internamente, para ampliar a consciência, para (re)encontrarmos e libertarmos nossos corações para conseguirmos romper a armadura que não serve para a evolução de um mundo que é feito por relações humanas – e íntimas. Que possamos juntos sonhar e agir pela evolução dos encontros; que tornem-se equânimes, verdadeiros, respeitosos, autênticos, livres, alegres, profundamente prazerosos…

Leia mais

a intimidade começa no olhar

16 de janeiro de 2020

a intimidade começa no olhar

Hoje, através de um encontro inesperado, me dei conta mais uma vez, que a intimidade começa no olhar. Uma conversa franca, olhos nos olhos. Estávamos realmente interessados no que o outro tinha a compartilhar. Sem ansiedade. Nem atropelos. Havia escuta genuína. Nos sentimos acolhidos um pelo outro. E me dei conta que posso estar assim, recebendo e sendo recebida por alguém pois a cada dia tenho tido coragem para virar os olhos para dentro e levar luz aos esconderijos escuros das vaidades, medos e expectativas…

Leia mais

FF responde: “como lidar com as tentações, principalmente as sexuais?”

16 de janeiro de 2020

FF responde: “como lidar com as tentações, principalmente as sexuais?”

Pergunta da leitora: “ como lidar com as tentações? Principalmente as sexuais? Sou travadíssima com meu namorado, mas se penso em outro homem, se volto para aquele lugar de corpo-objeto eu funciono, mas não é isso que eu busco. Estava propondo essa discussão hoje com uma amiga”. Querida deusa, as tentações sexuais existem – graças a deus! Elas nos lembram que temos vulvas, vaginas e úteros pulsantes, que estamos vivas e que podemos e precisamos sentir prazer! Não devemos de maneira alguma nos reprimir; já basta o massacre íntimo que as gerações femininas vem sofrendo desde os primórdios do patriarcado até hoje. A questão é abrir-se para entrar ainda mais no prazer, de forma consciente, presente e sem pudores para conhecer e assumir a fonte do êxtase que há em ti, da potência sexual-sagrada que és tu. Investiga o que te faz estar com este namorado e esteja atenta para escutar realmente tuas entranhas travadas no sexo com ele. O que te leva a estar…

Leia mais

FF responde: ” Desejo por mulheres, como agir diante desta situação?”

16 de janeiro de 2020

FF responde: ” Desejo por mulheres, como agir diante desta situação?”

Pergunta da leitora: “ me separei do meu esposo faz dois dias, agora oficial. Mas no ato do sexo com ele eu pensava MUITO EM MULHERES, um desejo ardente por mulheres me tocando e eu as tocando também, e quando estou afim de me masturbar com vídeos, eu só vejo lésbicas, me excita de uma forma surreal, só de falar aqui já fico molhada mesmo ( desculpa a sinceridade). Isso pode ser desejo reprimido? Estive presente em nosso sexo por anos, mas 2 anos pra cá sempre com pensamentos em mulher mesmo! Eu fiquei com meninas na adolescência mas sem sexo, o que me arrependo. Como agir diante dessa situação? Querida deusa, não peça desculpas por tua sinceridade! Nós é que agradecemos! É libertador testemunhar uma mulher na expressão autêntica de sua intimidade e desejo sexual. Acredito que precisas assumir por inteira o ser que tu és, através de uma sexualidade plena. Diga S I M à atração e ao tesão arrebatador que sente em tuas fantasias com outras mulheres, e entrega-te à…

Leia mais

descer na cabeça ao corpo

16 de janeiro de 2020

descer na cabeça ao corpo

Desço da cabeça ao corpo e o experimento como templo, refúgio e retiro onde me entrego sem resistência ao momento presente e observo as turbulências mentais e emocionais que estejam me exaurindo. Respiro. E incarno em meus sentidos. Me torno Presença. Paz. A intimidade acolhe, pacifica e abraça a alma por dentro, me faz aceitar plenamente o que a vida apresenta, aqui e agora.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Autora: Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF – A jornada íntima para tornar-se mulher, sem tabu

Leia mais

um lugar é sagrado quando nos transporta à intimidade profunda

16 de janeiro de 2020

um lugar é sagrado quando nos transporta à intimidade profunda

Um lugar é sagrado quando tem o poder imediato de me lançar às memórias mais íntimas da vida. Hoje o templo verde me fez honrar a potência da autotransformação a qual venho me dedicando. Me fez lembrar da andarilha Fernanda, entregue a seu grande mestre, Silêncio, desde que terminou o primeiro casamento: o conto de fadas que a levou ao fim da ilusão mundana que a seduzia. O sexo era uma delícia. Mas não transcendia. Disfarçava o vazio existencial. Era…

Leia mais

tocada na primeira lua cheia de 2020

16 de janeiro de 2020

tocada na primeira lua cheia de 2020

Fui tocada nesta primeira lua cheia de 2020 enquanto ajeitava o espaço da mesa pra cortar pedaços de pizza. Levantei o olhar e o encontrei olhando para mim. Não desviei. Atravessei um pontinho de timidez e sustentei ao ouvir minha voz íntima: “ desfruta a mulher que tu és e a energia que está sendo emanada para ti, aqui e agora”. E que energia. Uma presença naturalmente aberta, forte e íntegra. De olhar vivo, brilhante. Como há muito eu não via. Em silêncio e à distância, me deixei penetrar pela virilidade de sua alma. Que homem. Externamente, sem qualquer adereço e sinal aparente de vaidade. Vestia uma camiseta azulada sobre a pele morena, levemente suada. Não ouvi sua voz. Quando saí, fui eu quem me aproximei e lhe disse: gratidão. Sorrimos como se nos abraçássemos. Depois, em frente a…

Leia mais

voar pelo amor próprio e libertar-se de toda forma de opressão

16 de janeiro de 2020

voar pelo amor próprio e libertar-se de toda forma de opressão

No pôr do sol formou-se a figura de um ser alado. Tomei tempo para contemplar. E sentir a imagem. Lembrei que a maior parte da vida tive medo de pássaros. Até a noite em que encontrei uma gaivota presa na areia. Um símbolo vivo da agonia e prisão em meu relacionamento na época. Já havia decidido que não queria mais. E não conseguia dar fim. Sair dali. Voar. Igual a gaivota. Tentei lançar-lhe algumas vezes ao alto. Voa! Voa! E ela caia, pesadamente na areia. Comecei a chorar muito. Não sabia o que fazer por ela (por mim). Como ajudar um…

Leia mais

FF responde: ” relações com ex – o que fazer? “

16 de janeiro de 2020

FF responde: ”  relações com ex – o que fazer? “

Partilha e pergunta da leitora: “ me libertei de um casamento fútil, meu ex marido é rico mas nenhuma viagem ou presente completava o vazio que eu sentia. Ele é muito egocêntrico, frio, apesar de dizer que me ama, descobri que me traiu…Me procurou depois de algum tempo e quer voltar, disse que se arrependeu. Como é seu relacionamento com os seus ex do primeiro e do segundo casamento? Você depois de tanto tempo pensa em voltar com eles ou quer construir uma história diferente com outra pessoa? Meu ex me procura toda semana. Talvez eu deva ficar livre pra novas histórias, não sei. O que vc fez? Acho que uma história parecida pode me ajudar. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Querida deusa, antes de mais nada te afirmo: tu és um ser único, ele também, e ambos construíram uma relação incomparável. Precisas…

Leia mais

sirvo ao AMOR

16 de janeiro de 2020

sirvo ao AMOR

Minha missão é servir ao Amor, sendo quem eu sou. Uso minha própria vida e metamorfose como meio de inspiração, contágio e ajuda às pessoas que desejam a libertação, a transformação e a criação de si mesmas. Não estou presa aos tabus da cultura patriarcal/machista, especialmente aos que se referem à intimidade do ser, da sexualidade e das relações humanas. Tampouco…

Leia mais

tornar-se templo

12 de dezembro de 2019

tornar-se templo

A jornada íntima para tornar-se mulher, sem tabu – Vulvoscopia FF Transforma-te mulher, se também queres tornar-te mãe! A criatura que ouvir teu chamado pós-transformação vai vir. Aprenda a AMAR-TE antes que ela chegue. Aprenda a escolher o homem que queres fazer amor: olhos nos olhos, pele na pele. Descubra o prazer em ser quem tu és. Assim, tua gestação será uma benção e um portal de conexão com o mistério da Criação e o poder da Vida. Em plena abertura e gratidão, teu gozo será divino, compartilhado e sentido por tua criatura. Teu corpo se tornará um templo vivo de carne-êxtase-luz. Autora: Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF – A jornada íntima para tornar-se mulher, sem tabu foto: @hadasimages ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Leia mais

não existe palavra escrita que substitua a vivência íntima na prática

12 de dezembro de 2019

não existe palavra escrita que substitua a vivência íntima na prática

A jornada íntima para tornar-se mulher, sem tabu – Vulvoscopia FF ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Não existe fora do corpo nenhuma palavra que substitua a vivência direta da investigação na sexualidade profunda ( onde há troca de amor, afeto, alma). Os textos podem até servir como rotas mentais, mas jamais como aprendizado vivo e transformador, na prática. É preciso ficar nu de tudo o que pensamos “ saber” sobre sexo para realmente VER a outra pessoa. Olhar com olhos virgens, de primeira vez. Como uma folha em branco. Sem passado nem futuro. Abertos ao encontro, presentes, no aqui e agora. Penetrados um no outro, livres de julgamento, (má) cultura e expectativa acumulados justamente pelo “…

Leia mais

coragem para sair da violência íntima – silenciosamente vivida

9 de dezembro de 2019

coragem para sair da violência íntima – silenciosamente vivida

A jornada íntima para tornar-se mulher, sem tabu – Vulvoscopia FF Coração – tema V ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Coragem para nos apoiarmos a sair das dores, dos traumas, dos bloqueios, da violência íntima – silenciosamente vivida. Cada uma sabe o grau de opressão que ainda se permite viver, mesmo que externamente faça discursos muito bem embasados e seriamente defendidos. De nada adianta usar a voz para sustentar ideais necessários e urgentes, se “ entre quatro paredes” não há mudança de atitude e perspectiva. O empoderamento autêntico e transformador começa dentro de nós, nas entranhas, na sexualidade profunda. Enquanto estivermos em autoengano – e todas sabemos como é precisar mentir na própria intimidade – trairemos a mulher que somos e influenciaremos no retrocesso do coletivo feminino. Cada uma que desperta e decide ter coragem para renascer livre e autêntica, contagia a próxima a fazer o mesmo. Depende exclusivamente de nós transmitir a força do poder da mudança ou a resignação em seguir permitindo o domínio do outro – do sistema – sobre nós. Autora: Fernanda Franceschetto A jornada íntima para tornar-se mulher, sem tabu – Vulvoscopia FF…

Leia mais

intimidade como autoconhecimento

9 de dezembro de 2019

Intimidade como autoconhecimento Neste vídeo de seu canal no Youtube, a comunicadora, jornalista, atriz, terapeuta-gestalt e tântrica, Fernanda Franceschetto fala sobre a intimidade como caminho de autoconhecimento e autodesenvolvimento. Aborda as relações humanas – e íntimas – como fator essencial para nosso bem-estar e felicidade. FF fala ainda sobre a travessia do medo que sentimos em nos relacionarmos profundamente, por vivermos em tempos de telas e distanciamento real; e da…

Leia mais

lapidando a nudez profunda e imediata

9 de dezembro de 2019

lapidando a nudez profunda e imediata

A jornada íntima para tornar-se mulher, sem tabu – Vulvoscopia FF Amor e intimidade De relação em relação, sigo lapidando minha nudez profunda e imediata: olho nos olhos, toco a pele inteira, beijo com carinho e vontade, faço sexo e amor sendo radicalmente quem sou: sem performance, sem máscara, sem jogo, sem falsidade, sem mentira. O essencial é não trair os sentidos e impulsos para “ ter que” me adequar ou agradar alguém. Ao contrário: confio na vulnerabilidade, em estar aberta e profundamente conectada com meu corpo, em pleno estado de atenção e presença no aqui e agora, permitindo o SENTIR e o FLUIR natural do prazer. A expansão orgástica vai provocando um contágio de intimidade profunda. Não há preocupação com…

Leia mais

resgata o paraíso perdido

9 de dezembro de 2019

resgata o paraíso perdido

A jornada íntima para tornar-se mulher mulher, sem tabu – Vulvoscopia FF ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Resgata o paraíso perdido através da coragem de experimentar a sexualidade como Amar de corpo e alma. Rompe os tabus que te impedem de vivenciar o autoconhecimento íntimo. Encontra a Eva que há em ti: não a culpada por comer o fruto da desobediência à ordem patriarcal e responsável pela queda do paraíso, mas sim a que liberta a si mesma e ao outro/a para ir além do mundo conhecido e seguro, para sentir prazer e descobrir o que é viver na própria pele, com…

Leia mais

receber – e pedir – a devoção alheia por tua vulva

28 de novembro de 2019

receber – e pedir – a devoção alheia por tua vulva

Vulva – tema II A jornada íntima para tornar-se mulher, sem tabu – Vulvoscopia FF Experimenta receber – e pedir – em tua vulva a devoção alheia, uma língua disposta a despertar a intimidade profunda. Não aquela da falsa vontade, mecânica, sem noção ou que faz serviço esperando retribuição. Se necessário – e na grande maioria das vezes sabemos que é – torna-te guia, conduza à vivência do sexo oral que desejas e mereces ter, sem vergonha de expressar tuas necessidades e aberturas ao sentir prazer. ⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Autora: Fernanda Franceschetto A jornada íntima para tornar-se mulher, sem tabu Vulvoscopia FF ⠀⠀⠀⠀

Leia mais

é tempo de lembrarmos que temos vagina

28 de novembro de 2019

é tempo de lembrarmos que temos vagina

Vagina – tema III – Vulvoscopia FF⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ A jornada íntima para tornar-se mulher sem tabu, por Fernanda Franceschetto É tempo de lembrarmos que temos vagina, temos desejos, temos necessidades íntimas de encontro real, sexo, amor e gozo. Podemos e vamos conquistar o mundo. E podemos e vamos conquistar também nossa plenitude sexual, nossa potência orgástica-espiritual total. Basta…

Leia mais

atravessa o tabu da vergonha em te expressar

26 de novembro de 2019

atravessa o tabu da vergonha em te expressar

Ao invés de performance para agradar o ego alheio, liberta a fêmea que há em ti. Atravessa o tabu da vergonha em expressar plenamente teu instinto. Solta o som da respiração, dos gemidos, das mais intensas expressões do teu prazer. Experimenta a conexão radical e absoluta que existe entre tua boca e tua vagina. Se te abres em cima, liberas o fluxo de êxtase em baixo. A B R E – T E! Autora: Fernanda Franceschetto Comunicadora, jornalista, atriz,terapeuta gestalt e tântrica Vulvoscopia FF

Leia mais

é chegada a hora de parir – o que se deseja parir

26 de novembro de 2019

é chegada a hora de parir – o que se deseja parir

Útero – tema IV – Vulvoscopia FF É chegada a hora de parir. Parir o que se deseja parir, desde um chamado íntimo. Não temerás o trabalho de parto. É o acesso ao teu poder criativo genuíno. Invoca. Penetra. Gesta. E abre as pernas para o que desejas parir. FF pariu a si mesma como mulher. FF pariu a filha em em parto pélvico e normal. FF pariu o Vulvoscopia para ti. Autora: Fernanda Franceschetto Comunicadora, jornalista, atriz, terapeuta gestalt e tântrica…

Leia mais

amar virou tabu

26 de novembro de 2019

amar virou tabu

Coração – tema V – Vulvoscopia FF Vivemos em tempos onde falar de AMAR virou tabu. As mulheres “ fortes “ não se permitem assumir o radical desejo de amar e de serem amadas. Não é moderno. Não é cool. Não é ativismo. Parece que AMAR virou coisa de mulher fraca, romântica, ignorante, não politizada. Sinto muito. Doi a alma ver tanta mulher maravilhosa sofrendo para sustentar discursos e comportamentos que seguem fazendo mal a elas mesmas e aos outros. A libertação feminina não acontece apenas na mente e na atuação no mundo, depende essencialmente do estado de presença e conexão com o próprio corpo, através da sexualidade consciente e da transmutação das dores emocionais sofridas: no coração estão as verdadeiras sombras que impedem a mulher de arrancar a máscara e ter coragem de assumir-se como realmente é e libertar-se do patriarcado. A cada relação – seja em que nível for – nos deparamos com nós mesmas e com medos abissais de sermos oprimidas, usadas, rejeitadas, abandonadas, ou seja: não amadas. Traumas e feridas violentas…

Leia mais

“a jornada íntima para tornar-se mulher” – FF

26 de novembro de 2019

“a jornada íntima para tornar-se mulher” –  FF

“a jornada íntima para tornar-se mulher”- Vulvoscopia FF SER – tema VII ( ou Autorização ) Me lanço ao mar da vida, ancorada na força da alegria em existir como um processo humano. A cada nova onda, sinto um misto de medo do absoluto mistério que é viver e do fascínio em ser penetrada por isso. Na superfície busco o silêncio e o ar, reverencio todos os aprendizados que me transformaram, e me entrego ao novo mergulho, à nova morte do seguro. Não sei…

Leia mais

me transformo em autoamor e autocompaixão

26 de novembro de 2019

me transformo em autoamor e autocompaixão

Vulvoscopia FF – “ A jornada íntima para tornar-se mulher”, por Fernanda Franceschetto Corpo – tema I ⠀/ Autopenetração ( ou Vazio Fértil ) Penetro o corpo ao silenciar a voracidade das vozes mentais, desejosas por resultados imediatos a cada fazer do dia. Fecho os olhos, respiro, acolho a turbulência gerada na carne pelas nuvens de pensamentos sem fim. Permito a cabeça cair das alturas e aterrisso no território seguro, na totalidade concreta e imediata de minha existência: a pele. Respiro e abro o caminho entre o coração e a pelve. Sem objetivo. Sem pressão. Sem expectativa. Me transformo em autoamor e autocompaixão. Se há lágrima, que venha. Se há raiva, que venha. Se há riso, que venha. Se há medo, que venha. Acolho toda emoção que precisa sair. Aos poucos, faço a travessia ao vazio fértil, ao aqui e agora absoluto: abertura e desapego de resultado. Um total “ estar aí”, sendo o que se é. PRESENÇA PLENA. Quem assume o comando do eu, do ego, da falsa identidade, é a alma, o SER. O corpo torna-se templo. E o prazer, erotismo íntimo, sagrado: puro AMOR em SI. .⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Autora: Fernanda Franceschetto, “ A jornada…

Leia mais

descoberta: o órgão do prazer feminino tem também função reprodutiva

19 de novembro de 2019

descoberta: o órgão do prazer feminino tem também função reprodutiva

Vulva ( clitóris ) – tema II – Vulvoscopia FF “ Clitóris faz (muito) mais do que dar prazer, sugere estudo”. Cientista indica que o órgão também tem ”papel fundamental na fertilidade feminina”. Nova pesquisa publicada na revista científica Clinical Anatomy aponta que o clitóris, além de proporcionar prazer, é extremamente importante para a reprodução humana….

