em nome da pelve, da vulva e do espírito erótico: abre-te

em nome da pelve, da vulva e do espírito erótico: abre-te

29 de agosto de 2018

Salve, mulher.

Salve, irmandade.

Salve, corpo bendito.

Toca-te.

Benze a tua pele.

Ora no prazer de sentir-te V I V A.

Em nome da pelve, da vulva e do espírito erótico, A B R E – T E para gozar a mulher que tu és.

Exorciza a morte – disfarçada em medo de viver, culpa por ser não ser perfeita e vergonha de ser

autêntica – que te impede de conhecer o êxtase, o deus a espera de ti.

D E S N U D A – T E.

Deixa a identidade maquiada e dissimulada ser lavada e purificada no mar do A G O R A.

Tua liberdade é teu gozo, mulher.

E teu gozo é viver, é poder.

 

Bençãos de coragem, fé e amor

Fernanda Franceschetto

fêmea, filha, mãe, gestalt-terapeuta, atriz, jornalista e mística moderna

 

www.fernandafranceschetto.com