Leia mais

tu és o caminho!

18 de novembro de 2019

tu és o caminho!

Consciência – tema IV – Vulvoscopia FF Qual é o caminho? Tu és o caminho. Caminha! Segue a trilha da tua vida, confia. Não te desespera. Sente teus pés no chão. Respira. Observa. Contempla. A cada agora, decide ser quem tu és. Esteja contigo. Presente em cada passo. Alinha teu centro sexual ao centro emocional e ao centro…

Leia mais

teu corpo não existe para ser vivido como um labirinto

18 de novembro de 2019

teu corpo não existe para ser vivido como um labirinto

Corpo – tema I – Vulvoscopia FF Mulher, teu corpo não existe para ser vivido como um labirinto, onde ficas perdida em tuas sensações mais profundas. Pelo contrário. A cada vez que algo realmente te move, seja por dor ou prazer, precisas ir além: experimentar o que este sinal quer dizer sobre ti. Para de ignorar o que sentes. Não te permitas ser manipulada pela opinião duvidosa de quem não está na tua pele….

Leia mais

o êxtase escolhe um corpo de alma nua

14 de novembro de 2019

o êxtase escolhe um corpo de alma nua

Corpo – tema I – Vulvoscopia FF O êxtase escolhe um corpo vulnerável, aberto, sem tensão, sem medo, sem expectativa, sem controle. O êxtase escolhe um corpo atento ao SENTIR no momento presente, fiel À PRESENÇA no AQUI E AGORA. O êxtase escolhe um corpo que não duvida das sensações de prazer e que deixa-se guiar por elas. O êxtase escolhe um corpo não reprimido por crenças mentais negativas, exigentes e crueis. O êxtase escolhe um corpo LIVRE de máscaras, personagens e…

Leia mais

a vulva não é uma “parte” da mulher

14 de novembro de 2019

a vulva não é uma “parte” da mulher

Vulva – tema II – Vulvoscopia FF Não há tabu de vergonha, culpa ou medo que resista à experiência de sentir a vulva respeitada, desejada, admirada, tocada e beijada com presença, interesse, afeto, amor. É pela vulva que a mulher inteira se abre para um encontro sexual profundo – e imprevisível. É pela vulva que a mulher inteira relaxa, confia e se liberta do condicionamento mental e machista de “ ter que servir antes de receber”. É pela vulva que a mulher sente o que mais busca: o gozo do prazer pleno na intimidade. A vulva não é uma parte da mulher. É a mulher por inteira. Um retorno ao paraíso, nesta Terra. Autora: Fernanda Franceschetto Comunicadora, terapeuta gestalt e tântrica….

Leia mais

a penetração começa na pele

14 de novembro de 2019

a penetração começa na pele

Vagina – tema III – Vulvoscopia FF A penetração começa na pele. É através do toque que fazemos contato físico, que sentimos o território desconhecido, que encontramos a fronteira, o limite que existe entre nós, a vida inteira do outro ali, em cada poro. A carícia pode romper as distâncias e os traumas das biografias; pode tocar a alma, despertar o ser, acender o sentir mais profundo. Quantas vezes transamos, somos penetradas e nada sentimos? Acontecerá sempre que não houver alinhamento entre a vagina, o coração e a mente. O momento da penetração no sexo revela o quanto houve de encontro anterior ao ato em si, ou de desencontro. Poderá ser um inferno. Ou poderá ser o céu. A experiência está literalmente, em nossas mãos. .⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Autora: Fernanda Franceschetto, comunicadora, terapeuta gestalt e tântrica. Vulvoscopia FF – desperta a Amar sem tabu, na integração da sexualidade-espiritualidade, em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Leia mais

ama com todas as tuas forças

11 de novembro de 2019

ama com todas as tuas forças

Tua natureza essencial é soberana ao patriarcado. Não temas. Enfrenta. AMA com todas as tuas forças. Autora: Fernanda Franceschetto Comunicadora, terapeuta gestalt e tântrica. Vulvoscopia FF: desperta o amor que há em ti, sem tabu!

Leia mais

coragem para ouvir o coração e os gritos da alma

7 de novembro de 2019

coragem para ouvir o coração e os gritos da alma

A maior das armaduras é vestida pela mentira. A usamos por medo de entrar em contato com o SENTIR genuíno e com a DOR que habita nossa alma, como consequência de relacionamentos fracassados ou mal sucedidos. Evitamos abrir-nos à vulnerabilidade, a sermos quem somos, por medo da rejeição, de não sermos amadas simplesmente como somos. Essa é a ferida que a criança interior ( em algum ou em muitos momentos) sentiu e segue aberta. Precisamos conhecer a nós mesmas e a esta criança que foi castrada em seu instinto livre e sentimentos profundos: domesticada para servir ao sistema, para “ funcionar”. A grande maldição da existência: as pessoas que mais amamos nos transmitem o vírus do condicionamento e do automatismo, ao qual precisamos tomar consciência, nos libertar e curar com todas as nossas forças para realmente experimentar ser a mulher que somos. SER quem somos. É um Trabalho Interior a ser feito! Não há…

Leia mais

sirvo ao despertar do AMOR, que há em ti, que és tu!

7 de novembro de 2019

sirvo ao despertar do AMOR, que há em ti, que és tu!

“ aquele que tem a vocação de curar almas, não se apoia em teorias nem técnicas e sim em sua experiência pessoal do caminho interior e de sua criatividade. Quando o terapeuta já amadureceu o suficiente, a ajuda chega ao paciente através do simples encontro”. Palavras do indicado ao Nobel da Paz em 2015, Dr Claudio Naranjo, psiquiatra e mestre espiritual, ícone mundial da Gestalt-Terapia e Eneagrama. Um mestre iluminado que reconheceu profundamente minha jornada de autotransformação como ser humano (e mulher) e incentivou meu caminho como terapeuta gestalt através de minha criação Vulvoscopia FF: a serviço da verdade, da autenticidade e da sexualidade. Sem tabus e pelo aprofundamento do feminismo na consciência sobre si, na biografia particular e incomparável de cada mulher. Estou aqui para ti, por todas e todos nós ! Para servir ao Amor, a integração da sexualidade-espiritualidade e pela evolução da…

Leia mais

o êxtase és tu

4 de novembro de 2019

o êxtase és tu

Se procuras o êxtase mulher, é por ti mesma que estás buscando. autora: Fernanda Franceschetto Comunicadora, terapeuta gestalt e tântrica

Leia mais

celebra a união deusa-deus, feminino-masculino, dentro e fora de ti!

31 de outubro de 2019

Salve, mulher! Salve, irmandade! Estou de volta neste 31 de outubro, depois de férias merecidas, em plena natureza! Escolhi este vídeo meu para invocar a experiência oposta ao Haloween do hemisfério norte, oriundo do antigo rito celta de Samhain: quero vibrar na roda da vida e da natureza no hemisfério sul onde estamos no período de Baltane, o rito celta das fogueiras, da sexualidade e da alegria, onde celebra-se a fertilidade, um festival de Primavera que marca o início do Verão! Para constar: o solstício de verão que celebramos em dezembro seria o meio do Verano e não seu inicio. O rito celta de Beltane celebra a união do feminino e do masculino, da deusa e do deus…

Leia mais

sexo, de verdade!

8 de outubro de 2019

No video 3 da série Primavera – um por dia com FF – a comunicadora e terapeuta gestalt-tântrica, Fernanda Franceschetto fala sobre sexo, vagina e penetração como caminho de consciência, honestidade e autoconhecimento. Aborda a questão das mulheres “precisarem” fingir durante uma relação não satisfatória e promoverem ainda mais dano a si mesmas, acumulando frustração e raiva por sentir ( e permitir) o uso de seus corpos/ vaginas como buracos para alívio e dominação do outro. FF fala também sobre a questão da falta de educação sexual e a toxicidade da indústria sexista pornô, onde homens ( e mulheres) passam a ver e fazer sexo como prática de dominação e submissão. FF encoraja as mulheres a buscarem…

Leia mais

veja a tua vulva!

8 de outubro de 2019

Neste vídeo 2 da série Primavera com FF: a terapeuta gestalt-tântrica e comunicadora Fernanda Franceschetto aborda a necessidade de florescer a vulva, abrirmos nossa consciência para atravessarmos o sistema de crenças negativas ( patriarcal/ machista) e olharmos com interesse, vontade e amor para nossas vulvas: fontes de potência, beleza, prazer e absoluta feminilidade. FF propõe duas simples e transformadoras práticas a serem vivenciadas no caminho do autoconhecimento feminino e amor próprio. Te inscreve no canal FERNANDA FRANCESCHETTO, no YOUTUBE, e receba esta troca de conhecimento e evolução por todas nós.

Leia mais

performance x sexualidade autêntica

1 de outubro de 2019

Neste vídeo 1, da série Primavera, a terapeuta gestalt-tântrica e comunicadora, Fernanda Franceschetto fala sobre o corpo e a dificuldade da mulher vivenciar o prazer genuíno por ainda estar presa ao condicionamento do servir “ mais ao que o outro espera” do que estar atenta às próprias sensações corporais. Aborda a questão da performance x sexualidade autêntica e a diferença entre sexo e sexualidade em si: um caminho a ser descoberto e trilhado para a mulher libertar a si mesma e encontrar as fontes do prazer em estar em seu corpo e ser quem ela é por inteira! Te inscreve agora no canal FF no YouTube e acompanhe a série de vídeos diários nesta primavera, e receba os videos e a troca profunda de conhecimento e amor para a evolução de todos nós!

Leia mais

sangra consciente e floresce tua primeira terra: teu corpo

24 de setembro de 2019

sangra consciente e floresce tua primeira terra: teu corpo

Vulvoscopia FF útero – florescer fêmea Experimenta a beleza selvagem, em profundo autoconhecimento e espiritualidade autêntica. Sangra consciente e floresce tua terra primeira, teu corpo, tua revolução contra toda forma íntima e declarada de tabus para opressão do ser mulher. Viva a menstruação, viva teu feminino por inteiro. Desperta tuas entranhas! Desperta tua potência absoluta, mulher!…

Leia mais

busca a verdade na tua primavera interior

24 de setembro de 2019

busca a verdade na tua primavera interior

Vulvoscopia FF florescer: sexualidade-espiritualidade Buscar a verdade sobre nós é desejar a primavera interior: abrir o corpo, a vulva, a vagina, o útero e o coração ao florescimento contínuo da consciência, do ser, do desabrochar de nossa sexualidade-espiritualidade, no aqui e agora. Que as sementes adormecidas nas profundezas escuras dos traumas, bloqueios, medos, culpas e vergonhas, sejam guiadas por mais força de LUZ e AMOR próprio! Vamos invocar garra, confiança, potência, plenitude, sabedoria, prosperidade e êxtase! Feliz Primavera para nós! Autoria do texto: Fernanda Franceschetto – terapeuta gestalt, tântrica e comunicadora. Foto: @corwinprescott

Leia mais

o que nos penetra, nos penetra por inteiras

17 de setembro de 2019

o que nos penetra, nos penetra por inteiras

Vulvoscopia FF vagina – dentro de nós O que nos penetra, nos penetra por inteira. Vamos despertar da separação cultural machista a que fomos submetidas: a vagina como uma “ parte “ nossa. Nós somos inteiramente as nossas vaginas. Não somos buracos a serem preenchidos ou usados. Basta. E a cura para essa ignorância patriarcal tampouco estará em devolver na mesma moeda, “ usando um pênis por usar”. O que nos salvará é o amor próprio: a decisão corajosa de fazer um trabalho terapêutico interior, de ressignificar…

Leia mais

brasil – país número 1 em cirurgias íntimas “estéticas”

17 de setembro de 2019

Neste novo vídeo em seu canal do youtube, a terapeuta gestalt e comunicadora Fernanda Franceschetto fala sobre o tabu da vulva, em plenos tempos de diversidade. Faz um alerta para as mulheres despertarem da cultura machista/ patriarcal que reprime historicamente a anatomia real e potente do genital feminino e propaga a imagem irreal, infantilizada, tóxica- pornográfica da vulva, ao ponto do Brasil ser hoje campeão mundial em…

Leia mais

liberta a alma da bela-fera, experimenta o corpo selvagem

11 de setembro de 2019

liberta a alma da bela-fera, experimenta o corpo selvagem

Vulvoscopia FF corpo – fera livre ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Confia no impulso, na vontade de potência, no instinto de romper a opressão dentro e fora de ti. Assume a mulher que és por inteira. Liberta a alma da bela-fera: experimenta teu corpo selvagem. Autoria: Fernanda Franceschetto terapeuta gestalt e comunicadora Imagem: @marioncrampe Vulvoscopia FF – Terapia para Mulheres: trabalho terapêutico da gestaltista e comunicadora Fernanda Franceschetto para despertar e ajudar a mulher a ser feliz por inteira sem tabu, em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. O corpo é o tema 1 da Terapia para Mulheres – Vulvoscopia FF

Leia mais

vulva: olhar – desfrutar – celebrar

11 de setembro de 2019

vulva: olhar – desfrutar – celebrar

Vulvoscopia FF vulva olhar – desfrutar – celebrar – curar Quando o olhar para a tua vulva for para te desfrutar, te admirar, te alegrar, te fazer gozar e te amar, encontrarás a porta aberta para conhecer a tua essência feminina profunda e celebrar a mulher livre e única que tu és! Autoria: Fernanda Franceschetto terapeuta gestalt e comunicadora . . . Vulvoscopia FF – Terapia para Mulheres: trabalho terapêutico da gestaltista e comunicadora Fernanda Franceschetto para despertar e ajudar a mulher a ser feliz por inteira sem tabu, em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. A vulva é o tema 2 da Terapia para Mulheres – Vulvoscopia FF

Leia mais

corpo: presença aqui e agora!

11 de setembro de 2019

Neste novo vídeo de seu canal no YOUTUBE, a terapeuta e comunicadora Fernanda Franceschetto fala sobre o desafio de estar no aqui e agora, habitar o próprio corpo, vivenciar a integração da mulher por inteira e estar alerta para a separação entre a mente e o corpo, o desenvolvimentos dos sintomas…

Leia mais

sem vergonha de ser tu por inteira

9 de setembro de 2019

sem vergonha de ser tu por inteira

Vulvoscopia FF vagina – presença e penetração Não desista da investigação de teu prazer ao ser penetrada durante o sexo: que não deve mais ser uma tortura falocêntrica/ machista direcionada ao gozo do pênis; vamos despertar pessoal, este tempo já era! Esteja viva e presente, conectada à respiração. Experimenta movimentos que tua vulva e clitóris sejam acionados durante a penetração. Não fecha a garganta. Não silencia. Não desconecta. Não foge do teu corpo. Ao contrário: amplia o estado de atenção no agora. S I N T A o que estás vivenciando. Expressa. Deixa o som sair. Deixa a voz falar. Sem vergonha de ser tu por inteira. Sem culpa de não fazer performance para agradar. Sem medo de se libertar das amarras que não precisas mais carregar!!! . Autoria: Fernanda Franceschetto Terapeuta gestalt e comunicadora Foto: @corwinprescott . . . Vulvoscopia FF – Terapia para Mulheres: trabalho terapêutico de Fernanda Franceschetto para despertar e ajudar…

Leia mais

abra teu corpo ao prazer – a sós ou acompanhada

9 de setembro de 2019

A terapeuta gestalt e comunicadora, neste vídeo em seu canal do youtube Fernanda Franceschetto, fala sobre aproveitar o final de semana, os momentos de pausa, para descobrir a sexualidade profunda, para o auto toque amoroso, a masturbação consciente e a relação sexual como possibilidade de um encontro genuíno, desde a honestidade, simplicidade e autenticidade; a experimentar romper com práticas automatizadas-pornográficas e com as máscaras que usamos. Estar nu para si e…

Leia mais

tua vulva tem muito a te dizer

5 de setembro de 2019

tua vulva tem muito a te dizer

Vulvoscopia FF vulva – guia e reconexão Não deixe mais que tua sexualidade seja lembrada ou celebrada só quando estás na companhia de alguém. Começa a buscar em ti mesma, diariamente, um caminho de auto amor, de reconexão íntima e amorosa. Tua vulva tem muito a te dizer. É guia para o profundo sentir na entrega total ao corpo. Teu clitóris te espera: quer ser escutado, tocado, conhecido e amado. Confia na experiência de estar a sós contigo mesma e te descobrir, te libertar mais e mais! Celebra tua vulva como pura fonte de amor, potência criativa e prazer erótico-…

Leia mais

investiga teu prazer

5 de setembro de 2019

investiga teu prazer

Vulvoscopia FF vagina – presença e penetração ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Não desista da investigação de teu prazer ao ser penetrada durante o sexo: que não deve mais ser uma tortura falocêntrica/ machista direcionada ao gozo do pênis; vamos despertar pessoal, este tempo já era! Esteja viva e presente, conectada à respiração. Experimenta movimentos que tua vulva e clitóris sejam acionados durante a penetração. Não fecha a garganta. Não silencia. Não desconecta. Não foge do teu corpo. Ao contrário: amplia o estado de atenção no agora. S I N T A o que estás vivenciando. Expressa. Deixa o som sair. Deixa a voz falar. Sem vergonha de ser tu por inteira. Sem culpa de não fazer performance para agradar. Sem medo de se libertar das amarras que não precisas mais carregar!!! . Autoria: Fernanda Franceschetto Terapeuta gestalt e comunicadora Imagem/ artista: @tinamariaelena . . . Vulvoscopia…

Leia mais

deusas da encarnação

27 de agosto de 2019

deusas da encarnação

Vulvoscopia FF útero – criação vital Somos deusas da encarnação. Temos o poder – e a bênção – de criar o que quisermos criar. Conceber, gestar e parir o sonho, a ideia, a missão ou a r-evolução é a natureza essencial de nossas tripas. Autoria: Fernanda Franceschetto terapeuta gestalt e comunicadora . . . Vulvoscopia FF – Terapia para Mulheres: trabalho terapêutico da gestaltista e comunicadora Fernanda Franceschetto para despertar e ajudar a mulher a ser feliz por inteira…

Leia mais

coração – liberar a dor

27 de agosto de 2019

coração – liberar a dor

Vulvoscopia FF coração – liberar dor ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Não penses que rejeitar a dor que sentes em teu coração te tornará uma mulher forte. Ao contrário: a dor não reconhecida, expressada, compreendida e ressignificada vai bloquear a tua evolução e o teu prazer nas relações. Um corpo com dor e traumas acumulados não se abre por inteiro(inclusive para o orgasmo). Escolhe proteger-se onde há controle, pois abrir-se é um grande risco para o coração ferido. Tenha coragem para enfrentar o tabu cultural e social da negação do sofrimento, buscar a libertação das pílulas “mágicas” e das drogas que aprisionam no vício, e começar um trabalho interior terapêutico: curar o passado para viver a vida no presente, aqui e agora. Tu mereces ser feliz, por inteira! Ou ainda duvidas disso? Autoria: Fernanda Franceschetto terapeuta gestalt e comunicadora Foto: @marinachoyy . . . Vulvoscopia FF – Terapia para Mulheres: trabalho terapêutico da gestaltista e comunicadora Fernanda Franceschetto para despertar e…

Leia mais

consciência guerreira

27 de agosto de 2019

consciência guerreira

Vulvoscopia FF consciência – guerreira – Amazônia Feminilidade e Terra devastadas são sinônimos. O mesmo sistema patriarcal que abusa e destrói a natureza essencial das mulheres, mata a Amazônia. Eu estive lá, como repórter investigativa de TV, em 2004. Quase perdi a vida. Madeireiros(e políticos) que exploram a floresta tentaram me matar ao saber das gravações que eu havia feito. Fui cercada e quase linchada por um cerco de 600 pessoas. Destruíram todo o meu material, todas as fitas de gravação.Fui refém literal da ignorância na Amazônia. Ao conseguir escapar, graças a dois policiais locais e ao barco do Greenpeace, pedi demissão ao chefe do jornalismo, que cortou minha voz no ar quando eu noticiava a grave situação e dizia o nome do partido político envolvido no caso. Antes de sair, consegui fazer um documentário que auxiliou no decreto federal da criação de uma grande reserva extrativista, de proteção ambiental e social dentro da Amazônia. Valeu por isso. E por minha primeira vivência radical de fazer parte do sistema – mesmo buscando defender a verdade –…

Leia mais

não há paraíso perdido para um ser não domesticado

27 de agosto de 2019

não há paraíso perdido para um ser não domesticado

Vulvoscopia FF ser – paraíso encontrado Não há paraíso perdido para um ser não domesticado. Libertar-se é o trabalho mais desafiador e necessário da vida: ser quem se é. Por inteira. A cada dia, a cada agora, a vida provoca, chama, pede respostas. Mergulha no teu ser, na tua alma. Ela sabe o…

Leia mais

vamos nos dar as mãos

27 de agosto de 2019

vamos nos dar as mãos

Vulvoscopia FF corpo – constelação feminina Nossos corpos femininos se reconhecem uns nos outros pelo instinto, mais do que pela razão ou emoção. O faro da fêmea selvagem – que apesar da opressão do sistema machista/ patriarcal – ainda resiste e habita nossas entranhas, detecta o que a outra mulher está vivenciando, em algum grau. Na dor ou no prazer. É natural. Vamos apurar esta percepção, este espelhamento de sombra e luz. Vamos nos ajudar. Vamos parar de competir e julgar umas às outras, especialmente através do pensamento. Vamos nos dar as mãos e nos apoiar a abrir nossas entranhas, corpos, corações, sexualidade profunda e consciência. Juntas romperemos os tabus que nos paralisam e celebraremos o êxtase de sermos livres. É através de nossos corpos que encontraremos o amor por nós e cada uma por si: estrelas de brilho próprio em uma única constelação. Brilha!!! Autoria: Fernanda Franceschetto Terapeuta gestalt e comunicadora Foto: @thomasholmphoto . . . Vulvoscopia FF – Terapia para Mulheres: trabalho terapêutico da gestaltista e comunicadora Fernanda Franceschetto para despertar e ajudar a mulher a ser feliz por inteira sem tabu, em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. O corpo é…

Leia mais

vagina – despertar

21 de agosto de 2019

vagina – despertar

Vulvoscopia FF vagina – despertar Que nossa potência erótica-instintiva rompa a maldição do sexo sem presença, do costume de fazer por fazer – ou pior: para agradar a outra pessoa. A mente é também o corpo. O corpo é também a mente. Não há separação. Somos um todo. Cada vez que permitimos – ou até queremos – uma penetração de qualquer jeito (seja pra acabar logo porque não estamos gostando, ou porque não sabemos como agir ou porque não temos coragem de dizer) criamos um grave padrão tóxico e negativo em nós mesmas: a desvalorização da mulher que somos; e escondemos a raiva e o ressentimento embaixo da cama – e energeticamente, dentro do canal vaginal! E o que falar da vivência de ficar quieta – ou fingir sons pra parecer que está bom – e ser co-responsável por um abuso consentido por nós mesmas? Quem nunca? E para que seguir com isso? Basta. Mais um tabu a ser enfrentado. Isso é conduta – mesmo quando inconsciente – de DESAMOR! Vamos…

Leia mais

tua vulva – origem do mundo

20 de agosto de 2019

tua vulva – origem do mundo

Vulvoscopia FF vulva – a origem do mundo Vi “ a origem do mundo” ao vivo, em Paris, em 2008. A obra que mostra a vulva feminina, feita pelo pintor realista Gustave Courbet em 1886 – e que depois de muitas histórias esteve na casa do psicanalista francês Jacque Lacan – segue um tabu; assim como a vulva. “ A…

Leia mais

ser – não domesticada

19 de agosto de 2019

ser – não domesticada

Vulvoscopia FF ser – não domesticada ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Ser livre, é ser naturalmente inteira e imperfeita; selvagem de corpo e alma, não domesticada. O aprisionamento e a repressão acontecem quando vivemos submetidas (submissas) ao olhar do outro sobre nós, seja por julgamento, expectativa ou aprovação. A vivência da liberdade e do amor genuíno por si mesma é um processo de trabalho interior a ser feito, é um caminho para tornar-se consciente: atravessar os bloqueios do medo, da culpa e da vergonha e romper com um sistema de crenças machista/ patriarcal que desde a infância nos direciona à neurose da perfeição. Absorvemos a ideia insana de que “ sendo perfeitas seremos amadas”, e para isso estamos sempre refém do “ atender ao outro” antes de sermos honestas com nossas próprias entranhas, necessidades e desejos. Basta. Já é hora de conhecer e viver a própria natureza: ser livre e imperfeita, feliz por inteira, mulher selvagem – a não domesticada. Autoria: Fernanda Franceschetto terapeuta gestalt e comunicadora . . . Vulvoscopia FF – Terapia para Mulheres: trabalho terapêutico da gestaltista e comunicadora Fernanda Franceschetto para despertar e ajudar a mulher a ser feliz por inteira sem tabu, em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. O ser…

Leia mais

um só corpo, um só espírito

19 de agosto de 2019

um só corpo, um só espírito

Vulvoscopia FF corpo – uno Em nossos corpos pulsam sonhos, ideias e realizações que vão mudar o mundo. Aqui e agora. Sejamos amparo incondicional nos desafios e garra contagiosa para seguirmos em frente. Um só corpo. Um só espírito. Autoria: Fernanda Franceschetto terapeuta gestalt e comunicadora FOTO:@carlota_guerreiro . . . Vulvoscopia FF – Terapia para Mulheres: trabalho terapêutico da gestaltista e comunicadora Fernanda Franceschetto para despertar e ajudar a mulher a ser feliz por inteira sem tabu, em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. . O corpo é o tema 1 da Terapia para Mulheres – Vulvoscopia FF AMAR-SE: rodas de conversa, grupos terapêuticos e retiros na natureza. Próxima roda: 27/08, 19h! Entrada gratuita! Vagas limitadas! Inscrições pelo wapp 51 983037799

Leia mais

RODA DE CONVERSA COM FF – GRATUITA! VEM! 27/08!

16 de agosto de 2019

RODA DE CONVERSA COM FF – GRATUITA! VEM! 27/08!

AMAR-SE: RODA DE CONVERSA PARA MULHERES – GRATUITA! . TEMA: “ A mulher, feliz por inteira, sem tabu: sexualidade – espiritualidade.” Objetivo: ampliação do autoconhecimento feminino, a partir de 7 temas fundamentais: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser; elaborados pela terapeuta e comunicadora Fernanda Franceschetto. Fernanda Franceschetto é em si, prova viva e pública de autotransformação feminina, hoje dedicada à servir à evolução e à felicidade das mulheres como terapeuta gestalt formada e influenciada pelo indicado ao Nobel da Paz, Dr. Claudio Naranjo. FF é também comunicadora social, com experiência de atuação nas maiores emissoras do país como…

Leia mais

intimidade: nudez radical – sem figurino, sem máscara

16 de agosto de 2019

intimidade: nudez radical – sem figurino, sem máscara

Vulvoscopia FF vagina – penetração. Quando penetração é intimidade, a experiência sexual muda. Ambos estão entregues a si e ao outro, em igual nível de importância. Há total estado de presença – e consciência – no aqui e agora. Tempo e fantasia não são necessários. Nudez radical, sem figurino e máscara, sim. Não há performance. Há EROS = VIDA. Pele na pele. Corpo no corpo. Alma na alma. Autoria: Fernanda Franceschetto, terapeuta gestalt e comunicadora FOTO: @jaquemus . . . Vulvoscopia FF – Terapia para Mulheres: trabalho terapêutico da gestaltista e comunicadora Fernanda Franceschetto para despertar e ajudar a mulher a ser feliz por inteira sem tabu, em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. A vagina é o tema 3 da Terapia para…

Leia mais

teu sangue não é lixo

16 de agosto de 2019

teu sangue não é lixo

Vulvoscopia FF sangue arte, não lixo. A menstruação normal é autêntica arte de autoconhecimento; ainda vivida como tabu pela grande maioria das mulheres, oprimidas em sua natureza cíclica-feminina pelo sistema machista/ linear/ patriarcal. Basta. Não esconde mais a tua menstruação. Não te envergonha mais por sangrar. Não sinta raiva ou nojo por menstruar. Não joga mais teu sangue no lixo. Conhecer a ti mesma, é essencialmente resgatar a tua própria natureza, fazer as pazes com a mulher que tu és e confiar na arte das tuas entranhas. Autoria: Fernanda Franceschetto terapeuta gestalt e comunicadora . . . Vulvoscopia FF – Terapia para Mulheres: trabalho terapêutico de Fernanda Franceschetto para despertar e ajudar a mulher a ser feliz por inteira sem tabu, em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. O útero é o tema 4 da Terapia para Mulheres – Vulvoscopia FF.

Leia mais

investiga o caminho do amor próprio

12 de agosto de 2019

investiga o caminho do amor próprio

Vulvoscopia FF vulva – amor próprio Rompe o tabu de olhar a tua vulva. Investiga o caminho do amor próprio, da aceitação e do prazer em ser por inteira, a mulher que tu és. Autoria: Fernanda Franceschetto terapeuta-gestalt e escritora FOTO: artista @g.sus.christ . . . Vulvoscopia FF – Terapia para Mulheres: um trabalho terapêutico de Fernanda Franceschetto para despertar e ajudar a mulher a ser feliz por inteira sem tabu, em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. A vulva é o tema 2 da Terapia para Mulheres – Vulvoscopia FF . . . FF contato/ consultas: 51983037799 wapp

Leia mais

uma por uma, todas por todas

7 de agosto de 2019

uma por uma, todas por todas

Vulvoscopia FF corpo – atenção plena A nudez de uma, é a nudez de todas nós. Tenhamos coragem para atravessar os tabus, unidas. Subestimar a atenção na potência e prazer em nossos corpos é seguir alimentando os sistemas de crenças machistas/ patriarcais. Basta. Precisamos conectar mente e corpo. Cada movimento e percepção consciente no aqui e agora, pode construir um novo caminho neural, uma nova rota para a r-evolução íntima e coletiva. A…

Leia mais

relacionamentos: o poder do perdão

6 de agosto de 2019

relacionamentos: o poder do perdão

Vulvoscopia FF coração- relacionamentos: o poder do perdão Perdoar não é esquecer. A memória existe. É uma realidade vivida em todo o corpo, a partir da mente, a cada lembrança de dor sentida. A raiva, o ressentimento, a decepção e a hostilidade nos dominam e somos intoxicados pelas emoções negativas, ao ruminar sem parar as feridas que seguem abertas. Tentar fugir/ evitar ou retaliar/vingar são respostas instintivas; mas que não encerram o ciclo maléfico de emoções negativas. Muito pelo contrário: a fuga/evitação se volta para dentro de nós, causando transtornos psicológicos como…

Leia mais

banha-te mulher, na integração do ser

6 de agosto de 2019

banha-te mulher, na integração do ser

Vulvoscopia FF – ser ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Banha-te mulher, na integração do ser. Honra a coerência entre pensar-sentir-agir. Abençoa a própria força e responde ao que a vida quer de ti. Confia no aqui e agora, na presença. E vai. Sem covardia nem imprudência, mas pelo caminho do meio: a coragem. Autoria: Fernanda Franceschetto terapeuta gestalt / escritora Vulvoscopia FF – Terapia para Mulheres Amar-se – rodas de conversa, grupos terapêuticos urbanos e retiros na natureza . . . O ser é o tema 7 da Vulvoscopia FF – Terapia para Mulheres: trabalho de Fernanda Franceschetto para despertar e ajudar a mulher a ser feliz por inteira sem tabu, em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. FOTO: FF POR @ronaldoamboni

Leia mais

orgasmo é plenitude, não pressão!

6 de agosto de 2019

Orgasmo: plenitude, não pressão! Dia internacional do orgasmo (31/7)! Neste novo vídeo em seu canal do YOUTUBE, a terapeuta-gestalt Fernanda Franceschetto fala sobre o orgasmo a partir da perspectiva de um caminho para a plenitude do ser mulher; e não como mais uma pressão, cobrança ou culpa a ser vivida. O fato da maioria das mulheres não experimentar orgasmos é uma consequência de séculos de tabus e repressões sofridas por todas nós, em diversos níveis existenciais. FF aborda a possibilidade da mudança deste estado de anorgasmia (não sentir orgasmo), a partir da presença total no aqui e agora: na integração da consciência, do coração e do instinto sexual/ vital. A terapeuta fala ainda do autoconhecimento feminino, na exploração do autoamor, através da vulva e do clitóris. FF fala também sobre os relacionamentos sexuais automatizados, o vício e a toxidade da pornografia….

Leia mais

o êxtase – sorrateira e sábia serpente – vai te encontrar

5 de agosto de 2019

o êxtase – sorrateira e sábia serpente – vai te encontrar

Vulvoscopia FF – vagina ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Não desconfie do desejo. Escute. Sinta a vontade de realizar o teu prazer. E vai. Vai sem medo de te abrir. Vai sem medo de te sentir. Vai sem medo de te entregar. Vai sem medo de te expressar. Vai sendo tu por inteira. Vai sendo profundamente teu canal vaginal. Vai vivenciando a penetração em pleno estado de presença e atenção. Vai conectada contigo. Vai com teu corpo-consciência-coração. O êxtase, sorrateira e sábia serpente, vai te encontrar. Confia. E vai! autoria: Fernanda Franceschetto / terapeuta-gestalt e escritora Vulvoscopia FF Terapia para Mulheres . . . A vagina é o tema 3 da Terapia para Mulheres – Vulvoscopia FF: trabalho terapêutico de FF para despertar e ajudar a mulher a ser feliz por inteira sem tabu, em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Foto: @yanayatsuki

Leia mais

não duvide de teu corpo divino, de teu sagrado feminino

5 de agosto de 2019

não duvide de teu corpo divino, de teu sagrado feminino

Vulvoscopia FF – útero sagrado O parto é o momento cume da sexualidade de uma mulher. É a fêmea pura, o aspecto selvagem e sábio do feminino radical. Não há mente. Não há pensar. Não há controle. Não há volta. Há total estado de presença. O corpo torna-se o centro da terra para receber o absoluto espírito…

Leia mais

a mulher forte aprendeu a viver na fonte de luz

5 de agosto de 2019

a mulher forte aprendeu a viver na fonte de luz

Vulvoscopia FF coração – amar ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ A mulher forte aprendeu a viver com o coração aberto. Largou a armadura para que a alma respire. Confia na vulnerabilidade, sabe quem é. Não depende da aprovação de ninguém. A mulher forte aprendeu a ter escuta atenta de si, dos outros, do mundo. Ouve além da palavra, do discurso, da sedução, da manipulação, da retórica. A mulher forte identifica e aceita o sentimento que vive por trás de cada expressão. A mulher forte aprendeu a experimentar o próprio corpo com total interesse. Está…

Leia mais

a grande imprensa abrindo-se para falar sobre o prazer feminino

5 de agosto de 2019

a grande imprensa abrindo-se para falar sobre o prazer feminino

“ Para (re)descobrir o prazer – Sim, as mulheres falam cada vez mais sobre sexo. E estão entendendo que o autoconhecimento é a chave para ser feliz, também na cama”. A revista donna, do jornal gaúcho zero hora, apresentou no sábado, 28/7, esta manchete de capa e reportagens especiais sobre sexualidade e “ busca do prazer perdido: seja em cursos ou em rodas de conversa, mulheres de todas as idades querem entender melhor sua sexualidade – e não apenas para alcançar o orgasmo”. Fico feliz que a grande imprensa gaúcha esteja abrindo-se – através de corajosas jornalistas mulheres – para romper com o tabu da comunicação sobre sexualidade e autoconhecimento feminino de maneira mais direta, clara e necessária para que um número maior de mulheres sejam encorajadas a se conhecerem, a se transformarem e a se libertarem das amarras culturais/ patriarcais – e especialmente, dos aprisionamentos entre quatro paredes e dentro de si mesmas. Parabéns à equipe de donna,do jornal gaúcho Zero Hora, através da editora…

Leia mais

conhece, ama, floresce a vulva

5 de agosto de 2019

conhece, ama, floresce a vulva

Vulvoscopia FF VULVA – florescer Conhece a vulva. Ama a vulva. Floresce a vulva. Tua vulva é a tua cara limpa. Tua beleza fêmea, selvagem, radical. Tua natureza plena, espiritual. Tua potência absoluta. Já é tempo de ninguém mais te convencer do contrário. . Autoria: Fernanda Franceschetto – terapeuta gestalt e escritora Vulvoscopia FF – Terapia para Mulheres Amar-se: rodas de conversa, workshop teórico-vivencial e grupos terapêuticos urbanos e em retiros na natureza. . . . A vulva é o tema 2 da Terapia para Mulheres – Vulvoscopia FF. Um trabalho terapêutico de FF para despertar e ajudar a mulher a ser feliz por inteira sem tabu, em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. FOTO/ imagem da artista: @cecilehoodie

Leia mais

sangrar é confiar no fluxo, na transformação da vida

5 de agosto de 2019

sangrar é confiar no fluxo, na transformação da vida

Vulvoscopia FF útero: transformação vital ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Sangrar – sem hormônios artificiais – é canalizar uma fonte misteriosa e sábia da potência feminina. É acessar um estado alterado de consciência na carne profunda, no útero, na obra-prima humana: a criação da vida. Sangrar é sentir-se conectada com as próprias entranhas e alma, sem esforço. É vivenciar a biografia íntima – e secreta – pulsando, sinalizando o novo caminho para a autorrealização. Sangrar é deixar morrer o que precisa morrer. É aceitar o fim. É render-se ao que não tem mais sentido. É soltar. É deixar ir. É confiar no fluxo. Sangrar é confiar na transformação permanente da vida. . Autoria: Fernanda Franceschetto – terapeuta gestalt e escritora Vulvoscopia FF Terapia para mulheres Amar-se Rodas de conversa, grupos terapêuticos teórico-vivenciais…

Leia mais

a diversidade da vulva é um tabu

18 de julho de 2019

a diversidade da vulva é um tabu

Vulvoscopia FF – vulva Fala-se em diversidade. E a da vulva? Segue um tabu. Cresce pelo mundo inteiro o número de mulheres buscando cirurgias estéticas para diminuir os lábios da vulva, ou seja: auto mutilação consentida e desejada para adequar-se ao universo irreal e nocivo da pornografia e da falta de educação sexual, autoconhecimento e amor a própria vulva e sexualidade. Basta. A imensa maioria das mulheres, ainda sente ansiedade e desconexão com o próprio sexo. Vamos despertar, vamos todas juntas nos ajudar, falar sobre nossas vulvas, dificuldades e julgamentos sobre o nosso próprio sexo. Cada uma de nós precisa aprender a romper o tabu em que ainda está submetida. E isso é um resgate profundo do próprio instinto que foi violentado e domesticado pela cultura patriarcal. O caminho do amor próprio, da aceitação absoluta e prazer em ser por inteira a mulher que se é, levará a genuína felicidade e à libertação do patriarcado. Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF Terapia para Mulheres FOTO/ ARTISTA: @ishowflag www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

tua vulva é linda!

18 de julho de 2019

Neste vídeo de seu canal do YOUTUBE, a terapeuta-gestalt Fernanda Franceschetto fala sobre o tabu de se falar e conhecer a própria VULVA, sobre o julgamento da imagem da genitália feminina, sobre a cultura opressiva patriarcal vivida pelas mulheres desde a infância, sobre o tabu da masturbação feminina, entre outros. A VULVA é o tema 2 da Terapia para Mulheres – Vulvoscopia FF: um trabalho terapêutico de FF para despertar e ajudar a mulher a ser feliz por inteira sem tabu, em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. Te inscreve no canal do YOUTUBE: FERNANDA FRANCESCHETTO – VULVOSCOPIA FF e receba os vídeos para te ajudar na caminhada a ser feliz por inteira, sendo a mulher que só tu…

Leia mais

o sexo automatizado não mais te preencherá

18 de julho de 2019

o sexo automatizado não mais te preencherá

Vulvoscopia FF – vagina Ao penetrar em ti mesma descobrirás que o sexo automatizado e repetitivo não mais te preencherá. No centro mais profundo, no encontro das entranhas com a alma, escolherás o aqui e agora na expansão do prazer e da consciência orgástica em teu estado de presença. Estarás entregue aos novos mestres da jornada íntima de autoconhecimento: respiração + som + movimento. . . . A VAGINA é o tema 3 da Terapia para Mulheres…

Leia mais

Vagina e prazer no sexo

18 de julho de 2019

Vagina e prazer no sexo Neste vídeo de seu canal no YOUTUBE, a terapeuta-gestalt Fernanda Franceschetto fala sobre a VAGINA, o despertar do clitóris e a ampliação do prazer no sexo com penetração e/ou no toque de auto amor, a partir de três questões essenciais: respiração, som e movimento. A VAGINA é o tema 3 da Terapia para Mulheres – Vulvoscopia FF. Um trabalho terapêutico de FF para despertar e ajudar a mulher a ser feliz por inteira sem tabu, em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF Terapia para Mulheres www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

não cale o teu coração

18 de julho de 2019

não cale o teu coração

Vulvoscopia FF – coração Permitir o SENTIR é dar início à própria r-evolução. Não cale o teu coração. Nós precisamos de ti, viva e pulsante. Expressa quem tu és, por inteira, por amor! . . . O coração é o tema 5 da Terapia para Mulheres – Vulvoscopia FF, trabalho terapêutico de FF para despertar e ajudar a mulher a ser feliz por inteira, sem tabu: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. Fernanda Franceschetto Vulvoscopia…

Leia mais

trabalhar sentimentos negativos e acessar emoções positivas!

18 de julho de 2019

Neste vídeo de seu canal do YOUTUBE, a terapeuta-gestalt Fernanda Franceschetto fala sobre a importância de tornar consciente, expressar e trabalhar as emoções negativas e fazer a travessia para o cultivo das emoções positivas. “ A felicidade autêntica é um trabalho a ser feito! Não há pílula mágica!” . . . O coração é o tema 5 da Terapia para Mulheres – Vulvoscopia FF, desenvolvida por FF em 7 temas para despertar e ajudar a mulher a ser mais feliz por inteira, sem tabu: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF Terapia para Mulheres www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

a gratidão permite que eu reconheça a existência e o valor do outro

18 de julho de 2019

a gratidão permite que eu reconheça a existência e o valor do outro

Vulvoscopia FF – SER ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ A gratidão é um caminho para a virtude da sabedoria e à transcendência. Não como dogma a um poder superior ou prática mágica para resolver problemas da vida. E sim como ato de escuta, comunicação e reconhecimento do outro aqui nesta Terra – e de preferência olhos nos olhos. Enquanto agimos e pensamos de maneira autorreferente – infantil e egoica – de que o mundo existe para nos servir, estaremos ingratos, reclamando sempre da vida, das situações e das pessoas….

Leia mais

na raiz das tuas entranhas, tuas asas te esperam

18 de julho de 2019

na raiz das tuas entranhas, tuas asas te esperam

Vulvoscopia FF – CORPO⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Confia no corpo, mulher. Abre tua pelve e teu peito. Respira fundo. Solta o ar. Goza. E voa. Na raiz de tuas entranhas, tuas asas te esperam. . . . O corpo é o tema 1 da Terapia para Mulheres – Vulvoscopia FF, um trabalho terapêutico de FF para despertar e ajudar a mulher a ser mais feliz por inteira sem tabu, em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF .

Leia mais

auto amor – masturbação feminina consciente

18 de julho de 2019

Neste vídeo de seu canal do YOUTUBE, a terapeuta-gestalt Fernanda Franceschetto fala sobre romper o tabu da masturbação, conhecer a si mesma na intimidade, na própria vulva e sexualidade. Um caminho ao qual não houve orientação ou educação às meninas/ jovens/mulheres e sim profunda repressão. Começar o caminho de auto toque, de auto amor, do que FF chama de masturbação consciente – em conexão total consigo, no estado pleno de atenção e presença através da respiração, som e movimento – requer coragem e perseverança. A cultura falocêntrica – direcionada ao pênis – mal educou as mulheres a atender e a satisfazer sempre ao outro, antes de saber o que nós mesmas queremos. FF também ensina técnicas simples e bastante necessárias para começar este caminho de autoinvestigação ao prazer…

Leia mais

começa a praticar o auto amor

18 de julho de 2019

começa a praticar o auto amor

Vulvoscopia FF VULVA – masturbação feminina consciente: prática de auto amor ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Não espere mais. Descruze os braços. E proporciona a ti mesma a investigação necessária para a descoberta da tua própria sexualidade. Um caminho ao qual ninguém te orientou. Muito pelo contrário. Fostes – e segues sendo – reprimida e advertida a não conhecer a ti mesma em tua vulva e intimidade, em teu próprio prazer, pela cultura patriarcal na qual estás aprisionada. Segues carregando culpa, medo e vergonha em te desnudar e descobrir a mulher que és por inteira, livre e orgástica. Começar o caminho de auto toque, de auto amor, do que eu chamo de masturbação consciente – em conexão total contigo, no estado pleno de atenção e presença através da respiração, som e movimento – requer coragem e perseverança. A cultura falocêntrica – direcionada ao pênis – nos mal educou a atender e a satisfazer sempre ao outro, antes de saber o que nós mesmas queremos. E aí? Queres aprender a começar a te amar? Q ueres aprender a começar a te conhecer? Queres ser mais feliz por inteira, sendo a mulher que só tu podes ser? Vamos…

Leia mais

sexo como experiência de intimidade

18 de julho de 2019

sexo como experiência de intimidade

Vulvoscopia FF – vagina O sexo – como experiência de intimidade – é a relação mais profunda e desafiadora que pode existir. Há de se aprender a ver, a ouvir e a sentir a outra pessoa, por inteira. É uma autêntica e corajosa comunicação que parte da vulnerabilidade, do abrir mão da máscara, da atuação e da performance, para encontrar a pessoa como ela é, e como eu sou, em toda a nossa nudez, desejo por prazer e potência de união orgástica. . . . A vagina é o tema 3 da Terapia para mulheres – Vulvoscopia FF, um trabalho terapêutico oferecido por FF para despertar e ajudar a mulher a ser feliz por inteira sem tabu, em 7 temas, 7 investigações: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. Fernanda Franceschetto Terapia para mulheres Vulvoscopia FF www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

o sangue da vida é o sangue do amor

18 de julho de 2019

o sangue da vida é o sangue do amor

Vulvoscopia FF – útero: sangue feminino ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ O sangue da vida, é o sangue do amor. Te liberta das crenças patriarcais que te fizeram e fazem viver a menstruação com raiva, asco, vergonha e alienação. Investiga. Desperta. Avalia e repensa o uso de produtos industrializados e hormônios artificiais que te desconectam de tuas entranhas, de tua sabedoria corporal, de teu sentir mais profundo. Experimenta vivenciar o útero e o sangrar de verdade. Tua natureza fêmea, selvagem e mística. Um caminho de autoconhecimento transformador para a potência da criação de tua própria vida, a cada ciclo, a cada mês. ⠀⠀⠀ . . . O útero é o tema 4 do Vulvoscopia FF – Terapia para mulheres: um processo terapêutico oferecido por FF para despertar e ajudar a mulher a ser feliz por inteira…

Leia mais

não se pode paralisar o amar

18 de julho de 2019

não se pode paralisar o amar

Vulvoscopia FF coração – amar ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Nossa natureza amante está sempre disponível. Vive dentro de nós. Nem o mais doloroso relacionamento consegue exterminar a vontade de voltar a amar. A cabeça resiste, teme, duvida, desacredita, boicota. O coração nunca. A potência erótica – vital – nos impulsiona a seguir. A não desistir. A nos abrirmos uma e outra vez. Não podemos paralisar a natureza que quer – e precisa – amar. Coragem para enfrentar, trabalhar e fazer o luto dos relacionamentos que seguem nos impedindo a novamente nos entregar. . . . O coração é o tema 5 da Terapia para Mulheres – Vulvoscopia FF: um trabalho terapêutico de FF para despertar e ajudar a mulher a ser feliz por inteira sem tabu, em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF Terapia para Mulheres FOTO: Ken Marcus⠀⠀ www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

teu corpo espera por ti

18 de julho de 2019

teu corpo espera por ti

Vulvoscopia FF – corpo ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Tua pele é a fronteira de um mundo desconhecido e absolutamente orgástico. Teu corpo espera por ti. Antes de mais ninguém. . . .⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ O corpo é o tema 1 da Terapia para Mulheres – Vulvoscopia FF, um trabalho terapêutico oferecido por FF para despertar e ajudar a mulher a ser feliz por inteira sem tabu, em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF Terapia para mulheres www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

vulva e orgasmo: você é a solução

18 de julho de 2019

Vulva e orgasmo: vc é a solução! Neste vídeo de seu canal no YOUTUBE, a terapeuta-gestalt Fernanda Franceschetto fala sobre o aprendizado para o autoconhecimento feminino, para que a mulher deixe de pensar que “ ela tem um problema por não gozar”; sobre a integração da presença no aqui e agora, na conexão corpo-mente-sentimentos; sobre a prática simples de ativação da musculatura do amor como um caminho para ampliar a conexão consigo mesma e para o desenvolvimento do prazer como todo, a partir da entrega e do relaxamento e não da pressão ou cobrança por resultado. A vulva é o tema 2 da Terapia para Mulheres – Vulvoscopia FF. Um trabalho terapêutico oferecido por FF para despertar e ajudar a mulher a ser feliz por inteira sem tabu, em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF Terapia para Mulheres www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

levitarás em liberdade e prazer sendo a mulher que só tu podes ser

2 de julho de 2019

levitarás em liberdade e prazer sendo a mulher que só tu podes ser

Felicidade Feminina – corpo ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Quando aprenderes a confiar no corpo como guia e guru, templo e morada, encontrarás teu estado de presença. Aterrada no aqui e agora, levitarás em liberdade e prazer em estar viva, sendo a mulher que só tu podes ser. . . . FF desperta a mulher a ser feliz por inteira,sem tabu, em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. Fernanda Franceschetto Felicidade Feminina www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

teu corpo te chama!

2 de julho de 2019

Felicidade Feminina – corpo A terapeuta gestalt Fernanda Franceschetto fala sobre o CORPO tema 1 do trabalho que propõe as mulheres, para serem felizes por inteira sem tabu, em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser Aproveita e te inscreve no canal no youtube Felicidade Feminina- Fernanda Franceschetto! Bençãos de coragem, fé e amor, Fernanda Franceschetto Felicidade Feminina www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

amor por ti?

1 de julho de 2019

Amor por ti? Neste vídeo, a terapeuta-gestalt Fernanda Franceschetto fala sobre o coração, tema 5 da Terapia para mulheres -Vulvoscopia FF. Um trabalho de autoexame e investigação em 7 temas: corpo-vulva-vagina-útero-consciência-ser, para a Felicidade Feminina, para a mulher ser feliz por inteira, sem tabu. Assista e te inscreve no nosso canal: FELICIDADE FEMININA – FERNANDA FRANCESCHETTO! Te espero por lá, também! Bençãos de cora

Leia mais

A vagina não é um buraco

28 de junho de 2019

A terapeuta Fernanda Franceschetto fala sobre a vagina, tema 4 da Terapia para mulheres Vulvoscopia FF, desenvolvida em 7 temas, em 7 investigações: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. Um trabalho para a transformação feminina, felicidade e potência de realização na vida através da integração sexual-espiritual. Não perca! E te inscreve no canal do youtube: Vulvoscopia FF!

Leia mais

útero – um lugar mágico!

28 de junho de 2019

A terapeuta Fernanda Franceschetto fala sobre o útero, tema 4 da Terapia para Mulheres – Vulvoscopia FF. O trabalho é composto por 7 temas, 7 investigações – corpo, vulva, vagina, útero, coração, consciência, ser – para a transformação feminina sem tabu, para a felicidade e o resgate da potência de vida da…

Leia mais

tua beleza fêmea, selvagem, radical – tua vulva!

26 de junho de 2019

tua beleza fêmea, selvagem, radical – tua vulva!

Felicidade Feminina – VULVA Tua vulva é a tua cara limpa, mulher. Tua beleza fêmea, selvagem, radical. Tua natureza plena, espiritual. Tua potência absoluta. Já é tempo de ninguém mais te convencer do contrário. . . . Na autoinvestigação de hoje, te proponho entrar em contato com a tua vulva. Ao parar a rotina de trabalho, te permitir em algum momento, desligar o telefone. E ir tomar um banho com tua consciência no momento presente. No aqui e agora. Sentindo teus pés no chão. E a água tocando teu corpo por inteiro. Te libertando da tensão do dia. Siga depois para um espaço onde possas te deitar. E estar completamente nua. Apoia teus pés no chão, flexionando os joelhos. E abre a distância entre as pernas. De maneira tranquila e confortável. Feche os olhos. Apoia as duas mãos em tua vulva. E respira. Soltando o ar pela boca. Inspira pelo nariz. Relaxa tua mandíbula, ao exalar….

Leia mais

o corpo de uma é também o corpo de todas

26 de junho de 2019

o corpo de uma é também o corpo de todas

Vulvoscopia FF ⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ O corpo de uma é também o corpo de todas. Se hoje minha missão de amor é ajudar cada mulher em seu caminho único – e coletivo – é porque precisei fazer sozinha uma trilha absolutamente desafiadora e quase impossível. Desde os 20 anos, estive com o rosto em frente as telas de televisão como apresentadora e repórter de TV nas maiores emissoras do país. Fui assediada de diversas maneiras. E repetidamente. Nunca negociei meu corpo. E há dez anos atrás, quando não se publicava sobre isso, tive coragem de expor minha saída do jornalismo à revista VIP, quando havia transformado meu caminho profissional para as artes cênicas, e era destaque na atuação como atriz em registro no livro…

Leia mais

já é tempo de voltar a viver

18 de junho de 2019

já é tempo de voltar a viver

Vulvoscopia FF⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Aprender a abrir o corpo para a vida é um trabalho de coragem. A maioria de nós segue carregando carcaças. Mortes acumuladas através de relações mal vividas, dolorosas, abusivas, apáticas e nada prazeirosas. Já é tempo de voltar a viver. A renascer. A sentir as entranhas. A atravessar o medo. E revolucionar a maneira como experimentamos a intimidade.⠀⠀⠀⠀⠀ Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF www.fernandafranceschetto.com ⠀⠀⠀

Leia mais

além da genitalidade

17 de junho de 2019

além da genitalidade

Vulvoscopia FF Teu estado de presença é a porta de entrada no paraíso da intimidade. A sós. E compartilhada. Inteira em teu corpo e alma, estarás além da genitalidade: tua vulva absorverá teu coração e mente, te levando a sentir total prazer e gratidão por ser a mulher que só tu podes ser.⠀ Bençãos de coragem, fé e amor⠀ Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Leia mais

vem te ajudar a viver melhor! te espero no nosso espaço FF!

12 de junho de 2019

Salve, mulher! Salve, irmandade! Estou aqui, te esperando para te ajudar a viver melhor! Vem, não espera mais! A vida é aqui e agora!!! Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

sobre a necessidade de amar e ser amada/o

12 de junho de 2019

Salve, mulher! Salve, irmandade! Não perca este vídeo especial sobre relacionamentos: a necessidade de amar e ser amada/o! Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

te aventura a encontrar olhos nos olhos, corpo a corpo! feliz dia do amor!

12 de junho de 2019

te aventura a encontrar olhos nos olhos, corpo a corpo! feliz dia do amor!

Salve, mulher! Salve, irmandade! Vamos hoje amar! Aproveitar o simbólico dia dos namorados para a aventura do encontrar! Para brincar! Para ir até alguém, de coração aberto e vontade de olhar nos olhos! E falar e tocar com amor! E sentir o encontro no corpo todo! E experimentar o estado de graça, de alegria, de tesão em estarmos vivos! Vamooooos! Coragem! O amor está no entre!!!⠀ Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF www.fernandafranceschetto.com⠀⠀⠀⠀⠀

Leia mais

Vulvoscopia FF – vagina – investigação III

4 de junho de 2019

Vulvoscopia FF –  vagina  – investigação III

Vulvoscopia FF vagina – investigação III⠀ VAGINA A vagina não é um buraco. E nunca foi. E nunca deveria ter sido vivenciada ou tratada como tal. A ignorância sexual no sistema patriarcal fez – e faz – com que a imensa maioria das mulheres não experimente a potência do prazer em suas próprias entranhas. Fomos reprimidas em nossa pulsão erótica-vital-natural desde pequenas e domesticadas culturalmente a atender sempre ao outro, antes de nós mesmas. Nos fizeram acreditar que isso era amar: dar ao outro o que ele quer, sem questionar se nós queremos ou não. Hoje sabemos que aí reside nosso maior e mais…

Leia mais

tens um reino divino: o clitóris, existe só para o teu prazer

30 de maio de 2019

tens um reino divino: o clitóris, existe só para o teu prazer

Vulvoscopia FF vulva – investigação II⠀ VULVA Experimenta olhar tua vulva com olhos de primeira vez. Contempla. És obra de arte em carne viva. Não existe outra igual. És única. Fostes coroada. Tens um reino divino, um órgão que existe só para o teu prazer: o clitóris! Muito além da coroa (a glande, parte aparente do clitóris), ele chega a medir de 7 a 12 cm, e também fica ereto: possui 8000 terminações nervosas – o dobro que o pênis – que se estendem por trás dos grandes lábios, períneo e 1/3 dentro da vagina! É um reino inteiro a ser descoberto, celebrado e gozado a sós ou em comunhão! E detalhe: prazer para toda a vida pois o clitóris não envelhece! Levanta as mãos aos céus, agradece e as leve logo ao teu reino sagrado, que sempre espera por ti – e por quem quer aprender a te amar e celebrar pra valer! . . . Vulvoscopia FF é experimentar o autêntico poder feminino através da Integração “ sexualidade-espiritualidade” como…

Leia mais

já foi-se o tempo em que a vulva era entrada para um buraco qualquer

28 de maio de 2019

já foi-se o tempo em que a vulva era entrada para um buraco qualquer

Vulvoscopia FF Já foi-se o tempo em que a vulva de uma mulher era a entrada para um buraco qualquer. Que possamos meditar e orar pela cura da ignorância e violência sofrida desde nossas ancestrais até hoje – por todas nós, irmãs – que ainda vivenciam a intimidade em diversos graus de abuso, com ou sem consciência. Cada uma sabe de sua própria história. E dor. Coragem para se auto investigar, coragem para sentir, coragem para reagir, coragem para…

Leia mais

entendo de gente viva

28 de maio de 2019

entendo de gente viva

Vulvoscopia FF – autoexame Entendo de gente viva. Não de perfil tecnológico. Tempos desafiadores. A cada agora sustento a vida real para não escorrer só pelas teclas. Já vivi a imagem na tela até esgotar a vocação e a vaidade como jornalista, repórter, apresentadora de TV e depois como atriz. Já vivi as consequências e as dores de fazer parte do sistema através da grande mídia; um período existencial arrebatador que me levou à profundidade das sombras, à agonia, à morte e à explosão do renascimento na nudez absoluta de meu corpo e alma. Tudo registrado aqui, no site FF, como intenção de contágio da verdade em radical processo de autotransformação humana – e feminina. A libertação é uma possibilidade real a todos. Basta coragem para escutar, sentir a si mesmo e buscar ajuda para enxergar o que está dentro e diante dos olhos: na vida e nas relações que estamos vivemos. Se hoje ajudo as pessoas a encontrarem a si mesmas, se libertarem das prisões íntimas e desenvolverem o amor próprio e aos outros na viagem existencial é porque fiz o…

Leia mais

Vulvoscopia FF – corpo: investigação I

28 de maio de 2019

Vulvoscopia FF –  corpo: investigação I

Vulvoscopia FF corpo – investigação I Vulvoscopia FF é experimentar o autêntico poder feminino através da Integração “ sexualidade-espiritualidade” como um canal para a realização íntima e a totalidade do ser: corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência-ser. Estas são as 7 investigações do Vulvoscopia FF – processo terapêutico-vivencial criado por Fernanda Franceschetto, baseado em sua própria autotransformação feminina e em 3 aspectos da gestalt-terapia, que a compõe como prática viva e transpessoal: vazio fértil, autorregulação organísmica e integração de polaridades. CORPO É a tua existência. É a tua terra. É a tua morada. É a tua biografia É o teu guia. É o teu agora. É o teu presente. É a tua sabedoria. Quando aprenderes a penetrar teu corpo, em pleno estado de presença e atenção, descobrirás uma nova vida. Te espero, plena em amor. Fernanda Franceschetto Vulvoscopia FF⠀ foto:Briana Gardener www.fernandafranceschetto.com⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Leia mais

Amor- útero, sexualidade e maternidade sagrada x censura

21 de maio de 2019

Vulvoscopia FF no youtube: neste novo vídeo, eu falo sobre Amor-Útero, sexualidade e maternidade sagrada x censura. Assista, permita a conexão de teu coração comigo e te inscreve no nosso canal do youtube que está começando: Vulvoscopia FF. Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto fêmea, mãe, comunicadora, escritora, gestalt-terapeuta, atriz, jornalista e mística moderna www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

a intimidade ao alcance da pele

13 de maio de 2019

a intimidade ao alcance da pele

Vulvoscopia FF – intimidade Todas as relações que vivemos constituem o nosso corpo, estão ao alcance da nossa pele. Ao tocar a nós mesmos ou sermos tocados por outros, penetramos este tecido vivo, esta grande escultura afetiva, repleta de memórias. Resistimos a intimidade por temer o que pode vir à tona do passado para a vivência do agora. Certamente…

Leia mais

viva la vulva – somos nós inteiras em todas as “partes”

13 de maio de 2019

viva la vulva – somos nós inteiras em todas as “partes”

Vulvoscopia FF – viva la vulva A vulva é o maior desafio para a mulher começar a se ( re) conhecer, a se desfrutar e a se amar. Desde crianças, fomos censuradas na investigação natural do auto toque, na alegria espontânea de ficarmos nuas, de nos cheirarmos, de experimentar nossos fluidos, de estarmos livres e felizes na deliciosa descoberta do prazer em nossos corpos. Fechar e fechar e fechar as pernas e não mais tocarmos em nós mesmas foi nos distanciando desta intimidade orgânica, saudável: fonte de autoestima, de auto amor e de autoconfiança. Começamos a sentir vergonha, insegurança, achar que tínhamos um problema, algo errado, algo feio entre as pernas. E fomos bloqueando mais e mais nossos impulsos eróticos/ vitais e endurecendo e endurecendo nossas pelves. Até estar concretizado o pior dos danos do sistema patriarcal sobre nós:…

Leia mais

aprenderás a atravessar a compulsão do sexo falocêntrico

13 de maio de 2019

aprenderás a atravessar a compulsão do sexo falocêntrico

Vulvoscopia FF – para homens Quando aprenderes a confiar em tua vulnerabilidade – em sentir teu coração – saberás tocar o corpo de uma mulher como ela deseja e não como tu pretendes. Conseguirás ver o ser que está contigo por inteira: em presença de carne e espírito, a mulher real, no aqui e agora. Através do respeito ao querer dela, tomarás consciência do teu estado de presença. Atravessarás a compulsão mental do sexo falocêntrico – centrado na satisfação do pênis – e do ritmo pornográfico inconsciente. E Experimentarás começar do zero. Do não saber. Do vazio. Tua coragem estará na escuta da respiração, dos movimentos, dos sons, das palavras, ou da ausència de todos estes sinais e guias essenciais. Terás humildade viril para ser honesto quando estiveres perdido ou sem saber o que fazer, dentro ou fora do corpo dela. A olharás nos olhos, enfrentando o medo de não sustentar mais a máscara do super homem. Ela te acolherá. E te guiará com prazer. Até…

Leia mais

viva a fêmea-mãe!

13 de maio de 2019

viva a fêmea-mãe!

Vulvoscopia FF É pelo corpo, vulva, vagina e útero da fêmea- mãe que deus encarna e nasce nesta Terra.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Feliz dia das mães! Bençãos de coragem fé e amor, Fernanda Franceschetto fêmea, mãe, escritora, gestalt-terapeuta, atriz, jornalista e mística moderna www.fernandafranceschetto.com www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

serás o acesso ao único templo vivo desta terra

4 de maio de 2019

serás o acesso ao único templo vivo desta terra

Vulvoscopia FF⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Chegará o dia que tua presença será tocada. Não haverá distinção entre teu corpo e espírito, teu sagrado e teu profano, tua vulva e teu ânus, teu pescoço e tua mente, teu olhar e tua palavra, teu silêncio e teu grito. Serás desejada como vivência de plenitude. Serás a mística entrada no reino, o acesso ao único templo vivo desta Terra. Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto fêmea, mãe, escritora, terapeuta-gestalt, atriz, jornalista e mística moderna www.fernandafranceschetto.com⠀

Leia mais

FF FALA: censura, sexualidade, amor, intimidade, trabalho interior e liberdade

4 de maio de 2019

Salve, irmandade! Neste novo vídeo do meu canal Vulvoscopia FF no youtube falo sobre censura, sexualidade feminina, amor, intimidade, trabalho interior e liberdade! Todos estes temas estão relacionados. Te inscreve lá no canal do youtube: Vulvoscopia FF e no Instagram @fernandafranceschetto, os vídeos aparecem no meu IGTV! Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto fêmea, mãe, escritora, gestalt-terapeuta, atriz, jornalista e mística moderna www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

para acender a luz do êxtase é preciso desligar o condicionamento mental

24 de abril de 2019

para acender a luz do êxtase é preciso desligar o condicionamento mental

Vulvoscopia FF Para acender a luz do êxtase na intimidade, é preciso aprender a desligar os condicionamentos mentais que impossibilitam o estado de presença no próprio corpo. Aprender a estar no aqui e agora, em atenção plena à abertura e percepção dos sentidos – tocar, olhar, cheirar, beijar, escutar é o caminho para a descoberta profunda e a ampliação do prazer na intimidade consigo mesma e com outras pessoas. Em essência é pura prática de meditação: ativa e orgástica. Experimenta descobrir a intimidade. Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto fêmea, filha, mãe, escritora, terapeuta gestalt, artista, jornalista e mística moderna www.fernandafranceschetto.com . . . AMAR-SE ciclo outono grupo vivencial com FF Porto Alegre às quintas/ noite + info: app 51 9 83 03 77 99

Leia mais

amar-se: elas estão aprendendo a transformar o veneno em cura

22 de abril de 2019

amar-se: elas estão aprendendo a transformar o veneno em cura

AMAR-SE – Vulvoscopia FF A noite passada recebi mulheres buscando o caminho para amarem a si mesmas e aos homens. Mulheres muito feridas. E corajosas para trabalhar interiormente e assumir a parte que lhes toca na responsabilidade de terem vivido relações íntimas insatisfatórias – para dizer o mínimo. Para dizer o máximo: relações abusivas que se desenvolveram durante toda a biografia sexual – desde a descoberta do prazer e da repressão no próprio corpo: infantil, adolescente, jovem e adulto – e as roubaram o valor intrínseco de suas existências, o amor próprio e a potência de serem quem elas são. Basta. Agora elas estão aprendendo a transformar o veneno em cura. Expressar, tirar de dentro de si, exorcizar toda a dor que bloqueia a entrega ao amor. Elas estão aprendendo a abrir espaço dentro de si. A respirar. A deixar a garganta abrir. A escutar a própria música, o som das emoções, dos sentimentos e das necessidades profundas. Elas estão aprendendo a mover-se em direção a presença…

Leia mais

A libido a ser ativada é a existencial

22 de abril de 2019

A libido a ser ativada é a existencial

Vulvoscopia FF – Mulheres acompanhadas por FF Essa é a Roberta. Baita mãe, agora rindo a toa por ter conseguido recuperar o fogo de suas entranhas de fêmea, mulher e artista. Tudo isso vai junto, minha gente. A libido a ser ativada é a existencial: o prazer e a liberdade em ser a mulher que se é, por inteira. O (re)nascimento sexual vem por consequência. E o profissional por…

Leia mais

amar-se: a nudez ainda não experimentada

22 de abril de 2019

amar-se: a nudez ainda não experimentada

Vulvoscopia FF Sentir-se íntima em si mesma é a nudez ainda não experimentada. Há uma nova terra a tua espera: um corpo virgem que ainda não descobriste. Um território de carne onde todos os tempos e espaços deixam de ser encruzilhada para coincidir num ponto zero, num eterno e vazio agora, numa abertura plena em que serás extinta para – apenas – experimentar o êxtase de estar viva. Êxtase é amor: estado pleno de paz em prazer. Não há aflição. Não há desespero. Não há medo. Não há dúvida. Não há sacrifício. Experimenta penetrar em ti. Depois disso, o outro será sempre um tu. Romperás a separação, vivenciarás a total unidade. . . . ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Amar-se ciclo outono…

Leia mais

crucificam os que experimentam AMAR como sentido da existência

22 de abril de 2019

crucificam os que experimentam AMAR como sentido da existência

Vulvoscopia FF – sexta santa Crucificam todos aqueles que experimentam AMAR como o sentido da existência. Mal sabem os ignorantes que transcendemos toda a cruz, todo o sofrimento que nos é imposto. Aprendemos a nos libertar de algozes. O único sangue que derramamos é o do ego crucificado. E que sangre, para seguirmos perdendo o medo da rejeição e rompendo a vaidade que nos seduz. Há de se ter extrema coragem para oferecer a vida à servir, a sustentar os braços abertos, o coração a amar incondicionalmente e a ver-se cara a cara com deus. Sem intermediários. Sem dogmas. Sem religião. Em pleno gozo e nudez de corpo e alma.⠀ Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto fêmea,filha, mãe, escritora, terapeuta gestalt, atriz, jornalista e mística moderna www.fernandafranceschetto.com⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀

Leia mais

ressuscitar é vencer o medo de viver a própria vida

22 de abril de 2019

ressuscitar é vencer o medo de viver a própria vida

Vulvoscopia FF – ressurreição ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Ressuscitar da morte é vencer o medo de viver a própria vida. É ter coragem para atravessar o sepulcro da dor, do julgamento e da crítica onde nos enterraram. É rebelar-se para recuperar a força do amor próprio, desde a vulnerabilidade de quem rompe a falsa armadura da perfeição para estar aberto ao risco de ser honesto, à insegurança de não ter mais o controle e à exposição total do sentir verdadeiro. É vivenciar a si em pleno êxtase de potência como fragmento único da luz divina. É ser na eternidade do agora, o que se é.⠀ Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto fêmea, filha, mãe, escritora, terapeuta gestalt, atriz, jornalista e mística moderna www.fernandafranceschetto.com⠀⠀

Leia mais

feliz páscoa: confia na tua passagem!

22 de abril de 2019

Vulvoscopia FF – confia na tua passagem, na tua transformação, na tua renovação, no teu renascimento! É no aqui e agora, que a vida sempre começa! Faça a tua vida! Seja quem tu és! Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto fêmea, filha, mãe, gestalt-terapeuta, escritora, atriz, jornalista e mística moderna. www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

aprende através do prazer em ser quem tu és

10 de abril de 2019

aprende através do prazer em ser quem tu és

Vulvoscopia FF Deixa tua sabedoria erótica revelar um novo coração. Pelado. Sem as cascas podres do passado, que merecem sair através de tua pele suada, de teus olhos molhados, de tua voz forte e destemida para dizer não ao desamor, à vitimização, à rigidez emocional e à amnésia pélvica. Aprende através do prazer em ser quem tu és. Liberta-te do dogma íntimo: o sofrimento com o qual te identificas. Abre-te para a serpente, para a transformação, para aprender a mover-se em direção a deus em teu êxtase, não mais em tua dor. Te espero. ⠀⠀ . . . Amar-se ciclo outono grupo gestáltico – vivencial para mulheres⠀⠀ todas as quintas 19h30 – 22h espaço FF – bom fim – Porto Alegre contato: 51 9 83 03 77 99⠀⠀⠀ ….

Leia mais

vem aprender a te amar comigo, no espaço FF !

10 de abril de 2019

Salve, mulher! Abrindo as portas de meu espaço FF para te receber como tu mereces! Em plena presença, força, alegria e amor! venha! Estamos com o ciclo outono do AMAR-SE: grupo terapêutico-gestáltico para mulheres. AUTOEXAME E EMPODERAMENTO PARA AMAR-SE, AMAR AO OUTRO E SER AMADA. VENHA INVESTIGAR TEU CORPO-BIOGRAFIA, NO AQUI E AGORA: CENTRO SEXUAL + CENTRO EMOCIONAL + CENTRO INTELECTUAL – quando harmonizamos, experimenta-se o SER. Trabalharemos com a prática internacional da gestalt viva de Claudio Naranjo e o Vulvoscopia FF, um processo de autotransformação e empoderamento feminino, na integração sexualidade-espiritualidade. Mais informações sobre a Gestalt e o Vulvoscopia FF, neste nosso site FF! Inscrições pelo whats: 51 983 -03 77 99 Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto fêmea, filha, mãe, escritora, gestalt-terapeuta, jornalista, atriz e mística moderna www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

a vida só espera que tu a penetres

2 de abril de 2019

a vida só espera que tu a penetres

Vulvoscopia FF A vida só espera que tu a penetres. A vida não é juízo nem condenação. A vida é abertura, é liberdade total de escolha, a todo agora. A vida não é a expectativa dos outros sobre ti. Vai. Começa o caminho. Começa a história de amor por ti. ⠀⠀⠀   Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto fêmea, filha, mãe, escritora, terapeuta, atriz, jornalista e mística moderna   www.fernandafranceschetto.com⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Leia mais

amor por ti – aprenda a amar a ti mesmo e ao outro

2 de abril de 2019

Salve, mulher! Salve, irmandade! Aprenda a amar a ti – como tu és! Comece a história de amor contigo, a nova caminhada que abrirá as portas para todas as outras relações na tua vida – e na tua autorrealização! Te convido para esta experiência comigo! Em sessões individuais, ou no grupo vivencial de mulheres ( início 4/4 – ritmo semanal) , e logo nos retiros do Amar-se com FF, a partir de junho, do feriado de Corpus Christi e depois na Primavera! Mais informações pelo WhatsApp: 51 9 83 03 77 99   Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto fêmea, filha, mãe, escritora, terapeuta, jornalista, atriz e mística moderna   www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

vulvoscopia FF – para homens

25 de março de 2019

vulvoscopia FF –  para homens

Vulvoscopia FF – para homens Inspirada por perguntas e confissões que venho recebendo de muitos leitores homens, afirmo em alta voz: não temam a potência natural e divina do erotismo manifestada como instinto puro e sábio. A questão é: como experimentar e direcionar esta força para conhecer o homem que tu és e o que realmente queres? O que fazer com a energia de toda tua potência erótica? Queres seguir inconsciente e repetindo uma e outra vez a cultura patriarcal da dominação – declarada ou sutilmente manipulada – da “ relação” sexual falocêntrica, da pornografia e da masturbação desesperada; seja sozinho ou no corpo de alguém que tratas como buraco? Ou estás aberto a aprender a FLUIR e a SENTIR a força erótica encontrar teus sentimentos, tuas necessidades profundas e a manifestação da consciência? Será que permites direcionar e canalizar a potência sexual para saber mais sobre ti e ter coragem para experimentar teu corpo em um encontro autêntico, profundo e libertador? Em auto amor ou em amor compartilhado? Ou será que preferes seguir gozando por gozar, pra te aliviar do que não aguentas mais em tuas relações…

Leia mais

que teu dom brilhe como o sol do meio dia

25 de março de 2019

que teu dom brilhe como o sol do meio dia

Vulvoscopia FF⠀ Faça voar o véu da ignorância com tua luz e prazer em ser quem tu és.⠀⠀⠀⠀ Que teu dom brilhe como o sol do meio dia, sem espaço para as sombras do medo, da culpa e da vergonha. Tu és Tu. Ama-te. O amor próprio é a base para a capacidade de amar a vida e todos os outros seres, venha o que vier.⠀⠀⠀   Bençãos de coragem, fé e amor   Fernanda Franceschetto fêmea, filha, mãe, escritora, terapeuta gestalt, atriz, jornalista e mística moderna   www.fernandafranceschetto.com   ⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Leia mais

o corpo da mulher é a nossa primeira terra

25 de março de 2019

o corpo da mulher é a nossa primeira terra

Vulvoscopia FF Somos seres orientados ao prazer. Desde o útero das fêmeas-mães às tetas e ao corpo quente da mulher que é a nossa primeira terra, registramos o sentido do prazer em todas as nossas células. E não precisamos de compreensão intelectual para ter plena consciência instintiva que o sentido de prazer é o sentido do amor teorizado na palavra em algum momento. Complica-se tudo a medida que vamos crescendo e sendo afastados dos corpos de nossas mães – pais/ cuidadores – através de inconscientes e cruéis processos de domesticação do instinto. Traumas que nos fazem cair do paraíso e chegar à…

Leia mais

agora permitir-se ser castrada é uma decisão

25 de março de 2019

agora permitir-se ser castrada é uma decisão

Vulvoscopia FF A castração da vulva será sempre a castração da mulher por inteira. A vulva não é uma parte, nem a entrada de um buraco. A vulva é a mulher, a abertura de um universo único com infinitas possibilidades de experimentações e vias de acesso tanto ao paraíso dos êxtases e alegrias quanto ao inferno das dores e violências. A negação da imagem da vulva e o desconhecimento do prazer feminino é a consequência mais cruel do patriarcado, que castrou a…

Leia mais

AMAR-SE – grupo vivencial – ciclo outono com FF – estreia 4 de abril

25 de março de 2019

AMAR-SE  – grupo vivencial – ciclo outono com FF – estreia 4 de abril

Vulvoscopia FF A serpente conhece os dormentes. E os espera até o momento em que é chamada por deus a agir. Nunca foi sua inimiga, nem vilã da novela do Paraíso. Isso é narrativa patriarcal – e infantil – dos que não tem coragem de vivenciar e assumir-se existencialmente a partir da potência erótica da criação de si mesmo. Criar a si mesmo é deixar de buscar fora a verdade, o êxtase de ser o que se é, de estar vivo como um milagre humano, aqui e agora. É abrir a pelve, a morada energética e espiritual da sabedoria serpentina, a sexualidade sagrada alinhada ao coração e a consciência. Se sentes o chamado, venha. O verão nos deixa e o outono nos convida a começar à baixada a terra, ao corpo interno, ao trabalho íntimo de transformação do que não te serve mais, a trocar a tua pele, deixar sair a dor para despertar o amor que habita teu corpo, o êxtase que és a tua natureza.   AMAR-SE grupo vivencial CICLO OUTONO com FF   Início – 4 de abril ritmo semanal/ às quintas exclusivo para mulheres   19h30 -22h Espaço FF…

Leia mais

tocar a pele é tocar o mais profundo

10 de março de 2019

tocar a pele é tocar o mais profundo

Vulvoscopia FF Tocar a pele é tocar o mais profundo, o território mais vivo e desconhecido: a intimidade, o mundo único e incomparável onde habitam todas as nossas dores e prazeres. É um ato de coragem decidir abrir a percepção e a escuta para este espaço interno – através da PRESENÇA no auto toque e no toque a dois. Só a conexão íntima leva ao aprendizado de identificar, expressar, liberar e curar memórias energéticas, físicas, emocionais e psíquicas sombrias ( desamor) abrindo novos caminhos para a potência luminosa que é o erotismo, a força vital, o amor que somos todos nós.   Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto fêmea, filha, mãe, escritora, terapeuta-gestalt, atriz, jornalista…

Leia mais

Feliz dia da mulher que TU ÉS!

8 de março de 2019

Feliz dia da mulher que TU ÉS!

Salve, mulher! Salve, irmandade! Salve 8 de março, e todos os dias seguintes pela transformação e libertação dentro e fora de nós mesmas! Oceânicas somos nós. Matrizes da vida. Meretrizes do mistério. Penetradas pelo divino em nossa natureza fluída, cíclica e sempre aberta. Em nós não há separação. A existência feminina é a unidade-totalidade.Somos inteiras em nossas partes. Somos nossas vulvas, vaginas, úteros e ânus. Somos nossos corações. Somos nossas mentes e (in)consciências. Para nós, amar é vocação. Vocação que vem de voz – de garganta inquieta, falante…

Leia mais

a intimidade temida: provoca vertigem

18 de fevereiro de 2019

a intimidade temida: provoca vertigem

Vulvoscopia FF A intimidade é temida porque provoca vertigem: altera a superfície ordinária do sexo imediatamente. É quando realmente ficamos nus. Despidos de tudo o que pensamos que somos. É quando experimentamos VER e SENTIR um ao outro desde à beira de um precipício: para onde juntos atiramos nossas máscaras, identidades e egos biográficos. É um assustar-se com a potência do êxtase que brota naturalmente quando ambos se entregam. É um fluir na penetração da carne em levitação pelo espírito que a sustenta.   Bençãos de coragem, fé e amor   Fernanda…

Leia mais

só tu podes investigar o que é o teu “femenino”

18 de fevereiro de 2019

só tu podes investigar o que é o teu “femenino”

Vulvoscopia FF Dê as costas para todas as falácias, grupos, propostas e teorias ignorantes ou eruditas que pretendem padronizar, rotular, determinar ou definir o que é “ o feminino”. É o mais óbvio em ti e que só tu podes experimentar como o teu feminino!!! É o que faz tua vulva pulsar. É o que faz tuas entranhas moverem-se. É o que faz teu coração vibrar. É o que faz tua consciência despertar. É o que faz tua alma gozar. Entrega-te a tua própria investigação!!! E não te feches aos que querem aprender a te olhar, a te admirar, a te tocar, a te falar, a te pintar com os dedos, com a língua, com a voz e com o corpo inteiro, querendo-te musa e parceira na criação aberta da obra de arte divina que ÉS TU, mulher!!! Viva o amor por ti! Viva la vulva!⠀     Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto fêmea, filha, mãe, escritora, terapeuta, atriz, jornalista e mística moderna   www.fernandafranceschtto.com⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Leia mais

abrir-se para amar é um ato de valentia

18 de fevereiro de 2019

abrir-se para amar é um ato de valentia

Vulvoscopia FF Experimenta te abrir para amar como um ato de valentia. Atravessando o medo que paralisa o desejo erótico-vital do agora e te aprisiona em traumas de desamores passados. Entenda: todas as relações que viveste – com tudo o que aconteceu de trágico e mágico – te ensinam a amadurecer na prática do AMAR. Sim, amar…

Leia mais

entrego à luz o tabu vivido pela imensa maioria em nossos tempos

18 de fevereiro de 2019

entrego à luz o tabu vivido pela imensa maioria em nossos tempos

Vulvoscopia FF Entrego à luz o tabu vivido pela imensa maioria das mulheres de nossos tempos: a própria vulva. O símbolo máximo da vida, da potência criadora e criativa, da sabedoria intuitiva e vivencial, do êxtase livre e natural, da autorrealização individual e espiritual, do amor incondicional à terra e às criaturas foi mutilado pelo sistema patriarcal. Proponho um choque instintivo e contagioso de consciência, um relembrar urgente, um recordar imediato da obviedade criadora, da toda poderosa natureza feminina, um despertar radical do pesadelo que castrou a mulher em sua genitalidade – sexualidade, usando-a como buraco para um sem fim de impulsos doentios e desvirtuados de machos e fêmeas embriagados pela ignorância cultural. Só há um caminho: a vontade como…

Leia mais

está em ti o caminho de cura para o desamor

7 de fevereiro de 2019

está em ti o caminho de cura para o desamor

Vulvoscopia FF. A atitude mais desafiadora a ser vivida é a do auto amor. A começar pelo corpo. E pela aceitação da própria V U L V A. O que dizes quando estás nua e livre para ti? Só por hoje, experimenta te escutar. Honestamente. E te acolher. E te perdoar no que dizes de mal. Chora. Sem vergonha. Grita. Sem vergonha. Respira. E te toca, da maneira como precisas e sonhas ser tocada: no corpo e na vulva. Esteja presente para ti. Respirando e sentindo a T U A relação com teu corpo: contigo mesma. Cada vez que a cruel mente julgadora aparecer – e certamente serão muitas – mantém a presença na atenção da tua respiração. E segue na experiência de encontrar a ti mesma. Venha o que vier. Sem vergonha ou culpa. Deixa fluir, seja dor ou prazer. Venha o que vier. Acolha. Está em ti o caminho da cura para o desamor….

Leia mais

enfrento censura desde que nasci fêmea da espécie humana

7 de fevereiro de 2019

enfrento censura desde que nasci fêmea da espécie humana

Vulvoscopia FF Eu não tenho medo de censura. Eu enfrento a censura desde que nasci fêmea da espécie humana. Desde o momento em que me tiraram do ventre da minha mãe “ ao convencê-la” de que não era possível me parir naturalmente e de que eu não passaria através de seu canal vaginal e não chegaria ao mundo através de sua V U L V A. Desde a adolescência quando minha menstruação era tratada como algo a ser escondido e quando a primeira ginecologista disse que eu era promíscua; quando eu estava recém experimentando minha primeira relação sexual. Desde a juventude, como jornalista de televisão, quando era desrespeitada no dia a dia, por assédios constantes. Desde o enfrentamento de muita gente poderosa por não negociar meu corpo. 10 anos atrás quando não era nada comum, em entrevista à famosa revista VIP ( já como atriz ) falei que havia deixado o jornalismo por ter sofrido assédio sexual no tempo de repórter e apresentadora…

Leia mais

comer a maça e assumir a nudez – travessia de coragem para encontrar a si mesma

7 de fevereiro de 2019

comer a maça e assumir a nudez – travessia de coragem para encontrar a si mesma

Vulvoscopia FF Sempre pergunto a minha filha, ao acordar, o que ela sonhou. Considero – e trabalho os sonhos – como mensagens da fonte mais pura e sábia que há em nós, imune ao processo de domesticação cultural em que todos somos adormecidos e aprisionados ( e não sabemos e não nos damos conta disso, até experimentarmos o que é um processo interior de despertar)….

Leia mais

experimenta a menstruação como via de autoconhecimento e libertação

7 de fevereiro de 2019

experimenta a menstruação como via de autoconhecimento e libertação

Vulvoscopia FF ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Hoje meu sangue não chega mais pela cabeça, quando me irritava ter que usar absorventes que ficavam fedendo e não transar pelo clima de repulsa ao sangue no ar. Hoje o sangue é esperado por mim. E quando desce, me dá prazer. A menstruação tornou-se gozo vermelho. É a coroação de um ciclo de fases e potências distintas durante o mês, cada fase( cada lua) com seu convite para a auto observação, autoconhecimento e autotransformação. Não desperdiço mais o sangue em absorventes tóxicos – e que provocam o mau cheiro, pois o sangue em si não tem fedor algum! – e que poluem de forma absurda o meio ambiente. A coleto em copo coletor específico para o uso e também em absorventes de panos, que deixo imersos depois na água para soltar o sangue. E devolvo à Terra, em vasos de flores, na companhia de minha filha Laila, que cresce e conhece de forma natural e direta a menstruação…

Leia mais

Vulvoscopia FF responde à leitora: sexo anal

7 de fevereiro de 2019

Vulvoscopia FF responde à leitora: sexo anal

Pergunta da leitora: ”… eu queria saber se musas como vc e suas amigas lindas passam pelas mesmas situações que nós, mulheres comuns passamos. Por exemplo, sabemos que os meninos amam e não abrem mão do sexo anal e mesmo não sendo algo que curtimos muito, fazemos para agradar. Minha dúvida é…musas e desejadas, precisam usar o mesmo artifício? Ou, vcs conseguem segurar o boy simplesmente por serem lindas e desejadas?” Vulvoscopia FF responde: Musa és tu que tem a coragem de investigar o que sentes em tuas relações sexuais. Para começar, experimenta deixar de ver-te inferior às mulheres que vês…

Leia mais

tempo fora do tempo – nosso templo

7 de fevereiro de 2019

tempo fora do tempo – nosso templo

Vulvoscopia FF   aquele tempo fora do tempo é nosso único templo onde nossos corpos tocam nossas almas onde já não existe mais divisão nem eu ou tu há um sós um destino vivo reencarnado um agora além     Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto fêmea, mãe, escritora, terapeuta, atriz, jornalista e mística moderna⠀   www.fernandafranceschetto.com⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Leia mais

a libertação das próprias amarras é o caminho para o êxtase

7 de fevereiro de 2019

a libertação das próprias amarras é o caminho para o êxtase

Vulvoscopia FF “ Esqueci de te contar…tive orgasmo com a penetração do meu companheiro pela primeira vez! Nós ficamos muito felizes. nunca tinha sentido isso. eu costumava gozar, mas sempre com o estímulo externo do clitóris. Estamos juntos há 10 anos… e agora, através de minhas transformações profundas, sinto que estamos vivendo um novo encontro…estamos renovando nossa relação em todos os sentidos.” Depoimento de mulher acompanhada em sessões individuais e…

Leia mais

Viva la vulva!

21 de janeiro de 2019

Viva la vulva!

Viva la vulva – vulvoscopia FF – experimenta a mulher que tu és. Já é tempo. Já é momento. Já é agora. A pelve é potência vital e paraíso perdido a ser desbravado. A sabedoria intuitiva, instintiva e a força feminina genuína estão entre nossas pernas. A vulva – e todo o órgão sexual feminino – há de ser reconhecido e reintegrado ao corpo e ao S E R mulher. Tomaremos de volta nossa vulva…

Leia mais

há de erguer-te para a travessia da dor

21 de janeiro de 2019

há de erguer-te para a travessia da dor

Salve, mulher. Salve, irmandade. Nem Eva da costela, nem Lilith pré- Adão, nem deusas gregas, hindus, africanas, egípcias, vikings, nem de quaisquer crenças exóticas, nem terras glacias. Nem de nenhuma parte da história, nem da mitologia universal. Teu corpo é aqui e agora. Teu corpo é natureza bruta e sensível. Teu corpo é escultura em carne viva. Teu corpo é rocha: te S U S T E N T A na potência máxima da força para sobreviver às dores – conscientes e inconscientes – que sofreste como mulher em tua biografia humana e sexual. Há de erguer-te para a travessia da dor que bloqueia e paralisa ao prazer que abre e…

Leia mais

experimenta abrir teu sorriso, venha o que vier

21 de janeiro de 2019

experimenta abrir teu sorriso, venha o que vier

Vulvoscopia FF. Experimenta abrir teu sorriso entre as pernas, venha o que vier. Experimenta a autoconfiança, a força e o poder para enfrentar os desafios que a vida te apresenta ativando o teu centro sexual. Experimenta acender a presença da tua vulva, vagina e útero para te aterrar, para fincar os pés no chão e ter foco…

Leia mais

salve 2019 – tua luz está na carne viva e real !

2 de janeiro de 2019

salve 2019 –  tua luz está na carne viva e real !

Salve, mulher! Salve, irmandade! Salve 2019! As bençãos mais poderosas que necessitas estão em tuas próprias mãos! Reconheça a potência, a L U Z que há em ti e que S E R V E como G U I A, profeta e mestra. Tua luz está na carne V I V A e R E A L: é resultado da vitória sobre tuas dores mais violentas e sombras mais radicais. Reverencia, faz as pazes, aceita e aprende a A M A R o ser humano que T U É S, como tu és. Sai da prisão existencial e espiritual do falso e da mentira para ser valorizado e amado – seja aonde e por quem for! Que em 2019 experimentes V I V E R o aqui e agora, sendo autenticamente quem tu és, venha o que vier!!! A solução de teus problemas e a realização de teus sonhos te esperam D E N T R O D E T I ! Confia e V A I! De mãos dadas contigo! Amor próprio! Autotransformação! Libertação! Fé e C O R A G E M!   Fernanda Franceschetto fêmea, filha, mãe, escritora, gestalt-terapeuta,…

Leia mais

o sentido da vida é viver sendo quem somos, aqui e agora!

29 de dezembro de 2018

o sentido da vida é viver sendo quem somos, aqui e agora!

Salve mulher. Salve, irmandade. Salve ó deus S O L  todo poderoso! Rogai por nós em tua santa-prece-libido de verão: relaxa nossos corpos, descontrai a rigidez de nossas condutas automatizadas, leva-nos a deitar sob ti, seduzidos ao não fazer, abrindo-nos ao prazer, ao calor, a alegria, ao gozo total. Atravessai com tua L U Z as dores putrefadas, livrando-nos de todo o mal acumulado nas sombras da ignorância e medo de viver em liberdade. Tua presença nos fará voltar a cantar, a celebrar, a dançar, a orar, a respirar, a silenciar, a embriagar-nos em um transe erótico-vital-espiritual que nos salvará do esquecimento essencial: o sentido da V I D A  é  V I V E R, aqui e agora sendo quem S O M O S.   Bençãos de coragem,…

Leia mais

Feliz natal, corajosas irmãs e irmãos!

29 de dezembro de 2018

Feliz natal, corajosas irmãs e irmãos!

Salve, mulher. Salve, irmandade. Salve Natal – o nascimento da criança sagrada- que somos todos nós, e que jamais deixamos de ser. Como Jesus, através de nossos nomes e biografias próprias, podemos experimentar a mesma fonte de amor incondicional uns por outros, pelo inquestionável fato de estarmos juntos aqui e agora nesta Terra e sofrermos as mesmas trevas do mal: a ignorância essencial que cega e nos divide/separa interna e externamente. A genuína condição existencial é humana- divina. E a isso, Jesus transformado em Cristo, na unidade plena com a consciência crística, veio a nos servir como guia: baixou à Terra – dominou o ego/ demônio ávido pela superioridade, por ser “ rei” – e  A M O U, T O C O U, A B…

Leia mais

Parir é experimentar-se deusa, radicalmente Maria!

29 de dezembro de 2018

Parir é experimentar-se deusa, radicalmente Maria!

Salve, mulher. Salve, irmandade. Salve Marias- parideiras nossas de todos santos dias! Atravessei de barco a véspera de Natal para levar minha filha a uma igrejinha de pescadores, que protegem uma das praias mais belas e selvagens do Brasil. Praia onde vivi uma – segunda – experiência-cume de quase morte. Igrejinha, onde grávida fui acolhida em oração; entre rituais praticados para o nascimento de Laila, que veio ao mundo de bumbum ( parto pélvico e normal) em 2014. Ao assistir com minha filha, a encenação de crianças nas passagens do Anjo, de Maria e José lembrei do nosso P A R T O, da coragem e força que tivemos pra dizer – como Maria – S I M à vida plenamente, confiando na unidade carne-espirito. Nascer é o primeiro rito iniciático da vida de um ser humano, a primeira e…

Leia mais

espiritualidade é a prática da autotransformação

17 de dezembro de 2018

espiritualidade é a prática da autotransformação

Salve, mulher. Salve, irmandade. Coragem para fechar os olhos e entrar dentro de ti. Nada pode ser mais transformador do que te ver por dentro, escutar teus pensamentos, S U S T E N T A R a tua P R E S E N Ç A, venha o que vier. É assustador. É libertador. P A R A…

Leia mais

que venha a ti o teu próprio reino

17 de dezembro de 2018

que venha a ti o teu próprio reino

Salve, mulher. Salve, irmandade. Te abençoa. Te bendiga. Te batiza sendo quem tu és A G O R A. Pela santa V I D A, livra-te do inferno das exigências de ser o que tu não és. Que venha a ti o teu próprio reino: na liberdade para te transformar, te criar, te amar.   Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto fêmea, filha, mãe, escritora, gestalt-terapeuta, atriz, jornalista e mística moderna   www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

peça-lhe para tocar tua pele – tua alma – por inteira

17 de dezembro de 2018

peça-lhe para tocar tua pele – tua alma – por inteira

Salve, mulher. Salve, irmandade. Abre-te e V A I. Confia na mão deste deus que habita o corpo/ ser que desejas encontrar. Peça-lhe para tocar tua P E L E – tua alma – por inteira. Guia-lhe no sorriso de teu cálice, tua pelve acolhedora, quente e luminosa. Confia. Este deus quer aprender a íntima liturgia, o texto-sexo falado, a voz sussurrada sagrada. Este deus sabe que na…

Leia mais

arrisca-te a sair da ilha que criaste para evitar o sentir

28 de novembro de 2018

arrisca-te a sair da ilha que criaste para evitar o sentir

Salve, mulher. Salve irmandade. Arrisca-te a sair da ilha, do território impenetrável que criaste para evitar o S E N T I R, oprimindo a ti mesmo. Experimenta lançar-te ao oceano – ao V I V E R – ao mergulhar, ao nadar inteiro em todo teu corpo, ao tonar-te cada remada, a ser cada respiração e silêncio ativo. Experimenta fluir e A P R E N D E R a sentir P R A Z E R e L I B E R D A D E sendo quem tu és, em atenção para cada sensação e sentimento despertado em teu corpo-sexo-alma O C E Â N I C O. Gozar da genuína potência vital e orgástica é um presente do E X I S T I R para os que têm coragem de aventurar-se em busca do conhecer e sentir a si mesmo.   Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto fêmea, filha, mãe, escritora, gestalt-terapeuta, atriz, jornalista e mística moderna   www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

acorde a fera adormecida – guardiã de todas as dores

26 de novembro de 2018

acorde a fera adormecida – guardiã de todas as dores

Salve, mulher. Salve, irmandade. Acorde a fera adormecida. A que habita todas as jaulas, corpos-almas domesticados. A que ruge à M E N T I R A que contamos a nós mesmos, especialmente nas relações íntimas. A que é controlada à força para que os pactos não corram riscos de transformação. A que observa amordaçada em silêncio, um culpando ao outro, pela falta de P R A Z E R ou merdas vividas. Precisamos reconhecer a fera, guardiã da nossa D O R, seja que corpo for, macho ou fêmea. Todos fomos extremamente C A S T R A D O S  e  R E P R I M I D O S em nossa natureza selvagem – L I V R E. Paremos com o jogo de justificar/ racionalizar fora…

Leia mais

corações e corpos são os templos que honro e frequento

22 de novembro de 2018

corações e corpos são os templos que honro e frequento

Salve, mulher. Salve, irmandade. A vida para mim começa todos os dias. Vivo aberta, curiosa, contemplativa e provocadora no mundo externo, da pele para fora. E também vivo para dentro, um mundo só meu, solitário, abissal, misterioso e fantástico. Faço de minha voz e de minhas palavras a ponte entre estes dois mundos. Me expresso, me comunico e me apresento por inteira, de corpo e alma – seja como fêmea, mulher, filha, mãe de Laila, gestalt- terapeuta, jornalista, artista ou mística moderna. Não sei ser metade. Não sei ser rasa. Não sei economizar. Não sei mesquinhar a potência que habita em mim. Força que venho reconhecendo através das dores e desafios enfrentados. Força que venho reconhecendo como a coragem de ser quem eu sou, em minhas sombras e luzes. Força que venho assumindo desde o amor e a paciência por mim mesma, em toda a imperfeição e ignorância que condicionam minha existência terrena. “ ama ao próximo como a ti mesmo” é a missão íntima que dá sentido à minha vida. O amor é a minha única religião. E os corações e corpos, os templos que honro e frequento.   Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda…

Leia mais

amar é a tua única natureza

13 de novembro de 2018

amar é a tua única natureza

Salve, mulher. Salve, irmandade. Salve 11:11:11. Aproveito a conjunção do 11:11:11 para compartilhar o momento em que decidi servir ao A M O R. Me chama que eu quero. Me chama que eu quero servir. Me chama que eu quero servir ao amor ao próximo. Não há mais outro sentido para minha vida. Despida de todas as personagens/ máscaras/ automatismos e anseios por reconhecimento externo, mergulhei no oceano interior e comecei a N A D A R = entrar no N A D A = deixar morrer a falsa identidade/vaidade/ego e as malditas crenças construídas dentro de mim pelo sistema patriarcal através dos pais, da família, da escola, dos amigos, da sociedade, da religião, do “ mercado de trabalho”, da política, da economia, do sexo, da comida, do consumo… Crenças que me levaram a conquistar tudo o que eu quis e a me dar conta que nada do conquistado me deu sentido = minhas conquistas não me levaram ao meu S E R. Ao contrário: quanto mais conquistava, mais o vazio existencial aparecia. Até que me rendi. C A N S E I…

Leia mais

não há espiritualidade que não seja na carne

9 de novembro de 2018

não há espiritualidade que não seja na carne

Salve, mulher. Salve, irmandade. Não há espiritualidade que não seja terrena, na carne tomada por corajosa e plena presença. A embriaguez do êxtase – aspecto transcendente/ divino de nossa existência – torna-se autoengano e fuga se não canalizada como potência para enfrentar nossas sombras e para servir uns aos outros. Somos muito mais sombras do que luzes. Enquanto não aprendermos a dançar e a encarar os passos íntimos e negados de nossa própria ignorância, não nos sentiremos inteiros, livres, seguros e…

Leia mais

a sexualidade feminina foi devastada – e todas nós sabemos disso

9 de novembro de 2018

a sexualidade feminina foi devastada – e todas nós sabemos disso

Salve, mulher. Salve, irmandade. A potência de uma mulher não está da boca para fora. Está da vulva para dentro. Experimenta despir-te do discurso e largar a dependência de ser reconhecida/ admirada pelo outro. Experimenta abrir as pernas e examinar o inferno que tornou-se a tua pelve, teu centro de poder. A sexualidade feminina foi devastada. E todas sabemos disso. Coragem. Tomarás tua vulva violada pelo patriarcado de volta. Acolherás teu corpo em chamas por todas as dores e abandonos que sofreu – e que continuam vivos em tua pelve, coração e (in)consciência. O fogo do ódio, da raiva,…

Leia mais

solta a cruz da culpa

9 de novembro de 2018

solta a cruz da culpa

Salve, mulher. Salve, irmandade. Experimenta atravessar a culpa de R E C E B E R   P R A Z E R. Solta esta cruz. Liberta-te dos demônios internos que atormentam tua liberdade para S E N T I R a natureza íntima e plena: o êxtase de ser e estar em quem verdadeiramente É S. Toca-te como um anjo em teu sexo…

Leia mais

vida, faça-me tua

2 de outubro de 2018

vida, faça-me tua

Salve, mulher.  Salve, irmandade. Salve a delícia de ser quem se é. Sem culpa de assumir-se carne santa e delirante, aberta a cada instante. Penetra-me V I D A. Não há substitutos para ti. Faça me tua. . . . A M A R – S E ciclo primavera com FF. Autoexame e empoderamento para amar-se, amar ao outro e ser amada. Venha investigar teu corpo biografia no aqui-agora: centro sexual + centro…

Leia mais

amar-se! ciclo primavera com FF – início 17/ 10

2 de outubro de 2018

amar-se!  ciclo primavera com FF – início 17/ 10

AUTOEXAME E EMPODERAMENTO PARA AMAR-SE, AMAR AO OUTRO E SER AMADA WORKSHOP VIVENCIAL – CICLO PRIMAVERA COM FF Venha investigar a ti mesma no AQUI e AGORA, em teu CORPO- BIOGRAFIA: centro sexual + centro emocional + centro mental. 7 MÓDULOS – 7 TEMAS – 7 INVESTIGAÇÕES: corpo – vulva – vagina – útero – coração – consciência – ser. As dores – traumas – abusos – situações do passado e os bloqueios – medos – ansiedades ao futuro serão trabalhados e ressignificados no P R E S E N T E, no A Q U I e A G O R A a partir da base: Presença + Consciência + Responsabilidade. Trabalharemos em grupo de mulheres com a prática internacional, fenomenológica e existencial da Gestalt-terapia viva, honesta, direta, autêntica e transformadora e com o Vulvoscopia FF – criação de Fernanda Franceschetto; prova viva e pública de autotransformação como mulher e profissional. Vulvoscopia FF é um chamado para a libertação a partir da verdade, da autenticidade…

Leia mais

experimentarás abrir-te sem duvidar

10 de setembro de 2018

experimentarás abrir-te sem duvidar

Salve, mulher. Salve, irmandade. Salve P E N E T R A Ç Ã O. Experimentarás abrir-te sem duvidar. Sentirás teu deus em radical desejo por ti. Tua vulva pulsará. E teu canal vaginal absorverá toda a força da vida. Não temerás. Não fugirás. Dirás S I M. Pois és tu a guia de teu deus. Ali mesmo, dentro de ti ele outra vez já se perdeu. Orienta-lhe nos caminhos de tua carne viva. Desnuda teu louco amor de fêmea livre. E sem vergonha nem culpa, desfruta o falo divino, querida e sagrada animal humana.   Bençãos de coragem, fé e…

Leia mais

não há paraíso perdido para o corpo não domesticado

3 de setembro de 2018

não há paraíso perdido para o corpo não domesticado

Salve, mulher. Salve, irmandade. Salve carne incrédula! Não há crença que sobreviva em corpo que goza. Batizado na liberdade do S E N T I R. Obediente às escrituras imediatas da pele viva no agora. Fiel seguidor de seu deus, de seu sexo sagrado. Não há paraíso perdido para um corpo não domesticado.   bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto fêmea, filha, mãe, gestalt-terapeuta, atriz, jornalista e mística moderna   www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

amar-se

29 de agosto de 2018

amar-se

Salve, mulher! Fomos domesticadas pelo patriarcado a não amarmos a nós mesmas como somos. Fomos convencidas a desconfiar de nosso valor existencial e a T E M E R nosso poder sexual/ instintivo/vital. Fomos manipuladas a sermos reféns do do olhar de aprovação do outro sobre nós. Vivemos aprisionadas em um ideal que impede a autenticidade e promove a F A L S I D A D E  Í N T I MA: a farsa que contamos a nós mesmas quando não somos capazes de dizer N Ã O. Te convido a experimentar um corajoso retorno ao amor por ti mesma, à tua morada, ao teu corpo, ao teu céu e ao teu inferno através do WORKSHOP VIVENCIAL CICLO INVERNO – AUTOEXAME E EMPODERAMENTO para AMAR-SE, AMAR AO OUTRO E SER AMADA. Experimentarás investigar a ti…

Leia mais

entrega à força vital – erótica que és tu

29 de agosto de 2018

entrega à força vital – erótica que és tu

Salve, mulher! Experimenta a força da vida, a força erótica P U R A que há em ti, o êxtase em tuas entranhas, a potência de ser a mulher que tu és – independente da aprovação ou julgamento de qualquer pessoa; principalmente das que vivenciam a tua intimidade, a tua vulva, o portal da tua alma, o teu ser sexual-sagrado. Aprenda a curar teus traumas e bloqueios para sentir o prazer pleno em ser quem tu és. Aprenda a experimentar a espiritualidade autêntica unida a tua sexualidade, através do teu corpo, para enfrentares todas as batalhas que precisas vencer; contra todos os tipos de opressão, humilhação e violência….

Leia mais

o absurdo – e ainda vivo – tabu: expressar a própria vagina com honestidade

29 de agosto de 2018

o absurdo – e ainda vivo – tabu:  expressar a própria vagina com honestidade

Salve, mulher! Sonho com o dia em que será piada termos sofrido o tabu do viver e expressar a própria vagina com H O N E S T I D A D E. O sexo é o poder vital absoluto. Se ficamos aprisionadas na mentira das relações e/ou nas polaridades básicas: contenção/ repressão ou liberação/ promiscuidade deixamos de experimentar e descobrir o E S T A R nesta energia erótica, o fluir nesta força vital. Inteiras – mesmo quando acompanhadas – na consciência íntima sexual. É uma re- educação do sentir vital/erótico profundo, do eterno tempo no A G O R A, da conexão corpo-vulva-vagina-útero-coração-consciência- ser. Um resgate arquetípico no aqui e agora da sacerdotisa sexual livre, dos templos dedicados ao A M O R, existentes antes do patriarcado. O corpo da natureza era o próprio corpo da mulher – encarnação da Deusa. Feminilidade devastada, natureza devastada e relações sexuais devastadas são sinônimos. O sexo, natureza divina, pode ser resgatado e experimentado – em totalidade corpo-alma. Só ou a sós.   Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto filha, mãe, gestalt-terapeuta, atriz, jornalista e…

Leia mais

nossos corpos estão nesta terra para serem sentidos, tocados…

29 de agosto de 2018

nossos corpos estão nesta terra para serem sentidos, tocados…

Salve, mulher! Salve irmandade. Salve, sensualidade. Nossos corpos estão aqui nesta terra para serem sentidos, vividos, experimentados, tocados. Não usados. Se assim o permites ou o fazes – o que dá na mesma – investiga o que sentes por ti. Olha com coragem para as tuas relações íntimas. São retratos imediatos da tua sombra e da tua luz: do amor ou da falta de amor e estima por ti mesma. Enquanto estiveres sentindo prazer de verdade – sem mentir – gozando pra valer, viva! Se por um só momento…

Leia mais

tu és a guia, a mestra, a guru

29 de agosto de 2018

tu és a guia, a mestra, a guru

Salve, mulher! De peitaço aberto e sem vergonha de te oferecer o que fiz a mim mesma: experimenta a mulher que tu és e transforma a tua vida. Só depende de ti. De mais nada e de mais ninguém. Experimenta a tua vulva na integração sexualidade-espiritualidade e declara morte ao patriarcado que te castra, domestica, manipula, seduz, abusa, violenta, aterroriza exigindo que sejas uma mulher . . . ??? Basta….

Leia mais

toma de volta a tua vulva

29 de agosto de 2018

toma de volta a tua vulva

Salve, mulher! Experimenta olhar para ti – para tua vulva – com olhos de primeira vez: puros e amorosos. Impeça tua mente de reproduzir juízos patriarcais perversos, ignorantes e doentios sobre a forma, o tamanho, a cor, o cheiro, o sabor de tua identidade mais forte, sábia, profunda e poderosa….

Leia mais

a integração feminino-masculino como via de libertação

29 de agosto de 2018

a integração feminino-masculino como via de libertação

Salve, mulher! Salve, irmandade! É urgente ampliar o olhar sobre o feminino – e sobre o masculino. Esta é a polaridade que sustenta a V I D A e a condição humana, independente da forma física que manifestemos ou da orientação sexual. Já é hora de vencermos juntos a ignorância individual…

Leia mais

iluminar o medo

29 de agosto de 2018

iluminar o medo

Salve, mulher! Salve, irmandade! Confiar em si mesmo é abrir um  S O R R I S O   I N T E R N O  capaz de iluminar o M E D O. Ao lançarmos luz sobre o que nos intimida, podemos V E R com D I S T A N C I A M E N T O: separar a emoção que nos aflige do pensamento que está provocando tal emoção. Assim, a mudança de A T I T U D E perante qualquer situação é possível. Aprende-se a detectar o inimigo interno, o sabotador, o juiz, a vítima …. e não mais dar-lhes poder. Aprende-se a fluir na confiança íntima, que nada mais é do que a…

Leia mais

tua vulva é porta de entrada para a verdade que há em ti

29 de agosto de 2018

tua vulva é porta de entrada para a verdade que há em ti

Salve, mulher. Para de sofrer por alguém que não te vê ou não te aceita como Tu és. Toma consciência de que a dor ocupa o lugar onde há escassez de amor. E onde há escassez, há medo. E onde há medo, há impotência. E onde há impotência, há covardia. E onde há covardia, há violência. Como tu estás te relacionando? Ou, te autoviolentando? Te liberta, mulher. Aprende a te conhecer. Aprende a te amar. Aprende a te respeitar. Confia no que estás sentindo. Teu corpo é teu guia. Tua vulva é a porta de entrada para a verdade que há em ti.   Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto fêmea, filha, mãe, gestalt-terapeuta, atriz, jornalista e mística   www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

aprender a viver, aqui e agora

29 de agosto de 2018

aprender a viver, aqui e agora

Salve, mulher! Salve, irmandade de coragem! Experimentemos contemplar a pedra que faz o caminho. Tomemos distância, tempo e paciência para sustentar o ímpeto vaidoso que reage ao “ obstáculo”. Estejamos em sintonia com o feminino interno – independente de gênero – para abrir-nos generosamente à situação pela qual a V I D A nos penetra, nos provoca a sentir, a tomar consciência. Não é enfrentamento, batalha, guerra. É vivência, auto experimentação, A…

Leia mais

em nome da pelve, da vulva e do espírito erótico: abre-te

29 de agosto de 2018

em nome da pelve, da vulva e do espírito erótico: abre-te

Salve, mulher. Salve, irmandade. Salve, corpo bendito. Toca-te. Benze a tua pele. Ora no prazer de sentir-te V I V A. Em nome da pelve, da vulva e do espírito erótico, A B R E – T E para gozar a mulher que tu és. Exorciza a morte – disfarçada em medo de viver, culpa por ser não ser perfeita e vergonha de ser autêntica – que te impede de conhecer o êxtase, o deus a espera de ti. D E S N U D A – T E. Deixa a identidade maquiada e dissimulada ser lavada e purificada no mar do A G O R A. Tua liberdade é teu gozo, mulher. E teu gozo é viver, é poder.   Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto fêmea, filha, mãe, gestalt-terapeuta, atriz, jornalista e mística moderna   www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

te experimenta por inteira – na luz e na sombra

29 de agosto de 2018

te experimenta por inteira – na luz e na sombra

Salve, mulher. Salve, fera. Aprende a te ouvir gritar. Escuta a dor que há em ti. Solta a tua garganta e a tua vulva. Abre este canal. Sente o medo. Acolhe o medo. Coragem. Segue firme. Te permita ser quem tu és, por inteira – na luz e na sombra. Assume a escuridão de tuas ações, pensamentos e omissões, protegida atrás de tua máscara. Aprende a observar e a trabalhar sobre ti mesma. Aprende a enfrentar – e tornar conscientes – as diversas formas de opressão que sofreste e que levas o outro…

Leia mais

maternidade é o aqui-agora permanente: a maior escola de ralação de ego

29 de agosto de 2018

maternidade é o aqui-agora permanente: a maior escola de ralação de ego

Salve, mulher! Salve mãe-coragem! Não há guru, escritura sagrada, prática mística ou templo que se compare a um recém nascido e em seu contínuo processo para tornar- se pessoa: o filho reflete integralmente o indivíduo que somos na luz e na sombra. Não há montanha para onde fugir e meditar. A maternidade é a maior escola de ralação de ego. É o aqui e agora permanente. É tomada de consciência sem folga para contemplar. É ver o outro e…

Leia mais

transforma a ti mesma, antes de ser mãe

29 de agosto de 2018

transforma a ti mesma, antes de ser mãe

Salve, mulher!   Transforma-te mulher, se queres também ser mãe! A criatura que ouvir o teu chamado pós- transformação vai vir. Aprenda a amar-te antes que ela chegue. Aprenda a viver no Aqui e Agora, antes que ela chegue. Aprenda a escolher o homem que queres para fazer amor: olhos nos olhos – pele na pele. Descubra o prazer em ser quem tu és. Assim tua gestação será uma benção e um portal de conexão total com o Mistério da Criação e o poder da Vida. Em plena abertura e gratidão, teu gozo será divino, compartilhado e sentido por tua criatura. Teu corpo se tornará um templo vivo de carne-LUZ.   Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto fêmea, filha, mãe, gestalt-terapeuta, atriz, jornalista e mística moderna   www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

caminhar sobre as próprias pernas

29 de agosto de 2018

caminhar sobre as próprias pernas

Salve, mulher! Salve, irmandade! Um dos maiores desafios do V I V E R consciente no A Q U I – A G O R A é dar F I M aos caminhos e às relações que baseiam-se no autoengano, na mentira que contamos a nós mesmos por medo de não enfrentar a V E R D A D E que experimentamos em nosso eu mais profundo: sexual, emocional, mental, espiritual. Sejamos fortes e corajosos para aprender a irradiar e a sustentar a P R E S E N Ç A, o caminhar íntegro sobre nossas próprias pernas, a independência da manipulação do outro e/ou do meio em que vivemos. A transição da necessidade de apoio ambiente para o autoapoio genuíno é um dos objetivos mais potentes e transformadores no trabalho da gestalt- terapia.   Bençãos de coragem, fé e amor Fernanda Franceschetto fêmea, filha, mãe, gestalt-terapeuta, atriz, jornalista e mística moderna   www.fernandafranceschetto.com

Leia mais

abrir-se para criar a própria vida

29 de agosto de 2018

abrir-se para criar a própria vida

Salve, mulher! Salve, irmandade!   Abrir-se a si mesmo é aceitar a provocação diária e implacável da V I D A para descobrir-nos, desvelar-nos, despertarmos de padrões I N C O N S C I E N T E S de comportamento. O que está “ me acontecendo” A G O R A revela o quê sobre minhas escolhas/ sobre mim? No momento em que passamos a nos R E S P O N S A B I L I Z A R por tudo o que estamos vivenciando, começamos a E X P E R I M E N T A R o caminho do protagonismo ( x vitimismo), da autotransformação ( x procrastinação) e o mais alucinante: o acesso a F O N T E do P O D E R genuíno: o de sermos co-criadores de nossa realidade. No trabalho de base da gestalt-terapia ( EU-TU, AQUI-AGORA )  experimentarás a provocação para estar…

Leia mais

amar-se – workshop vivencial ciclo inverno com FF

14 de junho de 2018

amar-se – workshop vivencial ciclo inverno com FF

Salve, mulher! Te convido a começar uma experiência de auto amor: investigar a ti mesma, teu corpo-biografia, na integração dos três centros que compõe a tua existência – centro sexual + centro emocional + centro mental (quando em harmonia, experimentamos o SER, ou nosso “centro espiritual “). O workshop vivencial de terapia para mulheres – ciclo inverno, terá 7 módulos, de 15 em 15 dias, com o seguinte objetivo: autoexame e empoderamento para AMAR-SE, AMAR AO OUTRO…

Leia mais

maternidade como transgressão ao patriarcado

5 de junho de 2018

maternidade como transgressão ao patriarcado

Salve, irmandade filha de DEUSAS. Tão impossível quanto descrever a divindade que habita em nós é definir o “ser mãe”. A única certeza: o processo vital e a caminhada de cada mulher se refletirá diretamente no tipo e na qualidade da concepção, gestação, parto, nutrição e criação de um ser humano. Nós parimos a humanidade. Somos sim responsáveis pelo ser que trazemos ao mundo e pelas consequências que nosso “maternar” terá no coletivo. Quanto mais profundo o trabalho interior para despertar a capacidade de amar-se, amar ao outro e de ser amada, mais transgressoras seremos aos padrões anti-naturais estabelecidos diariamente pelo patriarcado, que nos quer apenas como peças mecânicas de um sistema insensível, cruel e covarde. Basta. Somos feras-divinas: em nossos úteros-moradas o criador torna-se criatura. Temos o poder de gerar a espécie humana. Que tipo de humanidade queremos? Que mudanças e criações  podemos fazer para sensibilizar o mundo? Sejamos sábias para nutrir-nos da força, do poder e da sabedoria de nossas próprias entranhas para criar uma nova realidade humana. A r-evolução é aqui e agora. Confiemos em nossa capacidade femenina de conceber, gestar…

Leia mais

I autoexame escrito – estar nua sendo tudo aquilo que se é

29 de janeiro de 2018

I autoexame escrito – estar nua sendo tudo aquilo que se é

I Autoexame Escrito – Série Vulvoscopia FF: experimenta a mulher que tu és Tomada [ de consciência para o autoamor] – I Ambiente: uma grande e iluminada sala, no alto das montanhas da Catalunya, FF em vivências de trabalho interior sob a regência do Dr. Claudio Naranjo. . . . É a primeira vez, em mais de 1000 dias dedicados 24h à maternidade, que deito o corpo no chão e me entrego ao autoexame FF. Não fazer. Não pensar. Apenas e tudo, respirar. Entrar completamente em mim. Começo a dar espaço…

Leia mais

palestra ao vivo e gratuita sobre workshop vivencial – Vulvoscopia FF

27 de setembro de 2017

palestra ao vivo e gratuita sobre workshop vivencial – Vulvoscopia FF

Salve, mulher! Quero te conhecer! Vamos nos encontrar ao vivo? No dia 20 de outubro, uma sexta-feira, em Porto Alegre, às 20h, farei uma palestra ao VIVO e GRATUITA sobre o WORKSHOP VIVENCIAL VULVOSCOPIA FF – EXPERIMENTA A MULHER QUE TU ÉS! Falaremos sobre Autoexame e o Empoderamento Feminino para AMAR-SE, AMAR AO OUTRO E SER AMADA a partir da investigação sobre si mesma, no AQUI E AGORA, em nosso Corpo-Biografia: CENTRO SEXUAL + CENTRO EMOCIONAL + CENTRO MENTAL! Conversaremos sobre a prática viva, direta, expressiva e transformadora da Gestalt-terapia – base do WORKSHOP VIVENCIAL –…

Leia mais

workshop vivencial para mulheres – Vulvoscopia FF

27 de setembro de 2017

workshop vivencial para mulheres – Vulvoscopia FF

AUTOEXAME E EMPODERAMENTO PARA AMAR-SE, AMAR AO OUTRO E SER AMADA Como tu estás vivendo e te relacionando, no Aqui e Agora? Há solidão e vazio interior, mesmo com liberdade e independência financeira? Há dependência afetiva e submissão por medo de estar só? Há frustração, raiva, apatia, insegurança, vergonha, medo, bloqueio…DOR? VENHA INVESTIGAR A TI MESMA, NO AQUI E AGORA, em teu Corpo-Biografia: CENTRO SEXUAL + CENTRO EMOCIONAL + CENTRO MENTAL WORKSHOP VIVENCIAL DE TERAPIA PARA MULHERES Trabalharemos com a prática da Gestalt-terapia viva, direta, expressiva, autêntica, honesta e transformadora! Serão 20 h de terapia Gestalt vivencial em grupo de mulheres, no feriadão de novembro, em Porto Alegre! VULVOSCOPIA FF é um processo dedicado ao empoderamento e autotransformação feminina a partir do AMOR, criado por FF desde sua própria metamorfose como mulher e profissional e na Gestalt-terapia vivencial: trabalha as situações do passado e as projeções ao futuro no Tempo Presente, no Aqui e Agora, através da base: Presença + Consciência + Responsabilidade LOCAL, DATAS, HORÁRIOS E INVESTIMENTO: PORTO ALEGRE – BAIRRO BOM FIM Rua Ramiro Barcelos 1796, sala…

Leia mais

indicado ao Nobel da Paz, dr. Claudio Naranjo, batiza o Vulvoscopia FF

27 de setembro de 2017

Salve, irmandade! VULVOSCOPIA FF é um trabalho de ajuda às mulheres para encontrar a si mesmas, empoderar-se frente às desigualdades e abusos do sistema patriarcal; aprofundar o feminismo no trabalho terapêutico sobre si para a ampliação da consciência e transformação ativa na própria vida e no mundo! VULVOSCOPIA  FF é um chamado para tua transformação a partir da Verdade, da Autenticidade e da Sexualidade! Com muita alegria, compartilho o vídeo do Dr. Claudio Naranjo falando sobre nosso encontro a partir do VULVOSCOPIA e batizando o início de meu trabalho terapêutico para servir às mulheres! Considerado uma das mentes mais brilhantes da atualidade, indicado ao NOBEL DA PAZ em 2015, Dr. Claudio Naranjo, psiquiatra chileno, mestre espiritual e líder mundial em Gestalt-terapia, criador do programa internacional de desenvolvimento humano integral e psico-espiritual, SAT( SER – Buscadores da Verdade), batiza o VULVOSCOPIA FF – experimenta a mulher que tu és: uma criação da Terapeuta-Gestalt Fernanda Franceschetto para o público feminino; baseada em sua autotransformação como mulher e profissional e na Gestalt-Terapia do Dr. Claudio…

Leia mais

Irmandade seja bem-vinda, aqui e agora!

16 de janeiro de 2017

Irmandade seja bem-vinda, aqui e agora!

Tornar-se presente é a única maneira de tornar-se consciente e iniciar um caminho de liberação e cura da doença da civilização dentro de si mesmo e no entorno que vivemos. Fernanda Franceschetto Irmandade, seja bem-vinda, aqui e agora! Minhas mãos sorriem ao comunicar o parto do site FF! Depois de 1000 dias de vivência integral e exclusiva da maternidade, estou abrindo este espaço para compartilhar experiências femininas, espirituais e profissionais de minha caminhada de autotransformação e o projeto Vulvoscopia FF – experimenta a mulher que tu és: um processo terapêutico criado especialmente…

Leia mais

não condenes minha nudez tão depressa

16 de janeiro de 2017

não condenes minha nudez tão depressa

Não condenes minha nudez tão depressa. Homem é aquele que treme na Presença. Destes, existem muito poucos. Por que não ir nua? É preciso alimentar o cordeiro da experiência e prepará-lo para o sacrifício. Então desaparecerão todos estes costumes, Como o de usar roupa. Só resta a alma. Lalla ( Lal Ded ) Salve, Irmandade! Fui encontrada por Lalla ao abrir um livro na Universidad de la Mística, em Ávila, Espanha. Cada palavra em seus poemas descreviam passos de minha caminhada em busca de meu corpo e alma para tornar-me a mulher que sou. Uma das raras místicas da Índia, entre tantos homens, começou a andar nua, coberta por seus longos cabelos, depois de abandonar o casamento – em que era abusada de diversas formas – e optar pela convicção interior x a convenção exterior. Sua nudez não foi apenas símbolo de ascetismo, mas de coragem para ser quem ela intimamente queria ser, em plena Cachemira do século XIV. Ela confiou…

Leia mais

O presente é sentir-me Viva!

16 de janeiro de 2017

O presente é sentir-me Viva!

Nietzsche foi o sacerdote que me empurrou ao abismo da sombra para depois aprender a caminhar, a buscar a vida autêntica, a criança: o estado de ser – Deus em si. Fernanda Franceschetto Salve, Irmandade! Aos 40 anos – a completar dia 29 de janeiro – o presente é sentir-me viva. Cada vez…

Leia mais

Fernanda Franceschetto

Seja bem-vinda, Deusa! Seja bem-vindo, Deus!
Me escreva quando quiser.
E também, esteja comigo!
Frente a frente.
Olhos nos olhos.
Corpo a corpo. 

Para marcar consulta individual e/ ou de casal com a terapeuta Fernanda Franceschetto envie e-mail para:
contato@fernandafranceschetto.com

Para participar dos grupos terapêuticos de mulheres Vulvoscopia FF envie e-mail para:
contato@fernandafranceschetto.com

Para contratar Fernanda Franceschetto para palestras e eventos:
contato@fernandafranceschetto.com

Porto Alegre – Brasil
Fernandes Vieira / 637 – 208
+55 51 983037799


Fernanda Franceschetto,
fêmea, mãe, terapeuta, atriz, jornalista e mística.

FF CONTATO

Seguimos unidos nas redes sociais, também! Acompanhe! Divulgue! Escreva! E, principalmente:

faça-te presente!

Escreva uma mensagem.

logoff

Fernanda Franceschetto 2017. Todos os direitos reservados

Desenvolvido por: Ideia Agência Digital.

×